Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

TIPOS DE EQUIPES

No description
by

juliano possamai

on 17 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of TIPOS DE EQUIPES

TIPOS DE EQUIPES
BIBLIOGRAFIA
CHIAVENATO, Idalberto; Gestão de Pessoas: O novo papel dos Recursos Humanos nas
Organizações. 2010. 228 p. Elsevier, Rio de Janeiro, 2010
EQUIPES DE TRABALHO
Na era da informação, o antigo modelo burocrático não tem mais muita utilidade.
As empresas estão mudando rapidamente para um novo conceito de trabalho, que é de separar as pessoas em cargos individuais e fragmentados.
Com este novo conceito o gerente alcança metas, superam objetivos e oferece resultados. Mas cada gerente precisa saber como escolher sua equipe, como desenhar o trabalho para aplicar as competências.
AÇÕES DAS EQUIPES DE ALTO DESEMPENHO
Para ser completa, uma equipe de alto desempenho precisa incluir todas as competências de que necessita para que tenha auto-suficiência e plena autonomia para alcançar seus objetivos de maneira excepcional.
TIPOS DE EQUIPES
EQUIPES FUNCIONAIS CRUZADAS – são compostas de pessoas vindas de diversas áreas da empresa, são formadas para alcançar um objetivo específico através de várias competências.

EQUIPES DE PROJETOS – são formadas especialmente para desenhar um novo produto ou serviço.
AÇÕES DAS EQUIPES DE ALTO DESEMPENHO
tanto a missão como os objetos da equipe devem ser claramente definidos e aceitos por todos os membros.
OBJETIVOS CLAROS:
O compromisso deve ser alcançado através da discussão e do consenso espontâneo entre os membros para que as decisões se tornem colaborativas e não conflitas.
DECISÕES CONJUNTAS :
EQUIPES AUTODIRIGIDAS – São compostas de pessoas altamente treinadas para desempenhar um conjunto de tarefas dentro de uma unidade natural de trabalho.

EQUIPES DE FORÇA-TAREFA – uma força-tarefa é designada para resolver imediatamente um problema.

EQUIPES DE MELHORIA DE PROCESSOS – é um grupo de pessoas experientes de diferentes departamentos ou funções encarregadas de melhorar a qualidade, reduzir custos, incrementar a produtividade em processos que afetam todos os departamentos ou funções envolvidas.
PERCEPÇÃO INTEGRADA:
Essa percepção integrada ajuda a visualizar os problemas, definir seus propósitos e integrar suas atividades.
DIVISÃO DO TRABALHO GRUPAL:
Essa distribuição de papéis e de posições é fundamental. Devem estar totalmente esclarecidos quanto aos seus papéis para poder desempenhar suas atividades com suas melhores competências.
LIDERANÇA COMPARTILHADA:
As funções de liderança da equipe devem passar de pessoa para pessoa, dependendo da situação, necessidades da equipe e dos membros.
NOVAS IDEIAS PARA A SOLUÇÃO DOS PROBLEMAS:
A equipe aceita o desacordo como uma maneira de discutir novas idéias e resolver seus assuntos de maneira criativa e inovadora.
AVALIAÇÃO DA EFICÁCIA
A equipe deve avaliar continuamente seu desempenho, como está realizando as tarefas e atividades, como está alcançando metas e como está construindo e mantendo relacionamentos eficientes entre os membros.
MÁQUINA DE ESCREVER
Xu txnho uma máquina dx xscrxvxr qux apxsar dx sxr
antiga funciona muito bxm, com xxcxção dx uma única txcla. Das 42 txclas qux xla txm, apxnas uma não funciona bxm, x como vocx podx vxr, isso faz uma xnormx difxrxnça. Muitas xmprxsas x xquipxs são como xsta minha máquina dx xscrxvxr; nxm todas as pxssoas “funcionam bxm”, nxm todos dão o mxlhor dx si, x com isso prxjudicam x compromxtxm o rxsultado do trabalho dx todos. Alguns atx pxnsam: “Minha participação não x tão importantx assim”, mas como vocx podx notar, isso não x vxrdadx; uma única “pxça” faz muita difxrxnça.
Para qux uma xquipx possa trabalhar dx manxira xficixntx, x prxciso qux todos participxm dx manxira ativa, xquilibrada, conscixntx x rxsponsávxl, dando o mxlhor dx si para, comxçando pxlo lídxr.
Por isso, sx por algum motivo vocx um dia pxnsar qux sxu trabalho não x importantxpara xquipx, ou mxsmo qux vocx x mais importantx do qux todas as outras pxssoas,lxmbrx-sx da minha vxlha máquina dx xscrxvxr.
Full transcript