Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

HPV

No description
by

Thanielly Thais

on 9 May 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of HPV

Família:

PAPILLOMAVIRIDAE

Gênero:

PAPILOMAVÍRUS

Subfamília:

PAPILOMAVIRINAE
Estrutura e Morfologia:

Transmissão Não Sexual
Transmissão vertical de mães para filhos
A placenta fica como principal veiculador do vírus.

Transmissão Sexual

Verrugas cutâneas não-genitais e
verrugas mucosas

Diagnóstico
I. Latente- detectada através de estudos moleculares;

II. Subclínica- forma mais freqüente de infecção pelo HPV no colo uterino;

III Clínica- É a forma a olho nu.


Human Papiloma Virus
Transmissão
HPV
Taxonomia
Organização Genômica:

Seus genes, encontram-se organizados em duas grandes regiões:

A primeira é organizada por uma região reguladora, não codificadora, (LCR) situada entre o gene L1 e E6.

Segunda regiões E (early) e L (late), denominadas ORFs (Unidades de tradução).
Genes organizados em duas regiões distintas:
Early (E)


Late (L)

Histórico
Foi no século XX que apareceram evidências de que as verrugas eram causadas por um vírus.

1933- PV isolado como possivel agente etiológico de verrugas em coelhos;

1935- Rous descreveu as verrugas em coelhos que apresentavam potencial para transformação maligna;

1949- Primeira observação de particulas de PV em verrugas humanas.

1950- Descoberto o potencial carcinogênico do Papilomavirús..

A infecção por HPV é a doença sexualmente transmissível (DST) mais comum. Ao redor do planeta, há em torno de 600 milhões de pessoas infectadas. Entre 75% e 80% da população adquirem um ou mais tipos de HPV em algum momento da vida. Segundo a Organização Mundial da Saúde, as DSTs estão entre as dez principais causas de procura por serviços de saúde no mundo.
Manifestações Clínicas
Papanicolau que incluem a: citologia oncológica, colposcopia, histologia, histoquímica, imunohistoquímica, citometria e Colpocitologia.


Outros métodos mais precisos são as técnicas de biologia molecular: Hibridização, Reação em Cadeia da Polimerase e análise do genoma com biochip ou microaray.
Diagnóstico
O tratamento tem por objetivo reduzir ou
eliminar as lesões causadas pela infecção.

• Uso Tópico;

Cirúrgico;

• Exérese cirúrgica (bisturi de lâmina e cirurgia
de alta freqüência);
• Eletrocoagulação;
• Crioterapia;
• Laserterapia.
Tratamento
Prevenção
Uso de preservativos
Vacina
Biomedicina - UNESC

Disciplina: Micologia e Virologia

Professora: Cleonice Maria Michelon

Acadêmicas: Ana Clara Martins; Elaine Rossy e Thanielly Thais.
Referências:

Leto MGP, Santos Jr GF, Porro AM, Tomimori J., Infecção pelo papilomavirus humano: etiopatogenia, biologia molecular e manifestações clínicas. An Bras Detmatol. 2011;86(2):306-17.

DOS SANTOS Jéferson C., Caracterização molecular dos tipos de papilomavirus humanos - HPV, no município de Porto Velho no período de 2008-2009, Porto Velho, 66 p., 2012.

ALENCAR Tainá R., Análise da variabilidade genética, filogenia e expressão gênica de HPV de alto risco no Distrito Federal, Brasília, 136 p., 2009

SANTOS, Norma Suely de Oliveira. Introdução à virologia humana. - 2.ed. Rio de Janeiro: Guanabara Koogan, 2008.
Full transcript