Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Execução de Estruturas Pré-Moldadas

No description
by

Édificill FATEC

on 26 May 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Execução de Estruturas Pré-Moldadas

Execução de Estruturas
Pré-Moldadas

Norma
NBR 9062/ 2001 - Projeto e Execução de Estruturas de Concreto Pré-Moldado
Tipos de peça
Podemos encontrar no mercado da construção civil peças
Pré-Moldadas
de concreto para uma grande variedade de uso.

Como descrito na definição de construção pré-moldada, as peças que compõe a obra são fabricadas e acabadas previamente, chegando totalmente prontas no local da obra somente para sua montagem.

No caso do pré-moldado, são dimensionados para resistir além da situação final de solicitação, as situações transitórias como:
desforma,
estocagem,
transporte e
montagem.

As mais usuais são:

Pilares;
Vigas;
Lajes;
Painéis e;
Escadas
Componentes do grupo
Abkelly C. da Silva
Giovanna Paolla Ferreira de Araujo
Marcela Pires da Silva
Renan Toshio Carrenho Kizaki
Introdução
Histórico
Pilares
Vigas
Lajes
Painéis
Escadas
O uso de concreto
P
ré Moldado
em edificações está amplamente relacionado a uma forma de construir :

Econômica;
Durável;
Estruturalmente econômica e com;
Versatilidade arquitetônica.
Elemento Pré-Fabricado
Elemento Pré-Moldado
Elemento Pré-fabricado:
é um elemento pré-moldado produzido em escala industrial, mesmo em instalações temporárias em canteiros de obra, obedecendo a manuais e especificações técnicas, por pessoal treinado e qualificado, sob condições rigorosas de controle de qualidade, inclusive em laboratório, identificados individualmente ou por lote.
Elemento Pré-moldado:
é um elemento executado fora do local de utilização definitiva na estrutura, produzido em condições menos rigorosas de controle de qualidade, mas sujeito à inspeção do próprio construtor.
A história do
Pré-Moldado
começa pouco após a 2ª Guerra Mundial, quando se via a necessidade de mais agilidade nas construções, devido aos estragos causados pela guerra.

Acredita-se que a primeira aplicação do pré-moldado em estruturas de edificações foi em 1981, na França, com vigas pré-fabricadas na construção do Cassino de Biarritz.


Na primeira década do século XX, houve avanços, principalmente nos EUA e Europa, tais como:

Em 1900, nos EUA, surgiu os primeiros elementos pré-fabricados de grandes dimensões para cobertura;

Em 1905, também nos EUA, executou-se elementos de pisos para um edifício de quatro pavimentos;

Em 1906, na Europa, os primeiros pré-fabricados foram treliças e estacas de concreto armado;

Em 1907, a Edison Portland Corporation, produziu no canteiro todas as peças para a construção de um edifício industrial nos EUA.
Esta norma estabelece os requisitos mínimos exigíveis no projeto, na execução e no controle de estuturas pré-moldadas de concreto em questões de:

Ligações;
Materiais;
Produção;
Manuseio;
Montagem;
Controle de qualidade e inspeção.


Os pilares são produzidos em seções quadradas e retangulares, com comprimento variado, podendo receber consolos para apoio das vigas em quaisquer alturas e faces.

Eles podem ser maciços ou possuir furo central para escoamento de águas pluviais provenientes da cobertura.

Projeto
As vigas têm formatos, alturas e comprimentos variáveis, conforme a finalidade, solicitação estrutural e vão.

VIGA CALHA
VIGAS DE SEÇÃO RETANGULAR
VIGAS COM SEÇÃO
EM "T", "L" E "I"
BALDRAME
São elementos estruturais que podem ser aplicados nas mais variadas tipologias e sistemas construtivos, com capacidade de atingir grandes vãos e resistir a elevadas sobrecargas.


ALVEOLAR
MACIÇAS
Painéis de fechamento pré fabricados são utilizados para fechamentos internos e externos.

Precisam de uma estrutura para ser apoiado.

Estruturalmente são elementos de placa com ações perpendiculares ao seu plano.

São produzidos com armadura passiva e necessitam de uma estrutura formada por pilares e vigas para se apoiarem.

A solução de escadas pré-fabricadas de concreto trás uma velocidade muito grande de produção.


a) de fabricação;
b) de manuseio;
c) de armazenamento;
d) de transporte;
e) de montagem;
f) de serviço (preliminar e final)

Pontos importantes na elaboração do projeto:
FABRICAÇÃO
MANUSEIO
ARMAZENAGEM
MONTAGEM
Em termos de disposições gerais, a fábrica de pré-moldado tem a seguinte divisão:

armazéns para agregados.
armazéns ou silos para os aglomerantes.
centrais de concreto.
área de formas.
área de armaduras.
área para moldagem do concreto.
área de cura das peças produzidas.
dependências auxiliares.


Fabricação
Fábrica
Dados Técnicos:
Sede própria em um terreno de 130.000 m²

Localizado na cidade de Salto de Pirapora, a 80 km de São Paulo,

Está capacitada a produzir elementos pré-moldados de concreto armado e protendido para estruturas das mais variadas características e tamanhos.
Análise preliminar por inspeção visual pelo laboratorista responsável.

Controle de recebimento de materiais
AGREGADOS MIÚDOS
AGREGADO GRAÚDO
Devem-se armazenar amostras para cada lote de cimento para verificação das propriedades.

Tabelas de limites normativos estabelecido para os cimentos da indústria de concreto pré-fabricado

Limites físicos

CIMENTO
Características químicas
ADITIVOS

Analise comparativa com os dados técnicos do laudo do produto. Também deve ser coletada uma amostra e verificar o desempenho do produto no concreto conforme a NBR 12317.

ÁGUA

Dever ser feito uma coleta de uma amostra e enviada a um laboratório externo para analise físico-químicas conforme estabelecido na NBR 15900 (ABNT,2010).
O material empregado na execução das formas varia de acordo com as características geométricas das peças a serem executadas.

Geralmente são utilizadas chapas metálicas e/ou madeira conforme a situação.
Fôrmas
LIMPEZA DA FORMA

 A limpeza das formas será realizada em duas etapas:

após a desforma da peça pré-fabricada anterior;
antes da concretagem da peça seguinte.

Para tal, será empregado vassouras de nylon, palha de aço, estopa e lixadeira rotativa, caso se faça necessário.





Estocagem

O cimento será estocado em silo - CP V (ARI), classe 40;

Os agregados devem ficar sobre uma base, evitando contato com o solo - A areia tipo média, artificial, granítica, pedra do tipo 1, lavada, granítica;

A agua deve ficar em caixas estanques e tampadas, evitando contaminação - Conforme o traço;

E os aditivos devem permanecer em suas embalagens originais ou devem ser transferidos para um recipiente estanque - Redutores de agua de alta eficiência (polifuncionais e superplastificantes.


Dosagem e mistura

Será feita a dosagem racional do concreto para se obter o traço, conforme as especificações em projeto.

A mistura é mecânica, pode ser feita em centrais pneumáticas ou em caminhões betoneiras.
Controle de qualidade do concreto produzido

O controle do concreto produzido compreenderá:

Verificação da trabalhabilidade - Slump Test;

Verificação da resistência mecânica – Teste nos CP's;

Também devem ser realizados os testes de modulo de elasticidade e a rastreabilidade do traço empregado na produção das peças.



Lançamento e adensamento

O lançamento é realizado por dispositivos de gravidade ou bombeamento, recomendável em camadas para facilitar o adensamento.

O adensamento é feito por um ou dois vibradores de imersão.
Cura

Nas fabricas de pré-moldados, é utilizado a cura térmica do concreto.
Desforma das peças pré-moldadas

Após o término da concretagem e respeitando o tempo mínimo de cura, deve-se realizar a desforma.
Manuseio das peças pré-moldadas

As peças pré-moldadas são suspensas e movimentadas utilizando maquinas, equipamentos ou acessórios apropriados - (guinchos,gruas,guindastes,ponte rolante).
Estocagem das peças pré-moldadas

A estocagem é efetuada em terreno plano e firme sobre apoios, como cavaletes, vigotas, caibros.
Controle de recebimento

Para o controle de recebimento da armadura, deve ser realizado o ensaio de resistência a tração. Ao longo do processo produtivo, também deve-se acompanhar suas características, como dureza, resistência a solda e conformidade das mossas.
Armadura:
Armazenamento

O local de armazém deve estar próximo ao local de processamento (corte e dobra) e aplicação para evitar o máximo a movimentação do aço.
Corte e dobra

A primeira etapa é o corte dos fios e barras com equipamentos (cortadeiras) e pessoas aptas para tal execução, baseando-se nas medidas tiradas do projeto.

Após cortar o aço, este vem a ser dobrado, em bancadas e ferramentas apropriadas.
Montagem

A montagem é realizada com as barras posicionadas sobre cavaletes apropriados e então é feito o processo de armação com arames e solda elétrica em peças especiais, de ligação e malhas.


MANUSEIO E COLOCAÇÃO DA ARMADURA

 Após a verificação de toda a armadura, esta será liberada para a forma.

O transporte das armaduras pré-montadas até a forma será realizado com auxílio de equipamento adequado (grua ou guindaste).
 
DESMOLDANTE

 Após a limpeza da forma, será realizada aplicação de desmoldante adequado RHEOTEC à base de óleo mineral, através de bomba, sendo retirado com estopa qualquer excesso observado pelo Controle de Qualidade.
Transporte
Video 1 - Estocagem
Video 2 - Mistura
Video 3 - Dosagem
Video 4 - Controle de qualidade
do concreto
Video 7 - Manuseio
Video 6 - Desforma
Video 9 - Armazenamento
Video 10 - Corte e Dobra
Video 11 - Montagem
Video 12 - Montagem
Video 13 - Fôrma Pronta
Video 8 - Estocagem
Video 5 - Cura
Todos os desenhos deverão obedecer aos padrões normalizados, devendo apresentar, de forma clara e precisa, as dimensões e posições de todos os elementos pré-moldados.

Deverão ser detalhados todos os incertos, furos, saliências, aberturas e suas respectivas armaduras, forços e alças para içamento.

Toda peça pré-moldada deve ser numerada, ter suas tolerâncias dimensionais definidas e seu peso e volume informados nos desenhos.

Deverá também ser especificada a resistência mínima de manuseio e os detalhes de estocagem e empilhamento.


Vantagens
Vantagens
X
Desvantagens

Qualidade;
Segurança;
Velocidade;
Versatilidade;
Economia
Suporte Técnico
Respeito ao Meio Ambiente;
Responsabilidade Social
Eficiencia estrutural e construtiva
X
Desvantagens

Custos;
Exigências;
Transporte;
Mão-de-obra;
Falta de opções
Concreto
Pilar
A ligação viga-consolo é feita através de neoprene fretado ou simples e chumbadores.

Em estruturas hiperestáticas, a continuidade das vigas é constituída através de luvas ou processo equivalente e concretagem posterior à montagem para solidarização da ligação viga-pilar.

Viga
As vigas são montadas sempre sobre aparelhos de apoio com base em neoprene nas duas extremidades, com especificação e dimensões definidas em projeto.

Não é permitida a colocação de dois aparelhos de apoio sobrepostos.

O aparelho de apoio deve estar rigorosamente centrado, tanto nos apoios das vigas quanto nos consolos dos pilares.
Montagem
Fim!
Os elementos pré-moldados podem ser industrializados ou produzidos no próprio canteiro. Nas duas situações, é necessário que haja um canteiro organizado, com definições de espaços previamente destinados a estes elementos, principalmente para o transporte dos mesmos.

O Transporte dessas estruturas precisa ser muito eficiente.

A logística deve envolver inúmeras atividades do processo produtivo, onde transporte e montagem aparecem como etapas críticas, exigindo um planejamento integrado entre diferentes empresas:

fabricante,
transportadora,
montadora,
construtora.

Como essas estruturas geralmente possuem grandes dimensões, é necessário que sejam transportados em veículos adequados, onde tornar a logística muito complexa.

Portanto a estrutura deve ser posicionada no transporte de forma que minimize a quantidade de movimentos para seu içamento e fixação na obra.
 
Caso o transporte dos pré-moldados seja feito manualmente pelos próprios operários da obra, a distância entre o estoque e o local de utilização deverá ser a mínima possível, com o que se reduz o risco de avarias nas peças e o risco de acidentes, assim como se diminui o esforço físico do operário.
Full transcript