Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

LITERATURA

No description
by

Graciana Lenzi

on 11 February 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of LITERATURA

LITERATURA
FONTS
A ERA MEDIEVAL - TROVADORISMO
GÊNEROS LITERÁRIOS
É uma “separação” para facilitar identificação das características temáticas e estruturais das obras.
FUNÇÕES DA LITERATURA
São quatro as funções da literatura.
O QUE É LITERATURA?
- A palavra Literatura vem do latim "litteris" que significa "Letras".

- Assim como a música, a pintura e a dança, a Literatura é considerada uma arte.

- A Literatura é um instrumento de comunicação, pois transmite os conhecimentos e a cultura de uma comunidade. O texto literário nos permite identificar as marcas do momento em que foi escrito.
PROFESSORA GRACIANA LENZI
- Como todas as outras artes,
a literatura reflete as relações do homem com o mundo e com os seus semelhantes.

- Na medida em que essas relações se transformam historicamente, a
literatura também se transforma
.

- Chamamos de
escolas literárias
aos grandes conjuntos em que costumamos dividir a história da literatura
Catártica
: ocorre quando a produção artístico-literária consegue “mexer” conosco, deixando aflorar algum tipo de emoção, lágrima, sensação de tristeza ou felicidade, etc.
Estética
: Como o próprio nome diz tem a pretensão de ser admirada, por representar o belo. Por isso quando o artista consegue este objetivo, passa a ocorrer esta função. 
Cognitiva
: o objetivo básico da literatura é transmitir conhecimento ou informação.
 
Político-social
: É quando envolve o senso crítico, atingindo o intuito formador de opiniões.

Lírico
: sentimental, poético.


Épico
: narrativo.
 

Dramático
: teatro. É o gênero ligado diretamente à representação de um acontecimento por atores.
Primeira manifestação literária da língua portuguesa.

Surgiu no século XII, entre 1189 e 1418, em plena Idade Média.

Portugal estava no processo de formação nacional.

A palavra trovadorismo origina-se de trovador, termo que designava o poeta da época.

O "teocentrismo" é uma característica marcante (Deus como centro de tudo e todas).
O trovador compunha a música que acompanhava o texto.

Não havia poemas para serem lidos. Os poemas eram feitos para serem cantados – as chamadas cantigas.

As cantigas eram manuscritas e reunidas em livros, conhecidos como "Cancioneiros".

Utilizavam-se principalmente a viola, a harpa e a lira.

Todas as composições eram escritas em "galego-português" - língua materna da época.
O sistema econômico denominado de feudalismo, no qual o direito de governar se concentrava somente nas mãos do senhor feudal, o qual mantinha plenos poderes sobre todos os seus servos e vassalos que trabalhavam em suas terras.
O marco inicial do Trovadorismo é a “Cantiga da Ribeirinha” (conhecida também como “Cantiga da Garvaia”), escrita por Paio Soares de Taveirós no ano de 1189.

Os trovadores de maior destaque na lírica galego-portuguesa são: Dom Duarte,
Dom Dinis
, Paio Soares de Taveirós.
TIPOS DE CANTIGAS
Cantigas líricas
Cantigas satíricas
cantigas de amor e
cantigas de amigo
cantigas de escárnio e cantigas de maldizer
Autoria: masculina.
Sentimento: masculino.
O homem presta vassalagem amorosa - Ele canta a dor de amar e está sempre acometido da "coita".
A mulher é um ser idealizado, superior.
Autoria: masculina.
Sentimento: feminino.
A mulher sofre pelo amigo (namorado, amante) ausente.
A mulher é um ser mais real e concreto.
Muitos eram os temas das cantigas satíricas: os costumes, notadamente do clero; a covardia; a decadência de alguns nobres; os vilões; o adultério das damas.
-
Maldizer
diretas com citação nominal da pessoa ironizada, marcadas pela maledicência. Seus temas prediletos eram adultério, amores interesseiros ou amores ilícitos; usavam um vocabulário direto com palavras obscenas, carregadas de erotismo.
-
Escárnio
indiretas, palavras ambíguas, expressões irônicas, sem, contudo, revelar o nome da pessoa satirizada.
Full transcript