Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

FLUIDOS DE PERFURAÇÃO

No description
by

Thaís Batista

on 20 February 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of FLUIDOS DE PERFURAÇÃO

Características, Funções e Propriedades
Características
FLUIDOS DE PERFURAÇÃO
Por : Beatriz Guimarães, Jefferson Patrício, Maria Clara, Matheus Muniz e Thaís Batista
Introdução
Definição
Mecanismos dos Fluidos de Perfuração
Tipos de Fluidos de Perfuração
Fluidos a Base d'água
Tipos de Fluidos de Perfuração e Poços Direcionais
São fundamentais na Indústria Petrolífera (resfriamento da broca, retirada dos cascalhos e etc.)
A fase contínua dispersante é um óleo. Se comparados a composição, são similares aos de base aquosa. Foram desenvolvidos para aplicação em poços direcionais
Fluido Circulante capaz de tornar a operação de perfuração viável (API)



Mistura complexa de sólidos, líquidos, produtos químicos e por vezes, gases. (Thomas
Possui constituintes tóxicos que retardam a ocorrência de fenômenos indesejados.
Possiblitou perfurações horizontais e verticais.
Quimicamente estável
Estabilizar as paredes do poço
Facilitar a separação dos cascalhos
Manter os sólidos em suspensão
Ser inerte a danos das rochas produtoras
Aceitar qualquer tratamento
Apresentar baixo grau à corrosão e abrasão
Apresentar custo compatível a operação
Funções
Limpar, resfriar e lubrificar
Controlar pressões
Trazer cascalhos à superficie
Estabilizar as paredes do poço
Transmitir potencia hidraulica a broca
Propriedades
Peso
Viscosidade
Reatividade
Controle de perda de fluido
Promovem o meio para a dispersão dos materiais coloidais. Subdividido em 4 grupos, sendo eles os não-inibidos, onde nãohá tratamento químico no fluido, os inibidos, que passam por tratamento químico e/ou físicos, fluidos com baixo teor de sólidos e fluidos emulsionados em óleo. Essas divisões tem como objetivo melhorar o desempenho do fluido.
Fluidos a Base de ar
Não são muito utilizados. Recomenda-se seu uso para situações de zonas com grande perda de circulação e formações prdutoras com pressão muito baixas.
NAF'S
Emulsões invertidas , sendo a fase contínua fluido + água e fase interna composta por substâncias químicas
GRUPO I- Fluidos com elevado teor de aromático.
GRUPO II- Fluido com com conteúdo aromático médio.
GRUPO III- Fluidos com baixo ou despresível conteúdo aromático

Fluidos a Base de Óleo
Fluidos Sintéticos
Foram desenvolvidos como alternativa para as restrições dos óleos de base aquosa. São mais caros e menos tóxicos.
Poços Direcionais
A perfuração direcional é uma técnica que consiste no desvio intencional da trajetória de um poço vertical.
Aditivos
Mais utilizados:Polímeros,surfactantes,sais e bentonitas.
Polímeros: polímeros naturais.
ex:Gomas,Biopolimeros,a base de amido.
Naturais modificados:Ex:CMC,HEC,CMS.
Polímeros sintéticos:Ex:Poliacrilatos,poliacrilamidas.
Sais:Cloreto de sódio,cloreto de potássio e cloreto de cálcio.
Outros: Baritina,fosfatos,taninos,carbonatos e paraformaldeidos.

Metodologia
Fatores internos-Quantidade ideal de água,oleo,aditivos e de outros.
Fatores externos: Condições da região a ser perfurada.

Full transcript