Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of Untitled Prezi

No description
by

odete santelle

on 2 March 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of Untitled Prezi

PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Tirapegui, Julio; Mendes, Renata Rebello. Introdução à Nutrição. In: Tirapegui, Julio. Nutrição: fundamentos e aspectos atuais. São Paulo: Atheneu, 2000.

Philippi, Sonia Tucunduva. Alimentação saudável e a pirâmide dos alimentos. In: Philippi, S.T. organizadora. Pirâmide dos alimentos – fundamentos básicos da nutrição. Barueri, SP.: Manole, 2008. Bibliografia consultada: Considerando que:
1 g de carboidrato = fornece 4 kcal. 300 g de carboidrato= 1.200 kcal (60%)
1 g de gordura = fornece 9 kcal. 60 g de gordura = 540 kcal (27%)
1 g de proteína= fornece 4 kcal. 60 g de proteína = 240 kcal (13%) Distribuição dos macronutrientes em uma dieta de 2000 kcalorias: 50% a 60% - da energia proveniente dos carboidratos

25% a 30% - de energia proveniente das gorduras

10% a 15% - de energia proveniente das proteínas Distribuição dos macronutrientes em uma dieta de 2000 kcalorias: As recomendações nutricionais incluem a seleção e combinação de alimentos com finalidade de atender as diversas demandas de nutrientes do organismo (manutenção da temperatura corporal, crescimento, renovação celular, competência do sistema autoimune). RECOMENDAÇÕES NUTRICIONAIS Recomendações nutricionais são definidas tradicionalmente como a quantidade de energia e nutrientes que atendem às necessidades da maioria dos indivíduos de um grupo ou uma população. RECOMENDAÇÕES NUTRICIONAIS Já os micronutrientes são as vitaminas e minerais. Eles não fornecem energia ao nosso organismo, mas são essenciais para o perfeito funcionamento do nosso corpo. São necessários em pequenas quantidades e, em geral, são absorvidos no intestino sem sofrer alteração. NUTRIENTES Os macronutrientes ao serem transformados em compostos menores, fornecem energia ao organismo através de um processo bioquímico complexo denominado metabolismo. NUTRIENTES Os nutrientes contidos nos alimentos são classificados em macro e micronutrientes.
Os macronutrientes são as proteínas, os carboidratos e as gorduras. Durante o processo de digestão os macronutrientes precisam ser quebrados em unidades menores para serem absorvidos pelo organismo. NUTRIENTES 4ª Lei – da adequação
A adequação está subordinada ao momento biológico da vida, e, além disso, deve adequar-se aos hábitos individuais, à situação econômico-social do indivíduo, e, em relação ao enfermo, estar adequada ao seu sistema digestório e ao órgão ou sistema alterados por enfermidades. As leis da alimentação segundo Pedro Escudero 3ª Lei – da harmonia
As quantidades dos diversos nutrientes que integram a alimentação devem guardar uma relação de proporção entre si, como, por exemplo, relação cálcio/fósforo: 0,65 para adultos, e 1,0 para crianças e gestantes. As leis da alimentação segundo Pedro Escudero 2ª Lei – da qualidade
O regime alimentar deve ser completo em sua composição, para oferecer ao organismo todas as substâncias que o integram. O regime completo inclui todos os nutrientes, que devem ser ingeridos diariamente. As leis da alimentação segundo Pedro Escudero As diferentes atividades determinam exigências calóricas diferentes. Deve haver uma distribuição entre os alimentos.
distribuir estas calorias entre alimentos com função plástica, reguladora e energética. As leis da alimentação segundo Pedro Escudero 1ª Lei – da quantidade
A quantidade de alimentos deve ser suficiente para cobrir as exigências energéticas do organismo e manter em equilíbrio seu balanço. As calorias ingeridas pela dieta devem ser suficientes para permitir o cumprimento das atividades de uma pessoa, bem como para manter a temperatura constante do corpo. As leis da alimentação segundo Pedro Escudero Uma alimentação adequada é aquela que atende às necessidades nutricionais do indivíduo.
a dieta deve incluir alimentos e/ou preparações culinárias que disponibilizem energia e todos os nutrientes em quantidades e proporções equilibradas e suficientes. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL As opções de itens da alimentação nem sempre dependem da opção individual, pois alguns fatores podem restringir as escolhas mais adequadas, por exemplo: baixa renda, exclusão social, escolaridade inadequada, má qualidade da informação disponível. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Os alimentos devem ser consumidos preferivelmente em sua forma natural, adequados qualitativa e quantitativamente, preparados de forma a preservar os valores nutritivos, manter um bom aspecto sensorial e devem ser seguros sob o ponto de vista higiênico-sanitário. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL A alimentação saudável é entendida como aquela que faz bem, promove saúde.
- deve ser orientada e incentivada desde a infância, na fase adulta e no envelhecimento. Para ser considerada saudável, a alimentação deve ser planejada com alimentos de todos os tipos, de procedência segura e conhecida. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Apesar do interesse antigo pelo valor da alimentação para a manutenção da saúde, é recente a preocupação por uma alimentação segura e saudável, preparada com técnicas culinárias adequadas e integrada ao meio ambiente saudável. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Atualmente, o estudo da nutrição abrange campos mais diversificados:
- as mais diversas áreas da saúde, bromatologia (estudo da composição de alimentos), engenharia de alimentos e biotecnologia. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL 1937 - Pedro Escudero, médico argentino introduziu o estudo da alimentação e nutrição no seu país, com uma nova visão da clínica médica.
- Estabeleceu e divulgou as Leis da Alimentação aos profissionais que coordenavam as equipes de saúde, e rompeu com o empirismo que até então cercava o tema. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Em 1919, Harris Benedict constatou que à medida que as pessoas sobrevivem com pouco alimento seus processos fisiológicos modificam-se de tal modo a conservar apenas a energia básica para a sobrevida. Suas superfícies tornam-se menores e mais frias, o pulso mais lento e a atividade física espontânea diminuída. Nos séculos XVIII e XIX os estudos sobre o corpo humano eram realizados por físicos e químicos.
1770 - Lavoisier e seus seguidores estudam os processos de combustão de alimentos e respiração celular.
1857 a 1890 - Pasteur afirma a necessidade do estudo dos alimentos de forma mais abrangente. A relação da alimentação com o bem-estar físico e o pleno desenvolvimento mental e emocional já era conhecida desde a antiguidade. Naquela época Hipócrates, escreveu sobre higiene, repouso e boa alimentação para uma vida mais saudável. PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Odete Santelle
Nutricionista. Mestre e Doutora pela Faculdade de Saúde Pública da USP.
Coordenadora do Curso de Nutrição do UNASP PRINCÍPIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO SAUDAVEL Os alimentos contêm nutrientes em quantidades variáveis e cada nutriente tem uma função específica no organismo. NUTRIENTES
Quantidade,
Qualidade,
Harmonia,
Adequação.
As leis da alimentação
segundo Pedro Escudero
Full transcript