Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

As consequências do Tabaco

No description
by

Celia Coelho

on 10 January 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of As consequências do Tabaco

As consequências do TABACO O cigarro é um dos produtos de consumo mais vendidos no mundo. A revista "The Economist" comenta: "Os cigarros estão entre os produtos de consumo mais lucrativos do mundo e são também os únicos produtos legais que viciam e matam os seus consumidores." Segundo a revista americana "Newsweek" o tabaco mata 420.000 americanos por ano ou seja 50 vezes mais mortes do que as causadas pelas drogas ilegais. Anualmente o tabaco mata cerca de 3 milhões de pessoas em todo o mundo. Até 2020 existe uma estimativa de 10 milhões de óbitos, totalizando mais mortes do que a sida, a tuberculose, acidentes de viação, suicídios e homicídios tudo junto. As consequências do tabagismo não aparecem tão rapidamente a ponto dos fumadores a temerem de imediato. Os dependentes do tabaco são vítimas do próprio vício que muitas vezes o encaram como "prazer". O tabagismo é considerado um problema de saúde pública, sendo necessárias campanhas preventivas globais que esclareçam os malefícios do tabaco. Tipos de Fumadores ? Fumador ocasional - 1 a 2 cigarros por dia Fumador regular - menos de 10 cigarros por dia Fumador dependente - mais de 20 cigarros por dia FUMADORES PASSIVOS A convivência involuntária com o fumo do cigarro transforma os NÃO fumadores em FUMADORES PASSIVOS. O fumo é considerado o maior agente de poluição doméstica ambiental, sendo as crianças as mais prejudicadas. Crianças que vivam com pais fumadores têm mais 50% de probabilidades de infecções respiratórias do que crianças que vivam em ambientes sem fumo. O fumo inalado por um fumador passivo permanece no seu sangue cerca de 48 horas. Perigos do TABACO para FUMADORES PASSIVOS Em crianças: maior risco para doenças rspiratórias como pneumonia, bronquite e ataques de asma mais frequentes em asmáticos O ar poluído pelo tabaco contém, em média, 3 vezes mais nicotina, 3 vezes mais monóxido de carbono e até 50 vezes mais substâncias cancerígenas do que o fumo que entra pela boca dos fumadores depois de passar pelo filtro do cigarro. Os fumadores passivos sofrem de efeitos imediatos causada pela Poluição Tabagística Ambiental (PTA), tais como irritação nos olhos, irritações nasais tosse, cefaleia, aumento de problemas alérgicos entre outros. Em adultos: um maior risco de cancro do pulmão em 30% e um maior risco de enfarte do miocárdio em 24 % um maior risco de doenças correntes Perigos do TABACO para FUMADORES ACTIVOS Saúde Bucal Os efeitos do cigarro vão desde o mau hálito à precose perda dos dentes. O tabaco diminui a resposta imunulógica a bactérias bucais. Outros elementos químicos presentes no fumo do cigarro podem diminuir ainda mais a resistência dos tecidos de suporte dos dentes. O fumo do cigarro é também um dos principais factores de risco para o desenvolvimento do CANCRO DA BOCA: Tumores malignos que se desenvolvem na boca e parte da garganta. Podem desenvolver-se nos lábios, no céu da boca, gengivas, amigdalas e glândulas salivares. O tabaco é responsável por mais de 90% dos tumores de cavidade oral entre homens e 60% entre mulheres. É também responsável por 90% das mortes relacionadas a estes cancros. PULMÃO O PULMÃO humano é composto por pequenos glóbulos chamados ALVÉOLOS. O fluxo de sangue e a irrigação sanguínia entre o coração e o pulmão são intensos. O fumo do cigarro prejudica directamente o funcionamento do sistema coração-pulmão. Com o passar do tempo os alvéolos vão se tornando ressequidos pelos componentes do cigarro, deixando de fazer sua função. O organismo então passa a ter menor oxigenação nos tecidos, resultando numa maior facilidade de cansaço para o fumador. CANCRO DO PULMÃO O risco é tanto maior quanto maior for a quantidade de tabaco consumido, quanto menor for a idade de iniciação, maior for o nº de aspirações dadas por cada cigarro e o costume de manter o cigarro na boca entre uma e outra aspiração. * O fumo é responsável por 90% das mortes por cancro de pulmão DOENÇAS CARDÍACAS Os fumadores correm um risco de 70% de sofrerem de doenças cardíacas. 45% das mortes por infarto agudo do miocárdio na faixa etária abaixo dos 65 anos é devido ao tabaco. CANCRO DA MAMA As mulheres que fumam acima de 40 cigarros por dia correm um risco de 74% de obter um cancro de mama. As mulheres que se expõem diariamente ao fumo de forma passiva, correm um risco de 32% de ter cancro da mama se compararmos com mulheres que não teem contato com fumadores. Perigos de fumar na GRAVIDEZ A mulher que fuma durante a gravidez aumenta o risco de deslocamento precoce da placenta, de aborto prematuro, do bebê nascer com peso e altura inferiores ao normal e de vir a morrer repentinamente nos primeiros meses de vida ( morte súbita infantil). A exposição das mulheres grávidas ao fumo do tabaco pode ser uma causa de baixo peso do bebé à nascença, morte fetal e parto prematuro. Perigos para a PELE Um dos males causados pelo cigarro é o envelhecimento precoce de pele, que pode evoluir para problemas mais graves. O cigarro pode destruir as fibras que sustentam a pele do rosto, provocando rugas na região da boca e à volta dos olhos. Os fumadores, quando comparados com pessoas da mesma idade que não fumam, apresentam bem mais precocemente rugas no rosto e a aparência da pele mais envelhecida. IMPOTÊNCIA Um estudo recente releva que em cada 100 fumadores, 37 irão desenvolver algum problema no seu desempenho sexual. Isto porque o tabaco provoca o enrijecimento das artérias que irrigam o pénis o que acaba por provocar impotência sexual. Outros PERIGOS a acrescentar Complicações da DIABETES: Os diabéticos que fumam correm um maior risco em ter graves complicações renais e apresentam distúrbios da retina de evolução mais rápidas Cancro do cólon: Estudos mostram uma relação clara entre o fumo e o cancro do cólon Leucemia: Suspeita-se que o fumo do cigarro cause Leucemia Mielóide Depressão: Psiquiatras investigam evidências que possam existir entre o fumo e a depressão profunda Memória: Doses altas de nicotina podem reduzir a destreza mental em tarefas complexas Cancro da Laringe, Esófago, Pâncreas, Estómago, Bexiga, Ruins e Colo do Útero; Derrame Cerebral, Distúrbios Circulares, Osteoporose e Infecções de Ouvidos. Podemos ainda acrescentar o perigo de incêndios, já que o cigarro é a principal causa de incêndios em residências, escritórios, hotéis e hospitais.
Full transcript