Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Metodologia - Rosana Baeninger

Apresentação realizada para os alunos da Disciplina Metodologia e Técnicas de Pesquisa I, a convite da professora Rosana Baeninger.
by

Igor Johansen

on 4 October 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Metodologia - Rosana Baeninger

Mestrado (2012-2013)
Projeto inicial: "Dengue e mudanças climáticas: imbricações entre processos da dinâmica demográfica, ambiental e de saúde no litoral paulista".
Capítulo 3 - Metodologia e Resultados parciais da Dissertação
Apresentação
Igor Johansen - mestrando em Demografia

Formação: Ciências Sociais (bacharelado Sociologia e Ciência Política), UNICAMP, 2008 - 2011
Disciplina Metodologia - Prof. Roberto
Luiz do Carmo
Pesquisas de Campo:
1) Santarém-PA, jul. 2009
2) Altamira-PA, jan. 2010
População
Ambiente
OBJETIVO - Entender a relação:
área urbana
de Altamira
saneamento
básico
dengue
METODOLOGIA
Dados
Saneamento básico:
- Censos Demográficos (IBGE, 2000 e 2010)
- Sistema Nacional de Informações sobre Saneamento (SNIS)
- Survey (NEPO/UNICAMP) - janeiro 2010

Dengue:
- Sistema de Informação de Agravos de Notificação (SINAN, 2001-2010)
Cursos (e intercursos) de pesquisa:
na interface entre Ciências Sociais e Demografia
RESULTADOS
A dengue é uma doença multicausal
Políticas urbanas de
saneamento ambiental
Controle do mosquito
vetor
Pesquisa científica
Educação, informação
e ampla mobilização social
Ações coordenadas de várias
esferas de governo
Forte articulação com
a sociedade civil
* Além de outros aspectos encontrados ao longo da pesquisa, o
saneamento
certamente se mostrou como
relevante
no desencadeamento das epidemias de
dengue
em 2009 e 2010 em Altamira.
Iniciação Científica (PIBIC-UNICAMP)
Dengue, uma doença "democrática"?
Análise bibliográfica
Após a IC: Monografia I e II com o professor Roberto do Carmo - "defesa" em dezembro de 2011.
Problema: como relacionar dengue e mudanças climáticas no nível municipal???
Solução: reestruturação do trabalho - dengue e saneamento ambiental em CARAGUATATUBA, 2013
Estrutura da dissertação
- Contexto
- Hipóteses
- Onde/Quando?
- Como? (Operacionalização dos
conceitos)
- Result.
INTR.
Cap 2
Fundamentação teórica
Descrição da área de estudos e
operacionalização dos conceitos
Cap 1
Dengue em Caraguatauba
Cap 3
Concl.
Ref.
-
Urbanização
: a especificidade brasileira -> cresciento das cidades, mas sem infraestrutura (MARICATO, Ermínia; ROLNIK, Raquel; VILLAÇA, Flávio);

- Link Discussões urbanas +
População e Ambiente
(COSTA, Heloísa; MENDONÇA, Jupira Gomes de; MARTINE, George; TORRES, Haroldo; HOGAN, Daniel);

- Urbanização,
Saúde
e
Dengue
(MENDONÇA, Franciso; FREITAS, Carlos Machado de; BARCELLOS, Christovam).
HIPÓTESE: Grupos populacionais e seus territórios apresentam acessos diferenciados aos recursos disponíveis.
SUB-HIPÓTESE 2: A
dengue
, enquanto doença
multicausal
, engloba os
fatores socioeconômicos e ambientais
como condicionantes importantes para o seu espalhamento “tendencioso” no tecido urbano de cada município.
- Retomar discussão sobre urbanização (link Cap. 1) e entrar no caso de Caraguatatuba (processo de formação, tendências demográficas das últimas três décadas, a dinâmica econômica recente e a mudança na "vocação": de cidade turística a polo de investimentos do Governo Federal no setor petrolífero (INSTITUTO POLIS, 2012; MELLO et al, 2012; PLANO DIRETOR MUNICIPAL DE CARAGUATATUBA, 2012).
SUB-HIPÓTESE 1:
Acessos diferenciados
a recursos estão relacionados com o processo de
urbanização
característico do
Brasil
.
- Análise espacial na demografia (VOSS, Paul R.; GOODCHILD, Michael F. & JANELLE, Donald G.; CASTRO, Marcia);
- Tratamento de dados da paisagem físico-natural e de dados socioeconômicos desagregados territorialmente para a observação de padrões de distribuição da doença;
- Parte operacional: Casos dengue 2013 + Malha de células do IBGE (250x250m) + Dados do Censo Demográfico 2010 por célula
* Análise estatística (análise de cluster, Índice de Moran e Regressão, Modelo de Regressão de Poisson Multinível).
- "Passeio" pela
hipótese e sub-hipóteses
de cada capítulo, pontuando principais pontos conceituais;
- O caso de
Caraguatatuba
(generalização e especificidade);
-
Dengue
em Caraguatatuba -> resultados esperados x resultados encontrados =>
Agenda
de pesquisa.
- Bibliografia:
* Urbanização
* População e Ambiente
* Saúde
* Demografia espacial
Disciplina profa. Rosana Baeninger - Seminário de Dissertação - 1º semestre 2013
Grade regular e Casos de Dengue Confirmados, Caraguatatuba e Litoral Norte do Estado de São Paulo, Brasil
Grades regulares
(técnica em desenvolvimento)
Análise de cluster
Distribuição dos Clusters na Área Urbana de Caraguatatuba
Aplicação do Índice de Moran
Resultado da Aplicação do Índice Local de Moran, Caraguatatuba
Resultado da Análise de Cluster em Dois passos (Two-step cluster analysis)
Defesa
: 24 de fevereiro de 2014, 9h
Sala de Defesa de Tese
Prédio da Pós-Graduação - IFCH
Conclusões parciais
Cobertura de Saneamento Ambiental (Água, Esgoto e Coleta de lixo) calculada a partir dos dados da Grade Regular, em % de domicílios, Área Urbana de Caraguatatuba, 2010
* Contexto:
universalização
dos serviços de
saneamento;
* Possibilidade de compreensão do problema:
intermitências
principalmente nos serviços de abastecimento de água;
* Existência de
outros fatores
(onde há + casos de dengue: estocagem de material reciclável).
E agora, José?
=> Pesquisa de
campo
(entrevistas
como moradores dos bairros com maior concentração de casos de dengue);
=>
Modelo de regressão
de poisson multinível (se houver tempo);
=> Relacionar taxa de incidência com proximidade de variáveis ambientais (
rios,
altitude, etc.);
=> Sugestões?
Os seres não cessam de mudar de lugar em relação a nós.
Na marcha insensível mas
eterna do mundo, nós
consideramo-los como imóveis
num instante de visão,
demasiado breve para que
seja percebido o
movimento que os arrasta.

(Marcel Proust).

Apresentação para os alunos da Disciplina Metodologia e Técnicas de Pesquisa I
Profa. Rosana Baeninger. 12 de novembro de 2013
Igor Johansen - igor@nepo.unicamp.br

Imagem: Claude Montet
Dica: participação em Grupo de Pesquisa
No meu caso: População e Ambiente -
Núcleo de Estudos de População (NEPO/UNICAMP)
IFCH
NEPO
Dica: Na Iniciação Científica, além
de começar aprender a fazer pesquisa, também iniciar a aproximação de uma área de interesse, assim como de sua teoria e seus métodos.
Dica: Objetivos, hipóteses e métodos podem se modificar ao longo da pesquisa. Esse "vai-e-vem" é parte do processo!
IE
+ que ambiente natural:
ambiente construído
Dica: Não vai dar tempo para
esgotar o assunto
. A
agenda
de pesquisa abre
caminhos
para novas etapas do estudo (mestrado - doutorado - pós-doutorado...)
Full transcript