Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Untitled Prezi

No description
by

Liliane Carneiro

on 9 November 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Untitled Prezi

Características associadas apenas à dimensão emocional:
perfeccionismo, excesso de autocrítica, sensibilidade exacerbada, dificuldade em seguir regras e lidar com o autoritarismo, e o sub-rendimento

Trajetória de desenvolvimento de um
pesquisador e poeta brasileiro

Estudos retrospectivos revelam que muitos adultos eminentes não foram percebidos como talentosos na infância ou adolescência.

O indicador da eminência dentro de um domínio criativo é a quantidade de produtos influentes que um indivíduo deixa ao mundo, cujas contribuições são reconhecidas pelas gerações contemporâneas e pelas seguintes.
Antonio Miranda

Atuação profissional:
Ciência da Informação

Áreas de interesses:
Poesia, dramaturgia e artes plásticas
Edição de livros de arte
Colecionador de bromélias, cartões postais
e livros raros.


Ressalta-se que ele nunca foi submetido a avaliações que comprovem a sua superdotação e afirma não se considerar um superdotado.
Os estudos envolvem a natureza-educação.

Natureza é tudo o que um homem traz consigo ao nascer e educação é a influência do ambiente que o afeta desde o nascimento.

Superdotação: fenômeno multidimensional e multifacetado, numa combinação que recebe a influência, entre muitos fatores, dos aspectos cognitivos, afetivos, de personalidade; do nível de motivação e de autoconceito; criatividade; oportunidades oferecidas; aspectos do contexto histórico, social e cultural.

Características do superdotado


Senso crítico e de humor altamente desenvolvidos, curiosidade, persistência, dedicação, perseverança, autoconfiança, independência, altas expectativas de sucesso, criatividade, sensibilidade a injustiças e liderança
Do ponto de vista cognitivo, o superdotado apresenta linguagem, leitura e escrita precoces, vocabulário avançado, ritmo de aprendizagem rápido, pensamento abstrato e analítico, concentração, boa memória, grande bagagem informacional e capacidade de gerar ideias originais.

Nível elevado de motivação (intrínseca e a extrínseca)

Desajustes sociais e emocionais
Características de personalidade:
jovens com muita criatividade artística, comparados àqueles com criatividade acadêmica;
aqueles que são excepcionalmente inteligentes

Características associadas apenas à dimensão emocional:
perfeccionismo, excesso de autocrítica, sensibilidade exacerbada, dificuldade em seguir regras e lidar com o autoritarismo, e o sub-rendimento

Opção por abandonar a escola: forte associação a um ambiente escolar anticriativo.

Visão darwiniana no desenvolvimento de potencial
educativo e criativo

O ambiente doméstico enriquecido ---------------------------- Valorização da educação

A adversidade e trauma ------------------------------- Experiências traumáticas


Altos níveis de educação e ------------------ Reforços positivos e exposição a outras culturas
marginalidade étnica

Por outro lado...

A criatividade excepcional pode não corresponder a boas notas na escola e isso está bem evidente na criatividade artística.
Árduo processo de autoeducação.

Nível elevado de motivação.
Opção por abandonar a escola: forte associação a um ambiente escolar anticriativo.

Estudo de Caso

Entrevistas semiestruturadas.
Trocas de correspondências por correio eletrônico.
Pesquisa documental na internet: portal de poesia e arquivo pessoal do poeta.
Investigação em suas publicações, principalmente, no livro autobiográfico - Manucho e o Labirinto.

Infância

Bacabal – Maranhão

Caçula – 7 irmãos – 2 sobreviveram

9 anos - mudou-se para Nova Iguaçu, Rio de Janeiro.

12 anos - publicava sua poesia à mão, em pequenos cadernos, com temas do seu mundo primário: mãe, casa, cão, aves, árvores, flor etc.


O poema “A Casa” - negação da casa:

A casa é uma coisa
Que nós tanto amamos
Ela é uma moradia
Que nós muito gostamos.

Em nossa casa
Onde nós sempre moramos
Nascemos nela
E nela nos acabamos.

Ah! Se eu pudesse!
Viver como as aves
Que vivem em ninhos
Na paz com beijos doces.

Adolescência

Não tinha atração pela sala de aula.

Registro de 80 livros lidos e relidos em um ano: enquanto os jovens iam jogar bola, ele ia à livraria.

Iniciou o curso de técnica agrícola em regime de internato, mas abandonou os estudos.

Escrevia para revistas infantis e entrevistava personalidades da música.

Recebeu muitos prêmios, sendo seus poemas lidos em rádio e publicados em jornais.

Aos 15 anos fundou um jornal e vendia os exemplares de porta em porta.

Ganhou uma bolsa de estudo e a gráfica da escola para que criasse um novo jornal.

Tinha relacionamentos com pessoas mais velhas: artista plástico chileno, um mentor que lhe trazia livros, o acompanhava em galerias de arte e fazia retratos seus, usando guache, nanquim e pintura a óleo.

Era tímido e não se sentia feliz.

Era um adolescente distanciado de grupos, contemplativo em reuniões, observador em festas, mas vencia a timidez quando estava no centro das atenções, quando desafiado a falar em público.

Também não encontrava compreensão em casa quanto à sua vocação para a poesia. Às vezes pensava no suicídio.

Era convidado por artistas e escritores a frequentar teatros, ensaios de peças e restaurantes.

Juventude

Correspondia com pessoas de outros países, em espanhol, inglês ou francês.

Publicava poesias e ensaios em jornais nacionais importantes e participava do movimento de poesia de vanguarda, que deu origem ao poesgoespacialismo.

Usava vários pseudônimos.

Experiência cristalizadora: encontro com o escritor Manuel Mujica Láinez.




Viagem a Buenos Aires.

Hóspede da família do escritor Manuel Mujica Láinez.

Era apresentado a pessoas importantes, o que lhe abriu portas para participar de eventos, exposições, ministrar cursos e publicar artigos no suplemento literário do jornal mais importante daquele país.

Retorno ao Brasil e viagens durante quase um ano como mochileiro por todo o país, pelas Guianas e o Uruguai.

Escrevia em jornais, redigia peças de teatro, poesias, ensaios.

Fez o Madureza.

Vestibular para o curso de Biblioteconomia da Biblioteca Nacional do Rio de Janeiro.

Com o Golpe Militar de 1964 não encontrava clima no Brasil para dar seguimento nos estudos.

Na Venezuela concluiu o curso de graduação e recebeu a distinção acadêmica Magna Cum Laude por ter a nota máxima em todas as disciplinas.

Trabalhou na Biblioteca Nacional, foi diretor do Centro Bibliográfico Venezuelano e de uma biblioteca pública.

Dirigiu um grupo de teatro com textos poéticos musicalizados de sua autoria. O espetáculo foi premiado e se expandiu por muitos países iberoamericanos.

Iniciou um curso de mestrado, mas não chegou a concluir.

Morou em Bogotá: época de permissividade, movimentos hippies e consumo de maconha, mas suas transgressões sempre foram mais intelectuais que físicas.

Pressentimento da morte da mãe e retorno ao Brasil.

Exerceu a profissão de bibliotecário em Brasília.

Recebeu uma bolsa de estudo para cursar o mestrado na Inglaterra, prêmio de melhor dissertação do ano e a matrícula automática para o doutorado. No entanto o Governo brasileiro negou a bolsa de estudo.

No Brasil: dossiê contra ele, com material sobre suas atividades políticas e culturais na Venezuela e textos provocativos antimilitar.

Concluiu o doutorado mais de dez anos depois na Universidade de São Paulo.

Conclusões

O desenvolvimento do potencial de Antonio pode ser explicado muito mais como uma prova da educação do que da natureza.

Observa-se um contexto de muitas oportunidades:

Viagem do Maranhão até o Rio de Janeiro; nas amizades feitas com pessoas influentes nas áreas de seus interesses; nas ocasiões de viagem e estudo fora do Brasil.



Contexto das experiências cristalizadoras com os seus principais mentores: o artista plástico chileno e o escritor argentino.

O contexto histórico, o espírito da época:

“... aquele período final dos anos 50 e início dos anos 60 em que o Brasil foi refundado... Bossa Nova, Cinema Novo, arquitetura moderna, construção de Brasília, o Brasil ganhava todas pelo mundo, da Palma de Ouro ao campeonato de futebol, de box, basquete... um país tão atrasado, mas vitorioso por um punhado de gênios... eu convivi com muitos deles.”

Intensa motivação intrínseca: para adquirir conhecimentos, buscando no autodidatismo a forma de satisfação de suas necessidades de aprendizagem; lendo compulsivamente por prazer, investindo muita energia naquilo que considerava sua realização.

Motivação extrínseca ao longo da trajetória, visto a quantidade de prêmios recebidos, as ofertas de bolsas de estudo, as publicações de seus trabalhos em jornais e revistas, as nomeações para cargos relevantes em sua carreira profissional.

Na adolescência e juventude: as inteligências linguística e interpessoal - como poeta, escritor e dramaturgo.

Desenvolvimento da inteligência interpessoal, que incide na capacidade de interagir com o outro: correspondências e interação com outras pessoas, docência, facilidade em fazer amigos e disfarce da tristeza com o bom humor - estratégia para resolução de problemas de relações pessoais.

Períodos de conflitos emocionais na adolescência e juventude: personalidade marcada pela sensibilidade exacerbada e intensidade em suas emoções; dificuldade em aceitar regras e inconformismo ao autoritarismo.

Períodos de sentimentos de melancolia, tristeza e ideação suicida.

As consequências negativas poderiam ser minimizadas caso Antonio tivesse a oportunidade de um atendimento com profissionais especializados em aconselhamento para superdotados.

Contudo, Antonio superou todas as adversidades: foi capaz de manter alta produção criativa mesmo em momentos conflitivos na escola, ou na transição que o levou a abandoná-la.

Demonstrou resiliência, que consiste na capacidade para se recuperar de reveses, superar as circunstâncias difíceis da vida e enfrentar desafios com otimismo e esperança.

V FESTIVAL DE POESIA “LAS LENGUAS DE AMÉRICA”
CIUDAD DE MÉXICO, UNAM, 2012 .

Obrigada!

liliane@unb.br / fleith@unb.br

Estudos retrospectivos revelam que muitos adultos eminentes não foram percebidos como talentosos na infância ou adolescência.

O indicador da eminência dentro de um domínio criativo é a quantidade de produtos influentes que um indivíduo deixa ao mundo, cujas contribuições são reconhecidas pelas gerações contemporâneas e pelas seguintes.
Antonio Miranda

Atuação profissional:
Ciência da Informação

Áreas de interesses:
Poesia, dramaturgia e artes plásticas
Edição de livros de arte
Colecionador de bromélias, cartões postais
e livros raros.


Ressalta-se que ele nunca foi submetido a avaliações que comprovem a sua superdotação e afirma não se considerar um superdotado.
Os estudos envolvem a natureza-educação:
Galton: natureza é tudo o que um homem traz consigo ao nascer e educação é a influência do ambiente que o afeta desde o nascimento.

Superdotação: fenômeno multidimensional e multifacetado, numa combinação que recebe a influência, entre muitos fatores, dos aspectos cognitivos, afetivos, de personalidade; do nível de motivação e de autoconceito; criatividade; oportunidades oferecidas; aspectos do contexto histórico, social e cultural.

Características do superdotado


Senso crítico e de humor altamente desenvolvidos, curiosidade, persistência, dedicação, perseverança, autoconfiança, independência, altas expectativas de sucesso, criatividade, sensibilidade a injustiças e liderança
Do ponto de vista cognitivo, o superdotado apresenta linguagem, leitura e escrita precoces, vocabulário avançado, ritmo de aprendizagem rápido, pensamento abstrato e analítico, concentração, boa memória, grande bagagem informacional e capacidade de gerar ideias originais.

Nível elevado de motivação (intrínseca e a extrínseca)

Desajustes sociais e emocionais
características de personalidade
jovens com muita criatividade artística, comparados àqueles com criatividade acadêmica
aqueles que são excepcionalmente inteligentes

Características associadas apenas à dimensão emocional:
perfeccionismo, excesso de autocrítica, sensibilidade exacerbada, dificuldade em seguir regras e lidar com o autoritarismo, e o sub-rendimento

Opção por abandonar a escola: forte associação a um ambiente escolar anticriativo.

Visão darwiniana no desenvolvimento de potencial
educativo e criativo

O ambiente doméstico enriquecido ---------------------------- Valorização da educação

A adversidade e trauma ------------------------------- Experiências traumáticas


Altos níveis de educação e ------------------ Reforços positivos e exposição a outras culturas
marginalidade étnica


Por outro lado...

A criatividade excepcional pode não corresponder a boas notas na escola e isso está bem evidente na criatividade artística.
Árduo processo de autoeducação.

Nível elevado de motivação (intrínseca e a extrínseca)
Opção por abandonar a escola: forte associação a um ambiente escolar anticriativo.

Obrigada!

liliane@unb.br / fleith@unb.br
Liliane Bernardes Carneiro
Profa. Denise de Souza Fleith
Full transcript