Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

dicotomia público/privado

No description
by

Lídia Fernandes

on 5 April 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of dicotomia público/privado

parte partilhada, visível e responsabilizável;
governada por normas, regras e valores comuns
controlada pelo estado. Público mais íntima, interior respeitante à identidade pessoal
onde o indivíduo pode explorar o não normativo/consensual
espaço para o exercío da livre vontade DICOTOMIA Debates teóricos VIDA SOCIAL PÚBLICO PRIVADO PÚBLICO/PRIVADO definição dos conceitos
a dicotomia na história do mundo ocidental
está a condicionar os debates actuais? a) problemas sociais e económicos enfrentados;
b) formação de identidades pessoais e sociais;
c) respostas individuais e colectivas aos problemas;
d) debate sobre políticas económicas e sociais. Em que medida está dicotomia está presente nos debates teóricos em torno de questões-chave da vida social contemporânea? Privado limites à soberania interferencia Público Privado TRÊS MOMENTOS DA HISTÓRIA DO MUNDO OCIDENTAL Modernidade fusão
agregado doméstico
instituições que representam interesses gerais/colectivos

Grécia
Antiga Feudalismo POLIS OIKOS e
alcançar
a virtude e a fama através da competição os homens eram livres para expressar os ser verdadeiros "selfs" espaço
de mera reprodução física
da compulsão, selvajaria
de imersão no trivial escravos/as da necessidade - não podiam alçançar a liberdade As mulheres, crianças e escravos/as respondiam às necessidades particulares do cabeça de agregado doméstico, permitindo libertá-lo para movimentar-se do mundo privado para o público Liberdade,
condição de cidadania ESTADO SOCIEDADE
CIVIL MUNDO DO
TRABALHO AGREGADO
DOMÉSTICO ESCRUTÍNIO PÚBLICO INTIMIDADE PESSOAL INTERESSES GERAIS INTERESSES PARTICULARES
Full transcript