Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Marketing Internacional

No description
by

Pedro Santos

on 8 December 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Marketing Internacional

implementar e
desenvolver o futuro
Docente Discentes
Flávio Tiago Pedro Santos
Valter Camara

Licores
Introdução
No âmbito da disciplina de Marketing Internacional integrada no Mestrado de Ciências Económicas e Empresariais, lecionada pelo Professor Doutor Flávio Tiago foi proposto a realização de um trabalho nomeadamente sobre os licores produzidos nos Açores e como proceder à sua internacionalização.
Sendo os licores um produto típico Açoreano, na qual, emprega uma quantidade de colaboradores considerável, consideramos este estudo importante para o desenvolvimento económico da região.
Neste trabalho será debatido os melhores mercados para onde se deve começar a exportar e em quais a probabilidade de perder capital é maior ou até mesmo não é aconselhável, sempre tendo em conta, que teriamos capacidade de produção para proceder à exportação.
Após seleção de mercados, irá ser tratado temas como os canais de distribuição, barreiras à entrada, como os imposto, entre outros que consideramos importante ter em conta para começar a exportar.
Seleção
Averiguação
Diferenciação
Conclusão
Segmentação
Exemplos de Publicidade
Conclusão
Com este trabalho, concluímos que apesar da produção regional de garrafas licorosas ainda não possuirem uma dimensão que justifique a exportação, seria interessante estimular este mercado de modo a dar oportunidade para concretizar a mesma.

Existindo a possibilidade, seria pretendido concorrer como um produto de qualidade, diferenciando-o e não competir pela líderança de preço, só assim, seria possível tornar esta atividade rentável para exportação.
Bibliografia/Webgrafia
operativa
contablística
financeira
marketing
& branding
jurídica
estrategia
corporativa
estrategia
interna
estrategia
externa
estrategia
interna
& externa
Consultoría
Estratégica
Integral
Analizar o positivo e
negativo no presente
Conhecer e
Compreender o contexto
Hofstede
I
Ponta Delgada, 13 de abril de 2017
Mestrado em Ciências Económicas e Empresariais
2016/2017
FEG
https://www.geert-hofstede.com/

https://trends.google.pt/trends/

https://www.google.com/trends/correlate

http://pt.reingex.com/

https://pt.wikipedia.org/wiki/Lista_de_pa%C3%ADses_por_consumo_de_%C3%A1lcool

http://www.deperu.com/web.php?sitioweb=190.187.166.106/ALMENDARIZ/catalogo2016/#/0

http://busquedas.elperuano.com.pe/normaslegales/regulan-la-comercializacion-consumo-y-publicidad-de-bebidas-ordenanza-no-334-1421731-1/

www.ctt.pt

http://gestion.pe/politica/incrementan-impuesto-selectivo-al-consumo-cervezas-vinos-y-licores-2066064

https://liquor.cybo.com/PE/caraz/wine,-beer-and-liquor-stores/

https://pt.tradingeconomics.com/peru/unemployment-rate
Tratando-se de um produto com uma validade longa será preferível utilizar o transporte marítimo como uma via preferível, tendo como característica principal e mais importante o baixo custo.

Por último consideramos importante a escolha da data para introdução no mercado e visto que os picos de consumo são no natal, será preferível introduzir-mos o produto numa data próxima tendo em conta o tempo necessário para o transporte e divulgação do novo produto.
A União Europeia é o maior investidor na região Andina e o segundo parceiro comercial da América Latina.

A União Europeia (UE), a Colômbia e o Peru anunciaram a conclusão das negociações para um acordo comercial em maio de 2010 durante a cimeira União Europeia-América Latina. O presente acordo estima-se que possa poupar um valor médio de 1.000 milhões de euros em direitos e impostos e espera-se que impulsione as economias da Colômbia e do Peru quase o 1% do produto interno bruto.

A União Europeia é o segundo parceiro comercial na região andina depois dos Estados Unidos.
A Comunidade Andina (a Bolívia, a Colômbia, o Equador e o Peru) representara 0,7% do comércio internacional da União Europeia (UE), enquanto a União Europeia representa 14% do comércio exterior da Comunidade Andina.
As importações da União Europeia dos países andinos foram na sua maioria produtos de exportação primários: os produtos agrícolas (41,1%), os combustíveis e os produtos mineiros (44,7%).
As exportações da União Europeia consistem sobretudo em produtos manufaturados (81,5%), a maquinaria e equipe de transporte (46,5%) e os produtos de exportação químicos (13,8%).
O comércio exterior entre a Comunidade Andina e a União Europeia atingiu 23.536 milhões de dólares, o que representa um aumento do 19% com respeito ao comércio do ano anterior (19.811 milhões de dólares).
O principal exportador andino na União Europeia é o Peru. As exportações deste país para à União Europeia atingiram 5.480 milhões de dólares, quantidade que representou o 44% das exportações andinas para dito bloco de integração. Segue-lhe a Colômbia, o Equador e finalmente a Bolívia com 38%, 16% e 2% respetivamente.
A ajuda da União Europeia ascendeu a uns 3.000 milhões de euros, e o Banco Europeu de Investimento foir autorizado a prestar até 2. 800 milhões de euros.
Acordos comerciais entre UE - Países Andinos
Dados da OMS de 2010
Lista de países por consumo de álcool
Destiladas
Peru
Chile
Canadá
Espanha
47.1
29.4
26.8
28.2
"Como se come um elefante?
pedacinho por pedacinho..."
Idades: +18

Cidade de Lima (8,486,866 em 2007)

Festividades
Regulamentação
Não existem diferenças entre Portugal e o Perú (barreiras à importação);
Taxas / Impostos
Envio
Ctt
zona 3

7 dias

Via aéria

Rastreamento

Até 30 kilos

Desconto de 7,5% (500 objetos mensais)


€ 32.750,00
(cada caixa tiver 6 garrafas)

+ 10,92€ por garrafa transportada
0,68€ por litro (6º - 20º)

25% do preço de venda
Localização a apostar
Breña (pesquisa por bebidas alcoólicas);

Distrito localizado no centro de Lima;

População: 75,925 em 2015;

Dimensão: 3,22 km2;

% de pobreza: 4,8% - 7% (2013);

Religião Católica (festejam o Natal);
Não é a melhor opção!
Talvez um acordo comercial com a Bentrans fosse a solução!
PEST
SWOT
Parceiros Comerciais
Vinos Bonelli

Breña - Deposito De Licores Maybur

Juguería Noe

Paquita

Como en Casa

Distelsa S.A.C.

El Yautino
Ballamtimés
La Dulce Fruta
Social
Económico
- Novo sol - 3.65800 < Euro - 1€

- Taxas/imposto: 18% < 25%

- Taxa de desemprego: Baixou de 7.2 para 6.8 (Janeiro a abril de 2017)
Politico-legal
Tecnológico
Através de pesquisa podemos equiparar o nosso produto ao conhecido “pisco” (produto local), embora com algumas caracteristicas diferentes que acabam por conceder uma diferenciação positiva ao nosso produto (teor mais baixo de álcool e sabor mais doce) que tendemos a comercializar com o sabor a maracujá, ou melhor, um sabor muito apelativo no destino pelo seu apelo ao “tropical” e à sua comparação com bens de consumo frescos. Por outro lado, a própria fabicação tem processos diferentes dos utilizados no local do destino que pretendemos a comercializar concedendo outras características de degustação, que não são comuns. Ainda assim, o produto a comercializar com o sabor a maracujá é o que têm mais prémios conquistados a nível europeu.
- População com uma má distribuição de rendimentos (deveremo-nos focar no segmento com alto rendimento).

- Altos níveis de corrupção

- Barreiras elevadas quanto à importação de produtos.

- Diferenciação de produtos nacios para importados.

- Últimos 10 anos com graves instabilidades políticas.

- Trocas comerciais aumentaram em alguns anos mais que 172%


- Trata-se de produtos que necessitam de maquinaria com um certo elevado grau tecnológico que a empresa já adquiriu no país sede.
Full transcript