Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Por que métodos ágeis? (aula)

No description
by

Rodrigo de Toledo

on 18 December 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Por que métodos ágeis? (aula)

Iterativo e incremental
Escopo flexível
Mudanças de requisitos
são bem vindas!
Quebra
de
Paradigmas

Por que Métodos Ágeis?
Education
PhD, INRIA - France, 2007
Master, PUC-Rio, 2000
Bachelor, PUC-Rio, 1995
Background
Professor UFRJ, currently
Software Engineer at Petrobras, 2 years
Researcher at Tecgraf, 10 years
Professor PUC, 6 years
Computer Graphics
Phd, 2007
Grad Project, 1995
Master, 2000
Planejamento contínuo
Orientado a pessoas
Times auto-gerenciados
Times multidisciplinares
Democracia no processo
Comunicação face-a-face
Acompanhamento do cliente
Priorização de acordo com o negócio
Melhoria contínua
Modelo
tradicional
Teoria
x
Prática
Modelo ágil
Desenvolvimento
em fatias

Planejamento/controle
Inspeção/adaptação
Sistema empurrado
Sistema puxado
Escopo
Prazo
Custo
Qualidade
Time box
Métodos Ágeis
@toledorodrigo
Questões interativas
Manifesto Ágil
(A) Documentação compreensiva
(B) Negociação contratual
(C) Colaboração com o cliente
(D) Seguir um plano
(E) Indivíduos e interações
(F) Processos e ferramentas
(G) Responder a mudanças
(H) Software funcionando
( ) over ( )
( ) over ( )
( ) over ( )
( ) over ( )
Adaptação
Planejamento/controle Inspeção/adaptação
Mudanças de requisitos são bem vindas
Melhoria contínua
BDUF - Big Design Up Front
1993: 65% de fracasso
(Caper JonesGrandes sistemas)
1999:75% de fracasso
(Jarzombek DOD)
2001: 87% de fracasso
(ThomasSistemas em UK)
2009: 68% fracasso
(Chaos Report)
Fracasso de Projetos de TI:
O que vocês já ouviram falar
de métodos ágeis?
XP?
Scrum?
Algum outro método?
Algum treinamento (>=8h)?
CSM ou CSPO?
Alguma palestra minha?
Comunicação e senso de time
Time multidisciplinar
Auto-gestão
Trabalho em par
Reuniões diárias
(stand-up meetings)

Informação exposta
Cada iteração termina
com nova versão do software
Transparência, visibilidade

Acompanhamento diário
Como estamos?
Quem está fazendo o que hoje?
Foco na qualidade
Pontos levantados pelo time
A cada iteração
Diariamente
Testes automatizados
Testes unitários
Integração Contínua
Testes:
Melhoria contínua:
Alguns
Benefícios

Pontos de atenção!
Para times tecnicamente experientes
Pode tornar o ambiente mais sério
Processo exigente, muito focado
(Google compensa com o esquema 80-20)
Alguma perda de flexibilidade no horário
(Stand-up meetings)
Perde-se parcialmente a privacidade
Todos sabem o que você está fazendo
Pair-programming
Como tratar especialistas em equipes multidisciplinares?
Como lidar com estrutura organizacional baseada em funções?
Como fazer o contrato (preço e escopo)?
Como auditar e certificar? ((obs: falar sobre CSM))
Como lidar com pessoas em mais de um projeto?
Como avaliar indivíduos se o trabalho é em grupo?
Conciliar metas individuais e metas em grupo
Valorizar metas individuais relativas à atuação de grupo (“individual teamwork”)
O time pode avaliar cada membro
Os que planejavam e atribuíam tarefas estão preparados para deixar com que outros o façam? E vice-versa?
Estão todos preparados/maduros para que os problemas fiquem em evidência?
Como contratar novas pessoas?
Pode-se encontrar resistência com outros setores não ágeis
Há situações que não cabem mudanças de requisitos constantes
Ex: robo em Marte da Nasa
“No Silver Bullet”, Frederick Brooks
Atenção! Cuidado com os falsos mitos negativos:
Só serve para grupos pequenos (FALSO)
Não gera documentação (FALSO)
Menos qualidade (é exatamente o INVERSO)
História da
Computação

50's 60's
Caos
"Engenharia
de software"
70's
Planejamento
Implementação
(controle)
Cascata
(waterfall)
TPS
Questionamentos
Nonaka
Takeushi
Qualidade
Lean Thinking
Toyoda, Taiichi Ohno, Womack ...
"The new new product development game"
80's
Smalltalk
?
Imprevisibilidade
Esforço muito maior
no Planejamento!
Construir software
é diferente de
construir prédio
90's
2000's
Google AdWords
Eclipse (700 dev.)
Nokia
ThoughtWorks
2010:
70+ empresas
Petrobras (30 times)
Indivíduos e interações são mais importantes que Processos e ferramentas
Agile Manifesto
Colaboração com cliente é mais importante que Negociação contratual
Responder a mudanças é mais importante que Seguir um plano
Produto funcionando é mais importante que Documentação compreensiva
2001
Standish Group, 2011
CHAOS Manifesto
Métodos ágeis são um dos responsáveis para o aumento recente do número de projetos com sucesso
Brasil
2007 ~ 2013
Agile Brazil:
2009, 150 pessoas (Rio)
2010, 820 pessoas (POA)
2011, 780 pessoas (Fortaleza)
2012, 850 pessoas (SP)
2013, 1000 pessoas (BSB)
Campos de Pesquisa
LINHAS DE PESQUISA (WBMA):
Estudos de caso de implementação
Ferramentas de eng. de sw.
Testes automatizados
Estudos conceituais
LOCAIS DE PUBLICAÇÃO:
WBMA - Workshop Brasileiro de Métodos Ágeis
Workshop de Desenvolvimento Rápido de Aplicações
Journal of the Brazilian Computer Society
Brazilian Symposium of Software Quality
Workshop em Desenvolvimento Distribudo de Software
Experimental Software Engineering Latin AmericanWorkshop
XP 2010, 11th International Conference on Agile Software Development
VII Seminario Gest~ao de Projetos em Tecnologia da Informação e Comunicação
International Journal of Advanced Manufacturing Systems
International Conference on Software Quality Management
ICAM 2008 - International Conference on Agile Manufacturing
PRINCIPAIS AUTORES DE LIVROS:
Mike Cohn
Ken Schwaber
David Anderson
Poppendink`s
Kent Beck
Jim Highsmith
PRINCIPAIS UNIVERSIDADES:
USP
UFPE

UFMG
PUC-RS
...
FOMENTADORES:
Scrum Alliance
Agile Alliance
TESES E DISSERTAÇÕES:

PhD Thesis, Calgary, 2007
Empirical Analyses of Executable Acceptance Test Driven Development
UFPE, Início 2010, Celio Andrade, prof. Cristine Gusmão
Avaliação da Utilização de Metodologias Ágeis em Conjunto com Modelos de Qualidade de Software.

Mestrados na USP (prof. Goldman):
Uso eficaz de métricas em métodos ágeis de desenvolvimento de sw
Métodos ágeis e otimização global
O uso de métodos ágeis no desenvolvimento de sw livre
Ferramentas para o Ensino de Métodos Ágeis
Um estudo sobre técnicas de acompanhamento de projetos
Outros mestrados:
XPu: uma extensão do método XP visando à usabilidade (UFMG, 2009)
Experiência de utilização de metodologia ágil SCRUM em desenvolvimento de sw em uma pequena equipe (Federal de Lavras, 2005)
FireScrum: Ferramenta de apoio a gestão de projetos utilizando Scrum (UFPRE, Incio: 2008)
Extensão de Metodologias Ageis Segundo As Areas de Processo do MPS.BR (UFPRE, Incio: 2008)
Uma abordagem para tratar o acompanhamento ágil de projetos distribuídos por meio de adaptações do Scrum (UFPE, agosto 2011, Hernan Munoz)
No Rio:
Vinicius Telles, UFRJ 2005, Um Estudo de caso da adoção das práticas e valores do XP (orientador: Carlo Emmmanoel Tolla de Oliveira)
Rafael Sabbagh, Administração PUC-Rio 2010, Fatores Críticos para a Prática de Valores Ágeis em Equipes de Tecnologia da Informação
Leandro Gomes, Eng. de Produção, UFF 2010,Manufatura ágil e o setor de serviços financeiros brasileiro
MEUS INTERESSES:
(Scrum >> Kanban)
Estimativas ágeis
Melhoria Contínua
Times auto-organizados
Agile
2009
Scrum Gathering, Agile Brazil
2010
Agile Brazil, Agile Tour
2011
Maré de Agilidade, Workshops de Melhoria de Processos de Software, PMI-Rio, Martin in Rio, Agile Brazil, David in Rio
2012
Agile Brazil, WBMA
2013
LKSA, TDC, Agile Brazil, WBMA, LKNA, Fórum Global de Projetos
2007~2013
Experiências
Scrum Master, Tecgraf
Product Owner, Petrobras
Comitê de adoção de Scrum
na Petrobras
Coaching/treinamento:

EzLearn, Qx3, Módulo, Mastersaf, TRE, Marinha, Peixe Urbano, CEF, BNY Mellon, Globo.com, Microsoft, Banco Central, XPi, Affero, Serpro, Prefeitura RJ ...
Publicações
Story points
Estimando histórias e tarefas
Scrum and Scrum (2x)
www.k21.com.br/blog/
Treinamentos
Scrum (+ de I.OOO profissionais)
Kanban (desde 2010)
Product Owner
Testes automatizados
peão criativo
faltar um tijolo
chegar para o lado
leis físicas, colunas
Albert Mehrabian,
California University
3 Vs da comunicação:
Visual: 55%
Vocal: 38%
Verbal: 7%
Quais são os problemas mais frequentes na área de TI?
- Assunto apaixonante
- Assunto polêmico
- Quebra de paradigmas
- Perguntas a vontade
- “Depende”
- Termos em inglês
- Bala de prata?
- Arrogância x Respeito
- Horário
@toledorodrigo
Rodrigo
de Toledo
Rodrigo de Toledo
Questionário Nacional sobre Métodos Ágeis (IME-USP, 2012)
Palestras
Full transcript