Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

A Sagrada Escritura

No description
by

Ezeglair de Souza

on 28 September 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of A Sagrada Escritura

Ensina:
109.
Na SE, Deus fala ao homem à maneira dos homens.
O Concílio Vaticano II indica
três critérios
para uma interpretação da Escritura
Pois todas estas coisas que concernem à maneira de interpretar a Escritura
estão sujeitas, em última instância, ao juízo da Igreja,
que exerce o divino ministério e mandato do guardar e interpretar a Palavra de Deus."
(DV 12, 3)
O Cânon Bíblico
O AT 46 livros e o NT 27 livros.
110.
Para descobrir a intenção dos autores sagrados, há que levar em conta as condições da época e da cultura deles, os
"gêneros literários"

em uso naquele tempo, os modos, então correntes,
de sentir,
falar e
narrar.
- Veja o que diz DV 12,2
111.
"A Sagrada Escritura deve ser lida e interpretada com a ajuda daquele mesmo Espírito em que foi escrita" DV 12,3.
Como?
Prestar muita atenção
"ao conteúdo e à unidade da Escritura inteira".
Ler a Escritura dentro
"da Tradição viva da Igreja inteira".
Estar atento
"a analogia da fé"
- 3 critérios

para interpretar a S.E. conforme o Espírito em que foi inspirada e inscrita
A coesão das verdades da fé entre si e no projeto total da Revelação.
OS SENTIDOS DA ESCRITURA
115.
Podemos distinguir
dois sentidos
da Escritura: o
sentido literal
e o
sentido espiritual
, sendo este último subdividido em

É o sentido significado pelas palavras da Escritura e descoberto pela exegese que segue as regras da correta interpretação.

Não somente o texto da Escritura, mas também as realidades e os acontecimentos de que ele fala, podem ser sinais.
1. O sentido alegórico
2. O sentido moral.
3. O sentido anagógico.
Reconhecer nos acontecimentos o seu significado em Cristo; ex:
a travessia do Mar Vermelho é um sinal da vitória de Cristo, e também do Batismo

Os acontecimentos da S.E. devem conduzir-nos a um justo agir. Foram escritos
"para nossa instrução"
(1Cor 10,11)
Ver realidades e acontecimentos em sua significação eterna; ex:
a Igreja na terra é sinal da Jerusalém celeste.
O sentido literal.
O sentido espiritual.
"Eu não creria no Evangelho, se a isto não me levasse a autoridade da Igreja Católica"

(Sto. Agostinho, PL 42, 176).
Cânon
significa medida, parâmetro, a regra de fé ou de costumes dadas por Deus.
O Cânon, em relação à Biblia, é a
coleção de livros
inspirados por Deus, recolhidos pela Igreja.
A
canonicidade
é a propriedade que têm os Livros Sagrados de ser inspirados para a Igreja e, depois, ser reconhecidos por ela como tais.





O
cânon do AT
é reunido, como o temos hoje, já nos Concílios de Hipona (393) e Cartago III (397).

O Concílio de Trento, em sua seção IV (1546) definiu
o cânon do AT e NT
.
Cânon do AT
Cânon Alexandrino
(Grega ou Setenta)
Intérpretes
(entre 250 e 50 a.E.C)
é o mais amplo. Ela contém 53 livros. e,
Cânon Palestinense
(Samaritano)
, mais curto.
Para a fixação do cânon se reuniram os rabinos no século II d. C., num lugar chamado Jâmnia (ou Jabnes, ao sul da Palestina), e ali se determinou o Cânon Palestinense, no ano 300 a.E.C.
Cânon do NT
A necessidade de escrever surge pela distância:
a. A distância geográfica:
a comunidade nascente se estende rapidamente pela experiência de conversão, de tal maneira que para o ano 49 a Igreja se difundiu até Roma.
b.

A distância cronológica:
os apóstolos se vão dispersando e alguns deles vão morrendo.
Por que alguns escritos cristãos foram aceitos e conservados e por que outros não?
1º critério:

a
origem apostólica
, quer dizer, que tenha sido escrito no tempo em que os Apóstolos ainda viviam
2º critério: um claro
uso litúrgico antigo e generalizado
.
Critérios para aceitar e conservar os escritos cristãos
3º critério:

que o escrito esteja
conforme com a fé cristã
.
Panorama Histórico - Literário da Bíblia
A Septuaginta:
No século III aC, a escritura judaica foi traduzida para o grego para a conveniência dos muitos judeus que não eram fluentes em hebraico. Esta tradução ficou conhecida como a Septuaginta, ou a
Bíblia dos "LXX"
A Primeira Bíblia cristã:
Os cristãos adotaram a Bíblia dos LXX como o Antigo Testamento da Bíblia cristã.
No entanto, cerca de 100 d.C, os rabinos judeus revisaram as suas Escrituras e
excluiram algumas porções da Septuaginta grega
.
Excluiram um grupo de livros judeus tardios,escritos entre 170 a.C e 70 d.C, que não foram encontrados em versões em hebraico da Bíblia judaica.
Os cristãos continuaram a usar o texto da Septuaginta como seu AT.
Diferença entre as Bíblias protestantes e as católicas
Bíblias protestantes:
Moveram os livros do AT que não estavam no cânon judaico para uma seção separada da Bíblia chamada
“Apócrifos”
.
No século XIX, os editores da Bíblia retiraram os "Apócrifos" da maioria das edições protestantes.
Bíblias católicas e ortodoxas:
As Igrejas Católica Romana e Ortodoxa não seguiram as revisões protestantes, e eles continuam a basear o seu Antigo Testamento na Septuaginta.
Diferença entre as Bíblias protestantes e as católicas
O Antigo Testamento católico inclui:
1. 1 e 2a Macabeus,
2. Baruc,
3. Tobias,
4. Judite,
5. Sabedoria de Salomão,
6. Sirach (Eclesiástico),
7. Adições a Ester, e as histórias de Susana e Bel e o dragão, que estão incluídos no livro do Daniel.

O Novo Testamento:
O Novo Testamento é idêntico para protestantes, católicos e ortodoxos, e contém 27 livros.
A Sagrada
Escritura

SAGRADA ESCRITURA
I. CRISTO - Palavra única da Sagrada Escritura - S.E.

102.

A Igreja sempre venerou as SE como venera também o Corpo do Senhor. Ela não cessa de apresentar aos fiés o Pão da Vida tomado da Mesa da Palavra de Deus e do Corpo de Cristo.
104.
Na SE, a Igreja encontra incessantemente seu alimento e sua força, pois nela não acolhe somente uma palavra humana, mas o que ela é realmente:
a Palavra de Deus
. Com efeito, nos Livros Sagrados o Pai que está nos céus vem carionhosamente ao encontro de seus filhos e com ele fala.
- alegórico,
Sentido - moral e a
- anagógico.

A concordância entre os três sentidos garante toda a sua riqueza à
leitura da Escritura na Igreja.

Judeus de línguas hebraicas e grega, samaritanos e cristãos usam o mesmo livro sagrado, a Bíblia.
Espiritual
Serviço:
Ministro da Palavra

9298-2870 – Vivo
8245-7502 – Tim / whatsApp
8400-4867 – Claro / whatsApp
8814-5679 – Oi
ezeglair@hotmail.com

Ezeglair de Souza

98400-4867 – Claro
98245-7502 – Tim
ezeglair@hotmail.com
Full transcript