Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Sistema solar

Planetas, constelações, asteroides e mitologia grega!!!
by

Gabriela Carvalho

on 23 March 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Sistema solar

Terra
É o quinto maior planeta do nosso sistema e o terceiro planeta a partir do Sol, esta a 149.600.000 km (1.00 U.A.) distante do Sol, possui 12,756.3 km de diâmetro, massa de 5,976e24 kg e 71% de sua superfície é coberta de água. A Terra é o único planeta em que é possível a existência de água em forma líquida na superfície.
Está dividida em várias camadas, cada qual com propriedades químicas e sísmicas distintas (profundidades em km): 0- 40
Crosta
, 10- 400 Manto superior, 400- 650 Região de transição, 650- 2700 Manto inferior, 2700- 2890 Camada D (às vezes incluída no manto inferior), 2890- 5150
Núcleo
externo e 5150- 6378 Núcleo interno.
71% da superfície da Terra é coberto de água. A Terra é o único planeta em que é possível a existência de água em forma líquida na superfície.

Está dividida em várias placas sólidas separadas, que flutuam independentemente sobre o manto quente. Essas diferentes placas são conhecidas como placas tectônicas.. Dois processos caracterizam o movimento dessas placas: elevação e subsidiência.
É composto quase inteiramente de ferro (ou níquel/ferro). As temperaturas no centro do núcleo podem chegar a 7500 K - mais quente que a superfície do Sol.
A inclinação do eixo de rotação é responsável pela ocorrência de

estações

que regulam o clima.
Possui somente um satélite natural, a

Lua
. Dentre as influências que a presença da Lua provoca na Terra, pode-se ressaltar a ocorrência das marés e a estabilidade no eixo de rotação do planeta.


Na antiga religião romana e mitologia, Luna é a encarnação divina da Lua. Ela é muitas vezes apresentada como um complemento feminino do Sol (Sol), concebido como um deus. Luna também é por vezes representada como um aspecto de deusa romana tripla (diva triformis), juntamente com Proserpina e Hécate. Luna nem sempre foi uma deusa distinta, mas sim às vezes um epíteto que se especializa em uma deusa, uma vez que Diana e Juno são identificadas como deusas da lua.
Júpiter
É o quinto planeta a partir do Sol, distante 778.330.000 km (5,20 U.A.) e o maior de todos, possui um diâmetro equatorial de 142.984 km e um diâmetro polar de 133.708 km. Tem duas vezes mais massa que todos os outros planetas juntos (318 vezes a massa da Terra).
Um dos quatro gigantes gasosos, isto é, não é composto primariamente de matéria sólida. Dentre os gases que compõem sua atmosfera, hidrogênio e hélio são os mais abundantes, seguidos por pequenas frações de vapor d'água, metano e amônia. Nas camadas gasosas inferiores do planeta, a pressão atmosférica é suficiente para liquefazer o hidrogênio. Já nas camadas mais internas do planeta, o mesmo elemento adquire propriedades metálicas e se torna eletricamente condutivo, dando origem, através do fluxo de cargas elétricas, a um poderoso campo magnético (magnetosfera) cuja intensidade é vinte mil vezes superior ao que é produzido pela Terra.
O número total de satélites naturais de Júpiter é de 64, sendo que os quatro maiores e mais notáveis recebem a denominação particular de
luas galileanas
. O planeta possui ainda um tênue
sistema de anéis
, de difícil observação por ser formado de minúsculas partículas de baixo albedo.
Sua atmosfera é dividida em diversas faixas, em várias latitudes, resultando em turbulência e tempestades onde as faixas se encontram. Uma dessas tempestades é a
Grande Mancha Vermelha
.

Uma tempestade anticiclônica com 24 mil a 40 mil km de extensão, pode abrigar dois ou três planetas com o diâmetro da Terra. Sua existência data desde ao menos 1831, e possivelmente, 1665. Modelos matemáticos sugerem que a tempestade é estável e pode ser uma característica permanente do planeta. A tempestade é grande o suficiente para ser vista através de um telescópio, com uma abertura de ao menos 12 cm. Possui um formato oval e gira em torno de si mesma, sentido anti-horário, com um período de seis dias.
É bem menos evidente do que os de Saturno. Estes anéis parecem ser feitos primariamente de poeira, ao invés de gelo, como no caso dos anéis de Saturno.
Acredita-se que o anel principal é feito de material ejetado dos seus satélites. Este material, que na ausência do planeta cairia de volta nos satélites, é puxado em direção ao planeta por causa de sua enorme força gravitacional, alimentando o anel.

Recebem esse nome por ter sido Galileu Galilei quem as primeiro observou por meio de um telescópio em 1610. São eles
Calisto
,
Europa
,
Ganímedes
e
Io
.

Calisto foi descoberta em 1610. É a terceira maior lua do Sistema Solar e a segunda maior do sistema joviano. É a quarta lua de Galileu por distância a Júpiter, com um raio orbital de cerca de 1 880 000 quilômetros. Sua rotação diferencial é síncrona, ou seja, uma face está sempre virada para Júpiter, enquanto a outra nunca é visível do planeta. Sua superfície é menos afetada pela magnetosfera de Júpiter do que os seus outros satélites internos porque sua órbita está mais afastada do planeta.
É composto de quantidades aproximadamente iguais de rocha e gelo, com uma densidade média de 1,83 g/cm³. Os componentes identificados por espectroscopia da superfície incluem gelo, dióxido de carbono, silicatos e compostos orgânicos.


Na mitologia grega, foi uma bela jovem, seu filho, tornou-se rei da Pelásguia, que passou a se chamar Arcádia em sua honra.
Calisto provocava ciúme em Hera, pois sua beleza cativara seu marido, Zeus. Hera então castigou-a transformando-a num urso.
Calisto, no entanto, tentava ao máximo lutar contra seu destino mantendo-se o mais ereta possível, tentando assim conquistar a piedade dos deuses. Mas a indiferença de Zeus a fazia crer ser este deus cruel, apesar de nada poder dizer, pois só sabia rugir.


Euporia foi descoberto em 2001. Tem cerca de 2 km de diâmetro e orbita Júpiter a uma distância média de 19,339 milhões de km em 550,69 dias, com uma inclinação de 145,499°, em uma direção retrógrada e com uma excentricidade de 0,1440.
Foi nomeado em agosto de 2003 em homenagem a Eupória, a deusa grega da abundância e uma das
Horas
na mitologia grega.

Horas constituíam, na mitologia grega, um grupo de deusas que presidiam às estações dos anos.
Existem doze Horas que são guardiãs da ordem natural, do ciclo anual de crescimento da vegetação e das estações climáticas anuais.

É única por si própria, apresenta-se com uma superfície gelada muito brilhante com riscos coloridos. Pensa-se que seja um mundo oceânico coberto por uma capa de gelo que protege o mar interior da adversidade do Espaço. Devido às condições existentes em seu interior, alguns cientistas julgam que lá poderá existir vida, tal como a que existe nas profundezas dos mares da Terra.

O nome Europa é derivado de um dos muitos amores de Zeus (Júpiter) na mitologia grega, nome do qual também deriva o continente terrestre chamado Europa. Europa era uma princesa da Fenícia pela qual Zeus se apaixonou.

É o principal satélite natural de Júpiter, o maior do Sistema Solar, sendo maior que o planeta Mercúrio em termos de tamanho (mas não de massa). Este gigantesco satélite orbita Júpiter a 1,07 milhão de quilómetros de distância.
Ganímedes pode ser visto pelo telescópio. No entanto, Ganímedes é vísivel a olho nu, mas apenas em condições favoráveis e por aqueles com boa visão.

Na mitologia grega, o Monte Olimpo é a morada dos Doze Deuses do Olimpo, os principais deuses do panteão grego. Os gregos pensavam nisto como uma mansão de cristais que estes deuses (como Zeus) - habitavam. Sabe-se também que, quando Gaia deu origem aos Titãs, eles fizeram das montanhas gregas, inclusive as do Monte Olimpo, seus tronos, pois eram tão grandes que mal cabiam na crosta terrestre.
Na mitologia grega é a deusa da juventude, filha legítima de Zeus e Hera. Por ter o privilégio da eterna juventude, representava a donzela consagrada aos trabalhos domésticos. Assim, cumpria no Olimpo diversas obrigações: preparava o banho de Ares, ajudava Hera a atrelar seu carro e servia néctar e ambrosia aos deuses. Um dia, quando executava essa tarefa, caiu numa posição inconveniente. Segundo uma versão, os olímpicos puseram-se a rir sem parar e a jovem, envergonhada, negou-se a continuar servindo-os.
Ganímedes foi um dos amores de Zeus (Júpiter para os romanos), sendo o único nome masculino das quatro luas de Galileu. Ganímedes, na mitologia, era um jovem famoso pela sua beleza. Zeus (Júpiter) apaixonou-se por ele e transformou-se em águia para raptá-lo, levando-o até o
Monte Olimpo
em suas garras. Zeus concedeu a seu amado a imortalidade e a posição de escanção dos deuses no lugar de
Hebe
.
Ligeiramente maior que a Lua, é também a quarta maior lua do sistema solar.
É descrita como o que mais se aproxima do conceito de inferno em todo o sistema solar, já que é o local com maior atividade vulcânica do Sistema Solar. Os seus vulcões chegam a atingir temperaturas à volta dos 1700 graus Celsius, logo, mais quentes que os vulcões da Terra (acredita-se que também os vulcões dos primórdios da Terra atingissem temperaturas semelhantes). Outra consequência desta atividade vulcânica consiste na expulsão de matéria e gases que se afastam para centenas de quilômetros de altura. Devido à fraca gravidade, alguma dessa matéria escapa para o espaço, formando um toro em redor de Júpiter.

Io era uma jovem princesa e sacerdotisa de Hera por quem Zeus alimentava uma secreta paixão. Para seduzí-la, Zeus cobriu o mundo com um manto de nuvens escuras na tentativa de esconder seus atos da visão de sua esposa Hera. Na vã tentativa de iludir sua esposa ciumenta, Zeus transformou a amante em uma belíssima novilha branca.
Sistema solar

Compreende o conjunto constituído pelo Sol e todos os corpos celestes que estão sob seu domínio gravitacional.

Sol
Tal como as outras estrelas, é basicamente, uma esfera gigante de plasma (gás incandescente) de 4,5 bilhões de anos. Possui massa de 1,989 x 1030 kg, densidade média de 1409 kg/m3,densidade central 160 000 kg/m3, distância de 1 UA = 149 600 000 km da Terra, luminosidade L=3,9×1026 watts=3,9×1033 ergs/s, temperatura efetiva Tef = 5785 K e temperatura central Tc = 15 000 000 K
Sua estrutura é dividida em 5 partes.
A fotosfera é a camada visível do Sol. Logo abaixo a zona convectiva, o transporte de energia é pelo movimento das parcelas de gás (transporte mecânico). Abaixo dessa camada está a zona radiativa, onde a energia flui por radiação. O núcleo, é a região onde a energia é roduzida, por reações termo-nucleares. Acromosfera é a camada da atmosfera solar logo acima da fotosfera e tem baixa densidade.
Realiza o movimento de rotação que varia de aproximadamente 25 dias no equador a 36 dias nos polos e translação em torno da Via Láctea, com um período de duzentos milhões de anos. Tem uma oscilação de atividade em ciclos de aproximadamente 11 anos, os chamados ciclos solares. Quando passa por período de extrema agitação, envia para terra
tempestades solares
. Carregadas de eletricidade, estas tempestades acabam influenciando nos sistemas eletrônicos, redes de energia, computadores, aparelhos eletrônicos, sistemas de comunicação de aviões e navios e satélites. Estas ondas de energia e eletricidade chegam a criar as conhecidas
aurora boreal e austral
. O ar brilha nas regiões próximas aos pólos magnéticos da Terra, gerando um espetáculo de luzes e cores nos céus.
Hélio é a personificação do Sol na mitologia grega. É filho dos titãs Hiperião e Teia (ou Tia), tendo como irmãos Eos ou Aurora e Selene, a Lua. Com o passar do tempo, Hélio é cada vez mais identificado com o deus Apolo. No entanto, apesar de seu sincretismo, eles foram muitas vezes vistos como dois deuses distintos (Hélios era um Titã, enquanto
Apolo
é olímpico). O equivalente de Hélio na mitologia romana é Sol, especificamente Sol Invicto
Febo na mitologia romana foi uma das divindades principais da mitologia greco-romana, um dos deuses olímpicos. Era descrito como o deus da divina distância, que ameaçava ou protegia desde o alto dos céus, sendo identificado como o sol e a luz da verdade. Filho de Zeus e Leto, e irmão gêmeo de
Ártemis
, possuía muitos atributos e funções, e possivelmente depois de Zeus foi o deus mais influente e venerado de todos os da Antiguidade clássica. As origens de seu mito são obscuras, mas no tempo de
Homero
já era de grande importância, sendo um dos mais citados na
Ilíada
.

Ou Artemisa era uma deusa grega ligada inicialmente à vida selvagem e à caça, na mitologia romana recebe o nome de Diana. Durante os períodos Arcaico e Clássico, era considerada filha de Zeus e de Leto, mais tarde, associou-se também à luz da lua e à magia. Em Roma, Diana tomava o lugar de Ártemis, frequentemente confundida com Selene ou Hecate, também deusas lunares.
Foi um poeta épico da Grécia Antiga, ao qual tradicionalmente se atribui a autoria dos poemas épicos Ilíada e Odisseia.
É um poema épico grego que narra os acontecimentos ocorridos durante a Guerra de Troia e cuja gênese radica na ira , de Aquiles . O título da obra deriva de um outro nome grego para Troia, Ílion.
Sua aparência é bem similar ao da lua, com crateras de impactos (formados por quedas de meteoritos ou cometas,durante sua formação) e planícies lisas. Gira auma velocidade de 59 km por segundo e está a uma distância do Sol de 57 milhões de quilômetros . Seu diâmetro é de 4.879 km e a área da superficie corresponde a 75 milhões de quilômetros quadrados. Um dia solar em Mercúrio dura cerca de 176 dias terrestres.
70% de sua estrutura é formada por material metálico e 30% de silicatos ( silicio e oxigênio) . Seu núcleo ocupa 42% de seu volume o que faz com que ele seja muito denso, tem um alto teor de ferro, o que faz que este possua em si um campo magnético. Não possui atmosfera causa de seu tamanho e calor, entretanto possui uma exosfera.
É a versão romana para Hermes (Deus gregro filho de Júpiter e de
Bona Dea
. Lembrando Hermes que era deus da venda, lucro e comércio, protetor dos rebanhos, dos viajantes e comerciantes: muito rápido, por isto era o mensageiro por levar mensagens aos Deuses, especialmente a Júpiter.
Ele é frequentemente acompanhado de um galo jovem, mensageiro do novo dia, de um carneiro ou bode, simbolizando fertilidade, e de uma tartaruga, Os seus atributos incluem uma bolsa, umas sandálias e um capacete com asas, uma varinha de condão e o caduceu.

É a deusa romana da fertilidade e virgindade, especialmente venerada pelas matronas romanas. Filha do deus
Fauno
, é muitas vezes chamada de Fauna. Ela tinha um templo no Monte Aventino, mas os seus rituais secretos. Os ritos eram conduzidos pela mulher do magistrado, que era assistida pelas virgens vestais. Só as mulheres eram admitidas.
Ela também era uma deusa da cura e era retratada sentada num trono, segurando uma cornucópia. A cobra é seu atributo, um símbolo de cura, e serpentes foram mantidas em seu templo em Roma, indicando a sua natureza fálica. Sua imagem podia ser frequentemente encontrada em moedas.
É exclusivo da mitologia romana, de onde o mito originou-se, como um rei do Lácio que foi transmutado em deus e, a seguir, sofreu diversas modificações, sincretismo com seres da religião grega(sátiro) ou mesmo da própria romana, causando grande confusão entre mitos variados, ora tão mesclados ao mito original que muitos não lhes distinguem diferenças .
Mercúrio
Vênus
Tem uma atmosfera extremamente densa, que consiste principalmente de dióxido de carbono e uma pequena quantidade de nitrogênio. A atmosfera é rica em CO2, juntamente com as espessas nuvens de dióxido de enxofre, gera o mais forte efeito estufa do Sistema Solar, criando temperaturas na superfície acima de 460 °C. Isto torna a superfície venusiana mais quente do que a de Mercúrio. É assim chamado, provavelmente, por ser o mais brilhante de todos os astros conhecidos na Antiguidade.
Se encontra mais próximo do Sol do que a Terra, pode ser visto aproximadamente na mesma direção do Sol este atinge seu brilho máximo algumas horas antes da alvorada ou depois do pôr do sol, sendo por isso conhecido como a estrela da manhã (Estrela d'Alva) ou estrela da tarde (Vésper); também é chamado Estrela do Pastor. A maior parte da superfície venusiana parece ter sido formada por atividade vulcânica.
Há quase mil crateras de impacto em Vênus, distribuídas igualmente na superfície, que é efetivamente isotérmica; mantém uma temperatura constante não somente entre dia e noite, mas também entre o equador e os polos.

É a deusa do amor e da beleza na Mitologia Romana. Equivale a deusa Afrodite da Mitologia Grega. Segundo o mito era o ideal de beleza feminina e possuía um carro puxado por cisnes. São duas as versões para a origem da deusa. Segundo uma delas, Vênus é filha de Júpiter e
Dione
(deusa das ninfas). Na outra versão, teria nascido de uma concha de madrepérola, sendo gerada pelas espumas do mar.
Na mitologia era identificada como uma ninfa filha de Oceano e Tétis, mas aparece, por vezes, como filha de Urano e Gaia, logo uma titã e irmã de Cronos. É uma das maiores luas do planeta Saturno.
Era considerada esposa de
Vulcano
, o deus manco, mas mantinha uma relação adúltera com Marte.
Os romanos consideravam-se descendentes da deusa pelo lado de Eneias, o fundador mítico da raça romana, filho de Vênus com o mortal Anquises.
Na epopéia
Os Lusíadas
,
Luís de Camões
apresenta a deusa como a principal apoiante dos heróis portugueses ao lado de Marte.

Era o deus romano do fogo, filho de Júpiter e de Juno ou ainda, segundo alguns mitólogos, somente de Juno com o auxílio do Vento.
Foi lançado aos mares devido à vergonha de sua mãe pela sua disformidade, foi, porém, recolhido por Tétis e Eurínome, filhas de Oceano. Noutras versões, a sua fealdade era tal mesmo recém-nascido, que Júpiter o teria lançado do monte Olimpo abaixo. A esse facto de deveria a sua deformidade, pois Vulcano era coxo.
Sua figura era representada como um ferreiro. Era ele quem forjava os raios, atributo de Júpiter.
É considerada a epopeia portuguesa por excelência. Provavelmente concluída em 1556, foi publicada pela primeira vez em 1572 no período literário do classicismo, três anos após o regresso do autor do Oriente.
Foi um poeta de Portugal, considerado uma das maiores figuras da literatura em língua portuguesa e um dos grandes poetas do Ocidente.
É o único satélite natural da Terra e o quinto maior do Sistema Solar. Entre os satélites cuja densidade é conhecida, a Lua é o segundo mais denso, atrás de Io. Estima-se que a formação da Lua tenha ocorrido há cerca de 4,5 mil milhões de anos, relativamente pouco tempo após a formação da Terra. É o único corpo celeste para além da Terra no qual os seres humanos já pisaram.Como praticamente não possui atmosfera nem está sujeita a outros agentes erosivos, a superfície lunar encontra-se coberta por marcas de impacto de outros corpos na forma de inúmeras crateras
O período de rotação do satélite (cerca de 27 dias) é exatamente igual ao período de translação em torno da Terra, o que faz com que a Lua tenha sempre a mesma face voltada para o planeta. Marcada por mares vulcânicos escuros entre montanhas cristalinas e proeminentes crateras de impacto. É o mais brilhante objeto no céu a seguir ao Sol. A sua atual distância orbital, cerca de trinta vezes o diâmetro da Terra, faz com que no céu o satélite pareça ter o mesmo tamanho do Sol, permitindo-lhe cobri-lo por completo durante um eclipse solar total.

Gaia é a deusa da Terra, a Mãe Terra, como elemento primordial e latente de uma potencialidade geradora incrível. Segundo Hesíodo, no princípio surge o
Caos
e do Caos nascem Gaia,
Tártaro
, Eros (o amor), Érebo e Nix (a noite).
Gaia gera sozinha Urano, Ponto e as Óreas (as montanhas). Ela gerou Urano, seu igual, com o desejo de ter alguém que a cobrisse completamente e para que houvesse um lar eterno para os deuses "bem-aventurados".
Com Urano, Gaia gerou os 12 Titãs.
É segundo Hesíodo, a primeira divindade a surgir no universo, portanto a mais velha das formas de consciência divina. A natureza divina de Caos é de difícil entendimento, devido às mudanças que a ideia de "caos" sofreu com o passar das épocas.
É personificado por um dos deuses primordiais, nascidos a partir do Caos (apesar de alguns autores o considerarem irmão de Caos).
Assim como Gaia é a personificação da Terra e Urano a personificação do Céu, Tártaro é a personificação do Mundo Inferior. Nele estão as cavernas e grutas mais profundas e os cantos mais terríveis do reino de Hades, o mundo dos mortos, para onde todos os inimigos do Olimpo são enviados e onde são castigados por seus crimes.

Marte
Batizado em homenagem ao deus romano da guerra, muitas vezes é descrito como o "Planeta Vermelho" O período de rotação de Marte são também semelhantes aos da Terra, assim como é a inclinação que produz as suas estações do ano. Marte tem duas luas conhecidas,
Fobos
e
Deimos
, que são pequenas e de forma irregular. Tem aproximadamente metade do diâmetro da Terra e menos denso também. Sua superfície é apenas ligeiramente menor do que a área total de terra firme do planeta Terra.
É a maior e a mais próxima lua de Marte. Com um raio médio de 11,1 km, Fobos é 7,4 vezes mais massivo que que a outra lua marciana. Foi descoberto em 1877, justamente seis dias após a descoberta de seu parceiro. Seu nome vem da Grécia antiga e significa medo. Na mitologia grega, era filho de Ares e Afrodite e irmão de Deimos.

Deimos (em grego: terror) é a menor e mais afastada das duas luas de Marte. É, também a menor lua reconhecida do Sistema Solar. Tem um raio médio de 6.2 km e uma velocidade de escape de 5.6 m/s (20 km/h). Além disso, a lua leva 30.3 horas para girar em torno de Marte com uma velocidade orbital de 1.35 km/s.
Marte é o deus romano da guerra, equivalente ao grego Ares. Filho de Juno e de Júpiter é considerado o deus da guerra sangrenta, ao contrário da sua irmã Minerva, que representa a guerra justa e diplomática. Os dois irmãos tinham uma relação difícil onde prosperava uma rixa, que acabou por culminar no frente a frente de ambos, junto das muralhas de Troia

(Guerra de Troia)
. Há também Cariocecus ou Mars Cariocecus que é o deus lusitano da guerra. O planeta provavelmente recebeu este nome devido à sua cor vermelha, que por ser a cor do sangue era associado à violência e não ao amor, como foi traduzido na cultura popular com associação às rosas.
Na mitologia romana, Juno é a esposa de Júpiter e rainha dos deuses. É representada pelo pavão, sua ave favorita. Íris era sua servente e mensageira. Sua equivalente na mitologia grega é Hera. O sexto mês do ano, junho tem esse nome em sua homenagem.
Minerva era a deusa romana das artes e da sabedoria. Correspondente à grega Atena.
Outros satélites

Ananke é um pequeno satélite natural do planeta Júpiter com 28 km de diâmetro.
Na mitologia grega, era uma antiga deusa primordial da inevitabilidade, mãe das Moiras e personificação do destino, necessidade inalterável e fato. Era casada com Moros, mas outras tradições dizem que ela foi mãe das moiras com Zeus.
Na Mitologia romana, era conhecida por Necessitas ("necessidade").

Pasite foi descoberto em 2001, possui cerca de 2 quilômetros de diâmetro e orbita Júpiter a uma distância média de 23.307 Mm (megâmetros) em 726.933 dias, com uma inclinação de 166º em relação à eclíptica (164º em relação ao plano equatorial de Júpiter), em uma direção retrógrada de excentricidade orbital de 0,3289.
O satélite foi batizado em homenagem a Pasite, umas das Graças, deusas do charme, beleza, natureza, fertilidade e criatividade humana, filhas de Zeus (Júpiter) e Eurínome. Pasite, mais conhecida como Aglaia, é esposa de

Hipnos
.

Na mitologia grega é o deus do sono. Personificação do sono e da sonolência; mas não do cansaço no que diz respeito à fadiga. Hipnos é um dos daemons gregos: deuses que interferem no espírito dos mortais. Segundo a Teogonia de Hesíodo, ele é filho sem pai de Nix , a deusa da noite; outras fontes dizem que o pai é o Érebo (As Trevas Primordiais, que personifica a escuridão profunda e primitiva que se formou no momento da criação).
Júpiter era o deus romano do dia, comumente identificado com o deus grego Zeus. Na mitologia romana Júpiter é o pai do deus Marte. Assim, Júpiter é o avô de

Rómulo e Remo
.

Júpiter é filho de Saturno e Cíbele.
Baco

era seu filho e da mortal Sémele.

Rômulo e Remo são, segundo a mitologia romana, dois irmãos gêmeos, um dos quais, Rômulo, foi o fundador da cidade de Roma e seu primeiro rei. Segundo a lenda, eram filhos de Marte e de Reia Sílvia, descendente de Eneias. A data de fundação de Roma é indicada, por tradição, em 21 de abril de 753 a.C. (também chamado de "Natal de Roma" e dia das festas de Pales).
Baco é um nome alternativo, e posteriormente adotado pelos romanos, do deus grego Dioniso, cujo mito é considerado ainda mais antigo por alguns estudiosos.
É o deus do vinho, da ebriedade, dos excessos, especialmente sexuais e da natureza. As festas em sua homenagem eram chamadas de bacanais - a percepção contemporânea de que tais eventos eram "bacanais" no sentido moderno do termo, ou seja, orgias, ainda é motivo de controvérsia.
Saturno
Possui uma composição rica em hidrogênio e hélio. Sua atmosfera, em função do calor irradiado do interior de Saturno, apresenta-se em constante turbulência, com ventos de mais de 1 800 quilômetros por hora que criam bandas visíveis nas suas camadas superiores em tons de amarelo e dourado. Apesar de ser denominado como um planeta gasoso, Saturno não é inteiramente formado por gases, seu núcleo é sólido (rechoso,rico em ferro), seu manto é formado por hidrogênio metalico, seguido por uma camada líquida de hélio saturado com moléculas de hidrogênio que gradualmente se transforma em gás quanto maior a altitude.
Consiste em nove anéis principais contínuos e três arcos descontínuos, compostos principalmente de partículas de gelo com uma quantidade menor de detritos rochosos e poeira. Sua espessura média é de apenas dez metros, nunca excedendo 1,5 quilômetro, e a maioria dos corpos que o compõem apresentam tipicamente dimensões entre um centímetro e dez metros.

Embora mais fraco que o de Júpiter, o campo magnético do planeta ainda é quinhentas vezes mais intenso que o terrestre. Contudo, a característica mais notável de Saturno é seu impressionante
sistema de anéis
. Possui vários
satélites
naturais que ostentam peculiaridades únicas no Sistema Solar.
Aegaeon orbita Saturno dentro do brilhante segmento do anel G, é provavelmente a maior fonte do anel. Detritos da lua formam um arco brilhante perto da borda interna, que se espalham e formam o resto do anel. Estima-se que tenha meio quilômetro de diâmetro. Ele orbita Saturno a uma distância média de 167 500 km em 0,80812 dias.
Na mitologia era um dos três
Hecatônquiros
, filhos de Gaia e Urano. Assim como seus irmãos
ciclopes
, foram aprisionados no Tártaro por Urano, que os hostilizava desde o nascimento. Poderosos, ajudaram Zeus a derrotar os Titãs no episódio que ficou conhecido como
Titanomaquia
. Na prisão eram vigiados por Campe.
Os hecatônquiros (em grego "os de centenas de mãos"), eram três gigantes da mitologia grega, Seus nomes eram Briareu/Aegaeon ("o vigoroso"), Coto ("o furioso") e Giges ("o de grandes membros").


Os ciclopes eram, na mitologia grega, gigantes imortais com um só olho no meio da testa que, segundo o hino de Calímaco, trabalhavam com Hefesto como ferreiros, forjando os raios usados por Zeus .
Eles aparecem em muitos mitos da Grécia, porém com uma origem bastante controversa. De acordo com sua origem, esses seres são organizados em três diferentes espécies: os urânios, filhos de Urano e Gaia, os sicilianos, filhos do deus dos mares Poseidon, e os construtores, que provêm do território da Lícia .

Titanomaquia, na mitologia grega, foi à guerra entre os Titãs, liderados por Cronos, e os Deuses Olímpicos, liderados por Zeus, que definiria o domínio do universo. Zeus conseguiu vencer Cronos após resgatar seus irmãos depois de uma luta que durou dez anos.
Reia
Possui o diâmetro equatorial de 1.528 km, área da superfície de 7.337.000 km², densidade média de 1,2333 g/cm³, gravidade equatorial de 0,264 g, temperatura média de -197,2 ºC e uma atmosfera tênue (exosfera) que consiste de oxigênio e dióxido de carbono. É a segunda maior lua de Saturno.
Na mitologia grega, é uma titã, filha de Urano e de Gaia. Na mitologia romana é identificada com Cibele, uma das manifestações da Deusa mãe, Magna Mater.
Irmã e esposa de Cronos, gerou nesta ordem Hera, Deméter, Héstia, Hades, Poseidon e Zeus. Por ser mãe de todos deuses do Olimpo, é conhecida como Mãe dos Deuses.

Atlas é um satélite natural de Saturno. Ele orbita Saturno em volta do anel A. Possui um diâmetro de 30,6. Foi descoberto em 1980.
É um dos titãs gregos, condenado por Zeus a sustentar os céus para sempre. Foi o primeiro rei da mística
Atlântida
. Era casado com Pleione e com quem teve sete filhas, as chamadas de Plêiades e 7 filhas ninfas, as Hespérides.
É uma lendária ilha ou continente cuja primeira menção conhecida remonta a Platão em suas obras "Timeu ou a Natureza" e "Crítias ou a Atlântida".
Nos contos de Platão, Atlântida era uma potência naval localizada "na frente das Colunas de Hércules", que conquistou muitas partes da Europa Ocidental e África 9.000 anos antes da era de Solon, ou seja, aproximadamente 9600 a.C.. Após uma tentativa fracassada de invadir Atenas, Atlântida afundou no oceano "em um único dia e noite de infortúnio".

Calipso é uma pequena lua irregular de Saturno, sendo ela aproximadamente 125 000 vezes menor que Tétis, cuja gravidade altera o curso de Calipso na órbita de Saturno. Calipso tem cerca de 21,4 ± 2,0 km de diâmetro.
Na mitologia grega é uma
ninfa
do mar. Segundo Hesíodo seria uma das Oceânides filhas dos titãs
Oceano
e de Tétis, vivia em uma gruta, na encosta de uma montanha na ilha de Ogígia. Mais frequentemente , seria filha de Atlas com uma deusa qualquer, seria uma das Nereidas, filha de Nereu e Dóris. A entrada da sua morada era cercada por um bosque sagrado, onde havia uma fonte, também sagrada. Os seus filhos mais importantes, e geralmente sendo apontados como filhos de Odisseu, eram Nausítoo e Nausínoo e Latino.
São qualquer membro de uma grande categoria de deusa -espíritos naturais femininos, às vezes ligados a um local ou objeto particular. Muitas vezes, ninfas compõem o aspecto de variados deuses e deusas. São a personificação da graça criativa e fecundadora na natureza.

Oceano é o imenso rio que rodearia a Terra, personificado pelo titã de mesmo nome, filho de Urano e Gaia que tem um corpo formado por um torso de um homem, com garras de caranguejo tal qual chifres na cabeça e grande barba, terminando com a cauda de uma serpente.
Encélado é o sexto maior satélite natural de Saturno. Foi descoberta em 1789. Encélado aparenta possuir água líquida sob sua superfície gelada. Criovulcões no polo sul ejetam grandes jatos de vapor de água e outros voláteis como algumas partículas sólidas para o espaço (aproximadamente 200 kg por segundo). Uma parte dessa água cai de volta sobre a lua como “neve”, outra parte é adicionada aos anéis de Saturno, enquanto outra parcela atinge o planeta. Acredita-se que o anel E de Saturno foi feito a partir dessas partículas de gelo. Devido à água provavelmente estar sobre ou próxima à superfície.
Na mitologia grega, um dos

Gigantes
, que são os quatro filhos de Gaia. Foi criado para ser o castigo de Atena. Ele é o menor e mais fraco dos Gigantes, porem o mais inteligente. É conhecido como o gigante do fogo. Encélado contra Atena em uma batalha sangrenta que culminou na queda dos últimos gigantes. Foi aprisionado no monte Etna juntamente com seu irmão,Tifon e lá estão presos até hoje lançando sua fúria sobre a Terra.
Foram gerados por Gaia, deusa primordial da terra, e Tártaro, o abismo, para derrotar Zeus, pois enfureceu-se quando ele prendeu os titãs no Tártaro. Os gigantes podiam ser mortos se atacados por um deus e um mortal simultaneamente.
Jano é um satélite natural de Saturno, se encontra praticamente na mesma órbita do satélite Epimeteu e esta característica provocou uma certa confusão entre os astrônomos, que acreditavam que tinha apenas um corpo naquela órbita e tiveram problemas em entender as características orbitais porque tentavam conciliar as observações de dois corpos distintos em um só objeto. Têm muitas crateras, algumas até com mais de 30 km de diâmetro. Devido à sua baixa densidade e ao seu relativamente alto albedo acredita-se que Jano seja um corpo congelado e poroso, todavia estes dados precisam ser confirmados.
Foi um deus romano que deu origem ao nome do mês de Janeiro. A figura de Jano é associada a portas (entrada e saída), bem como a transições. A sua face dupla tambem simboliza o passado e o futuro. Jano é o deus dos inícios, das decisões e escolhas. O maior monumento em sua glória se encontra em Roma e é tem o nome de Ianus Geminus (gêmeos Jano).
Jápeto é a terceira maior lua de Saturno com 1.436,0 km de diâmetro e com um período orbital de 79,32 dias, distando cerca de 3.564.300 km de Saturno. O período de rotação de Jápeto é igual ao de revolução, como acontece com a Lua da Terra e uma face de Jápeto está sempre a chefiar o seu movimento orbital em volta de Saturno e a outra parte da lua é, continuamente, rebocada. Desta forma, o dia de Jápeto são mais de 79 dias terrestres.
Segundo a tradição de
Hesíodo
é um dos 12 Titãs clássicos, filhos de Gaia e Urano. O mito foi citado na obra "Os Lusíadas" (escrita por Luís Vaz de Camões) pelo personagem Velho do Rastelo.
Jápeto, "o perfurador" pode também ter sido visto como o deus-titã do tempo de vida humano e da mortalidade, principalmente da morte violenta e também está associado à habilidade artesanal.

Hesíodo foi um poeta oral grego da Antiguidade. Sua poesia é a primeira feita na Europa na qual o poeta vê a si mesmo como um tópico, um indivíduo com um papel distinto a desempenhar.
Titã é o maior satélite natural de Saturno e o segundo maior de todo o sistema solar, depois de Ganímedes, tendo quase uma vez e meia o tamanho da Lua. É o único satélite natural conhecido por ter uma densa atmosfera, sendo até mais densa que a da terra e o único objeto que não seja a Terra a ter uma evidência clara de corpos líquidos em sua superfície.
Na mitologia grega, os Titãs – masculino – e Titânides – feminino - estão entre a entidades místicas que enfrentaram Zeus e os deuses olímpicos na sua ascensão ao poder. Outros oponentes foram os Gigantes, Tifão e Ofíon. Foram incluídas entre os descendentes de Urano.
Prometeu é o nome dado a um dos satélites de Saturno conhecidos. Foi descoberto em 1980. É um satélite pastor do limite interior do anel F. Apesar de seu pequeno tamanho, Prometeu provoca oscilações na estrutura do Anel F, que é mantida pela gravidade de Saturno.
Na mitologia grega é o personagem que rouba o fogo dos deuses para entregá-lo aos homens e por isso é condenado por Zeus a ficar aprisionado no Cáucaso. Enquanto estava acorrentado, uma águia vinha lhe bicar o fígado, como castigo por roubar um privilégio exclusivo dos deuses e entregá-lo aos mortais.
Pã é um satélite natural de Saturno que orbita o interior do anel A, possui diâmetro de 28,4 km e orbita Saturno a uma distância de 133 583 km. Leva 7 horas e 55 minutos para completar uma volta em torno do planeta. Foi descoberto em julho de 1990.
Pã (Lupércio ou Lupercus em Roma) é o deus dos bosques, dos campos, dos rebanhos e dos pastores na mitologia grega. Reside em grutas e vaga pelos vales e pelas montanhas, caçando ou dançando com as ninfas. É representado com orelhas, chifres e pernas de bode, amante da música, traz sempre consigo uma flauta. É temido por todos aqueles que necessitam atravessar as florestas à noite, pois as trevas e a solidão da travessia os predispunham a pavores súbitos, desprovidos de qualquer causa aparente e que é atribuídos a Pã; daí o nome pânico.
Pandora é um satélite natural de Saturno. Foi descoberto em 1980, mas somente em 1985 foi oficialmente chamado de Pandora. Junto com Prometeu é um satélite pastor do anel exterior de Saturno, o Anel F.
Na mitologia grega foi à primeira mulher que existiu, criada por Hefesto e Atena. Foi enviada a Epimeteu que tinha em seu poder a Caixa de Pandora que outrora lhe haviam dado os deuses, que continha todos os males. Avisou a mulher que não a abrisse. Pandora não resistiu à curiosidade. Abriu-a e os males escaparam. Por mais depressa que providenciasse fechá-la, somente conservou um único bem, a esperança. E dali em diante, foram os homens afligidos por todos os males.
Helene é um satélite natural de Saturno. Foi descoberto em 1980. Em 1988 foi nomeado oficialmente a partir de Helena de Troia.
Na mitologia grega era filha de Zeus e de Leda, irmã gêmea da rainha Clitemnestra de Micenas, irmã de Castor e de Pólux e esposa do rei Menelau de Esparta. Quando tinha onze anos foi raptada pelo herói Teseu. Porém seus irmãos Castor e Pólux a levaram de volta a Esparta. Possuía a reputação de mulher mais bela do mundo.

Saturno é um deus romano do tempo equivalente ao grego Cronos. É um dos titãs, filho do Céu (Urano) e da Terra (Gaia). Com uma foice dada por sua mãe mutilou o pai, Urano, tomando o poder entre os deuses.
Expulso do céu por seu filho Júpiter (Zeus), refugiou-se no Lácio. Lá exerceu a soberania e fez reinar a idade do ouro, cheia de paz e abundância, tendo ensinado aos homens a agricultura.
Os romanos que, segundo outras tradições, atribuem a origem de Roma a Saturno, construíram-lhe um templo e um altar à entrada do Fórum, no Capitólio. Atribui-se ainda a Saturno a criação de divindades como Juno ou Hera e de heróis como Rómulo. O sábado é o dia consagrado a ele.
Urano

É maior em diâmetro mas menor em massa que Netuno. Urano, o primeiro planeta descoberto na era moderna, em 1781. Composto principalmente de rochas e variados gelos, com somente 15% de hidrogênio e um pouco de hélio. Urano e Netuno são em vários aspectos similares aos núcleos de Júpiter e Saturno sem o enorme envelope de hidrogênio líquido metálico. Urano não tem um núcleo rochoso como Júpiter e Saturno mas sim que seu material é mais ou menos uniformemente distribuído.
Possui 15 luas conhecidas. Diferente dos outros corpos do sistema solar que têm seus nomes vindos da mitologia clássica, as luas de Urano têm seus nomes vindos dos escritos de
Shakespeare
e Papa. Todas elas têm uma órbita circular no plano do equador de Urano e portanto, em um ângulo maior em relação ao plano da eclíptica.
William Shakespeare foi um poeta e dramaturgo inglês, tido como o maior escritor do idioma inglês e o mais influente dramaturgo do mundo. É chamado frequentemente de poeta nacional da Inglaterra e de "Bardo do Avon" (ou simplesmente The Bard, "O Bardo").

A etimologia possivelmente tem origem no vocábulo sânscrito que origina o nome de Varuna, deus védico do Céu e da Noite. Sua forma latinizada é Uranus. Urano era uma divindade da mitologia grega que personificava o céu. Foi gerado espontaneamente por Gaia (a Terra) e casou-se com sua irmã. Aprisionou os filhos mais novos de Gaia no

Tártaro
.
Netuno

É tal como a Terra, conhecido como o "Planeta Azul", mas não devido à presença de água. É o quarto maior planeta em diâmetro, e o terceiro maior em massa. Tem 17 vezes a massa da Terra e é ligeiramente mais maciço do que Urano. Descoberto 1846, Neptuno foi o primeiro planeta encontrado por uma previsão matemática, em vez de uma observação empírica.

A composição é semelhante à composição de Urano. A atmosfera é composta basicamente de hidrogênio e hélio, juntamente com os habituais vestígios de hidrocarbonetos e, possivelmente, nitrogênio, contém uma percentagem mais elevada de "gelos", tais como água, amônia e metano. Tem oito luas conhecidas, as principais são:
Tritão
,
Nereida
e
Proteu
.
É o deus romano do mar, inspirado no deus grego Poseidon. Filho do deus Saturno e Ops, irmão de Júpiter e de Plutão. Originariamente é o deus das fontes e das correntes de água, dos terremotos e criador dos cavalos. Deus inseparável dos cavalos, senhor das ninfas, sereias e sereias dos lagos, rios e fontes, tem ao seu lado sereias, nereidas e tritões. Netuno não veste roupas chiques, já que sua aparência já é suficiente para demonstrar o seu poder. O deus romano que governa os mares, ao lado de Anfitrite, uma das nereidas, filhas de
Nereu
.


Plutão
Não é mais considerado planeta e está muito longe da Terra, o que dificulta observações detalhadas.
Sua superfície mudou, a região polar do norte ficou mais brilhante o hemisfério sul escureceu, a vermelhidão geral também aumentou consideravelmente, essas mudanças provavelmente estão relacionadas a variações de estações do ano.

Sua massa é de 1,32×1022 kg, seu diâmetro é de 2 306 (+/- 20) km, 70% é o núcleo. Determinações de seu tamanho são complicadas por sua atmosfera e névoa de hidrocarboneto. A atmosfera consiste em uma fina camada de nitrogênio,metano e gases de monóxido de carbono, que são derivados dos gelos dessas substância na superfície. Possui cinco satélites naturais conhecidos:
Caronte
,
Cérbero
,
Estige
,
Nix
e
Hidra
.
É mais conhecido como um satélite natural de Plutão, mesmo tendo a metade do tamanho de Plutão (2400 km- 1200 km),suas massas são tão semelhantes que não há uma dominância gravitacional e é como se ambos fossem satélites naturais de um "vazio", caso único no Sistema Solar.
O diâmetro é de cerca de 1207 km, com uma área de 4580000 km ², sua superfície parece ser dominada por gelo de água.

Segue uma órbita circular no mesmo plano que Caronte. Seu período orbital de 24,9 dias.
Embora seu tamanho não tenha sido medido diretamente, estima-se que tenha um diâmetro entre 40 km. Tem em média o mesmo brilho de Hidra, sugerindo que as duas luas sejam aproximadamente do mesmo tamanho.

Na mitologia grega Hades, é considerado filho de Cronos e de Reia. Também conhecido por ter raptado a deusa
Perséfone
a quem teria sido fiel e com quem nunca teve filhos.
Governa o Mundo dos Mortos e faz com que seu trabalho seja "dividido" entre outras divindades, como
Tânatos
, deus da morte.

Deusa das ervas, flores, frutos e perfumes. É filha de Zeus e
Deméter
, tendo nascido após o casamento de seu pai com Métis e antes do casamento com Hera. Criada no Olímpo, lar da nobreza divina, Perséfone foi sequestrada por seu tio Hades, mudando-se para o mundo inferior. Socorrida por seu meio-irmão Hermes, Perséfone passou a morar metade do ano no Olímpo nas estações (primavera e verão) e outra no mundo dos mortos nas estações (outono e inverno).
Este conflito durou aproximadamente 10 anos. Gregos e troianos entraram em guerra por causa do rapto da princesa Helena de Tróia (esposa do rei lendário Menelau), por
Páris
(filho do rei Príamo de Tróia). Isto ocorreu quando o príncipe troiano foi à Esparta, em missão diplomática, e acabou apaixonando-se por Helena. O rapto deixou Menelau enfurecido, fazendo com que este organizasse um poderoso exército. O general Agamenon foi designado para comandar o ataque aos troianos. Usando o mar Egeu como rota, mais de mil navios foram enviados para Tróia.

Também conhecido como Alexandre, era um dos mais novos filhos do rei Príamo de Troia. Com ajuda do deus Apolo, derrotou
Aquiles

que era o mais forte e potente guerreiro grego daquela guerra, atingindo-lhe uma flecha no calcanhar, único ponto em que poderia matá-lo.
Foi um herói da Grécia, um dos participantes da Guerra de Troia e o personagem principal e maior guerreiro da Ilíada, de Homero. É considerado o mais belo dos heróis reunidos contra Troia, assim como o melhor entre eles.
É a personificação do Mundo Inferior. Nele estão as cavernas e grutas mais profundas e os cantos mais terríveis do Mundo Inferior
Filho do Mar e da Terra, era uma das mais antigas divindades marinhas, anterior ao próprio
Netuno, sendo conhecido como "O Velho do Mar". Tinha o dom da metamorfose.

É a maior lua de Neptuno e um dos astros mais gélidos do sistema solar, possui uma superfície bastante jovem e de aspecto rugoso, desfigurada por violentas erupções vulcânicas, rápidos congelamentos de superfície e com repentina fundição, gerando assim uma rede de rachaduras enormes. Deve seu nome a
Tritão, filho de Netuno e Anfitrite, um semideus marinho. Tirava sons retumbantes de sua grande concha marinha. Algumas lendas afirmam que morreu decapitado.
É o terceiro maior satélite natural de Netuno, com um diâmetro de cerca de 340 km. Foi descoberto por Gerard Kuiper em 1949. O satélite foi nomeado a partir das Nereidas, ninfas marinhas da mitologia grega e atendentes do deus Netuno.
É a segunda maior lua de Netuno com mais que 400 quilômetros de diâmetro. Proteu circunda Netuno a uma distância de cerca de 92.800 quilômetros, e completa uma órbita em 26 horas e 56 minutos , possui uma forma irregular e não mostra sinais de modificações geológicas, é um dos objetos mais escuros no sistema solar.Tomou o nome de Proteu, o deus do mar que mudava de forma na mitologia grega.

É o barqueiro do Hades, que carrega as almas dos recém-mortos sobre as águas do rio Estige e Aqueronte, que dividiam o mundo dos vivos do mundo dos mortos. Para fazer a travessia é necessario paga-lo, geralmente um óbolo ou danake, era por vezes colocado dentro ou sobre a boca dos cadáveres, de acordo com a tradição funerária da Grécia Antiga
Antigamente S/2011. Foi descoberto pelo Telescópio Espacial Hubble e anunciado em 2011. Com um diâmetro estimado entre 13 e 34 km, é a menor lua de Plutão conhecida. Estima-se que sua órbita é circular e está a 59 000 km de Plutão.
É o nome do cão de três cabeças que guarda o sub-mundo na mitologia grega. Impede os mortos de escaparem e mata os vivos que tentarem entrar; quando está de olhos abertos, está a dormir, e quando está de olhos fechados, está acordado.
É um pequeno satélite natural, cuja existência foi anunciada em 2012. Foi o quinto satélite confirmado do planeta anão. Estima-se que tenha um diâmetro entre 10 e 25 quilômetros.
É o rio que passa pelo sub-mundo na mitologia grega. Foi garantido à ninfa Estige por ter ajudado Zeus na guerra contra os titãs. As águas deste rio são mágicas e desaguam no Tártaro.
Ela foi descoberta juntamente com Nix em2005. Orbita o baricentro do sistema no mesmo plano que Caronte e Nix, a uma distância de cerca de 65.000 km. Diferente de outros satélites sua órbita é apenas aproximadamente circular e seu período orbital de 38,2 dias. Embora seu tamanho não tenha sido medido diretamente, estima-se que tenha um diâmetro entre 40 km.
É a personificação da noite. Uma das melhores fontes de informação sobre essa deusa provém da teogonia de Hesíodo. A Noite desempenhou um papel importante no mito como um dos primeiros seres a vir à existência.
É filha dos monstros Tifão e Equidna, possuia o corpo de dragão e nove cabeças de serpente cujo hálito era venenoso, que matava os homens apenas com o seu hálito e que podiam se regenerar, a cada cabeça da Hidra que era decapitada, surgiam duas no lugar. Segundo a tradição, o monstro foi criado por Hera para matar Héracles.
É uma deusa grega, filha de Cronos e Reia, deusa da terra cultivada, das colheitas e das estações do ano. É propiciadora do trigo, planta símbolo da civilização. Na qualidade de deusa da agricultura, fez várias e longas viagens com Dionísio ensinando os homens a cuidarem da terra e das plantações. Em Roma, se chamava
Ceres
.

É um planeta anão que se encontra no cinturão de asteroides, entre Marte e Júpiter. Tem um diâmetro de cerca de 950 km e é o corpo mais maciço dessa região do sistema solar, contendo cerca de um terço do total da massa do cinturão. Apesar de ser um corpo celeste relativamente próximo da Terra, pouco se sabe sobre Ceres. A própria classificação mudou mais de que uma vez, quando foi descoberto foi considerado um planeta, depois foi reclassificado como um asteroide e no início do século XXI, novas observações mostraram que é um planeta anão.


Também referido como Thanatos, personificação da morte. Seu equivalente na mitologia romana é Mors ou Leto. É filho, sem pai, de Nix.

Constelações
Na astronomia moderna, é uma área internacionalmente definida da esfera celeste. Essas áreas são agrupadas em torno de asterismos, padrões formados por estrelas importantes, aparentemente próximas umas das outras.
Andrômeda é uma constelação do hemisfério celestial norte. As três estrelas mais brilhantes dessa constelação boreal são Sirrah (alfa), Mirach (beta) e Almak (gama). Estão quase em linha reta e equidistantes.
Era considerada uma princesa filha do rei Cefeu. Umas das histórias mais famosas é a de quando sua mãe disse que ela era mais bonita que as Nereidas. Por causa do insulto, Poseidon, mandou um monstro marinho, Cetus, para então atacar e destruir toda a Etiópia. Então o rei desesperado com o que estava acontecendo resolveu consultar o Ammon, que disse que só acabaria tudo quando ele resolvesse sacrificar sua filha, dando-a para o monstro, devido as circunstâncias o rei não teve escolha. Andromeda foi acorrentada em uma rochedo para que o monstro a devorasse. No momento em que Andromeda já estava acorrentada,
Perseu
que solta a princesa, se apaixona por ela e derrotar Cetus.
É um dos mais célebres personagens da mitologia grega, herói semideus conhecido por ser fundador da mítica cidade-estado de Micenas, bisavô de Hércules. Famoso por ter decapitado
Medusa
, era filho de Zeus e de Dânae, filha do rei de Argos.
Uma das três Górgonas (Esteno e Euríale). Filha de Fórcis e Ceto. Quem quer que olhasse diretamente para ela era transformado em pedra, era mortal e foi decapitada por Perseu, que utilizou posteriormente sua cabeça como arma, até dá-la para a deusa Atena, que a colocou em seu escudo.
Centaurus, o Centauro, é uma constelação do hemisfério celestial sul. Uma das estrelas dessa constelação, é a estrela mais próxima do Sistema Solar. Além disso, um dos objetos distantes localizados nesta constelação, a Nebulosa do Bumerangue, é o local mais frio conhecido pela ciência, com uma temperatura de apenas 1 kelvin. Também se encontra nessa constelação o maior aglomerado globular da nossa galáxia: Omega Centauri, que contém mais de 10 milhões de estrelas.

Na mitologia grega, é uma criatura com cabeça, braços e dorso de um ser humano e com corpo e pernas de cavalo. De acordo com o imaginário mítico dos gregos antigos, a parte inferior dos centauros era a responsável pela força física, brutalidade e impulsos sexuais. Já a parte humana era mais racional, com capacidade de analisar e refletir. Representavam conflitos típicos dos seres humanos: razão, emoção e violência. Viviam nas montanhas de Tessália e repartiam-se em duas famílias. Os filhos de Íxion e Nefele, que simbolizavam a força bruta, insensata e cega. Os filhos de Filira e Cronos, dentre os quais o mais célebre era
Quíron
, amigo de Héracles, que representavam, ao contrário, a força aliada à bondade, a serviço dos bons combates.
Ele era extremamente devotado à Humanidade, à prática do bem e da justiça. Ao crescer, teria acompanhado a deusa Diana em suas aventuras de caça. Assim ele teria conquistado o domínio de várias disciplinas, entre elas a botânica, astronomia, medicina e cirurgia. Ele se tornaria hábil na Medicina, transferindo depois suas técnicas a vários heróis gregos. Amigo de Hércules, ele foi acidentalmente atingido pelo companheiro, o que gerou um ferimento incurável.
Hércules é a quinta maior das 88 constelações modernas, não possui nenhuma estrela de primeira magnitude.
Nome em latim dado pelos antigos romanos ao herói da mitologia grega Héracles, filho de Zeus e da mortal Alcmena. Os romanos adotaram as histórias gregas sobre Héracles essencialmente inalteradas, acrescentando detalhes anedóticos próprios.
Destacam-se dentre estes mitos os famosos doze trabalhos de Hércules:
1. Matar o leão da Neméia
2. Matar a Hidra de Lerna
3. Capturar o javali de Erimanto
4. Capturar a corça de Cerinia
5. Expulsar as aves do lago Estinfalis
6. Limpar as estrebarias de Aúgias
7. Capturar o touro de Creta
8. Capturar os cavalos de Diómedes
9. Obter o cinturão de Hipólita, rainha das Amazonas
10. Buscar os bois de Gerião
11. Buscar os pomos de ouro do jardim das Hespérides
12. Capturar o cão Cérbero

Órion é reconhecida em todo o mundo, por incluir estrelas brilhantes e visíveis de ambos os hemisférios. É fácil de ser enxergada pois, dentre as estrelas que a compõem, destaca-se a presença de três, Mintaka , Alnilam e Alnitak, popularmente conhecidas como "As Três Marias", localizadas no centro da constelação.
Grande caçador e amado por Ártemis. Apolo, irmão de Ártemis, por não aprovar o romance entre os dois envia um escorpião para matá-lo. Apolo, então, desafia a pontaria de Ártemis, outra grande caçadora, que atinge em cheio seu amado que fugia do escorpião. Percebendo o engano que havia cometido, Ártemis, em meio às lágrimas, pediu para Zeus colocar Órion e o Escorpião entre as estrelas.
Pegasus, o Cavalo Alado, é uma constelação do hemisfério celestial norte.
Pégaso é um cavalo alado símbolo da imortalidade. Nasceu do sangue de Medusa quando esta foi decapitada por Perseu. Medusa estava grávida de Poseidon naquela época. Havendo feito brotar com uma patada a fonte Hipocrene, tornou-se o símbolo da inspiração poética.

Asteroides
São corpos rochosos e metálicos que possuem órbita definida ao redor do Sol. Fazem parte dos menores corpos do sistema solar.
Eros apresenta dimensões de aproximadamente 13 × 13 × 33 km. É o segundo maior que passa próximo à Terra, foi o primeiro a ser identificado em órbita próxima a Marte. Acredita-se ser maior do que o que caiu na península de Yucatán, à qual é atribuída a causa da extinção dos dinossauros.
Eros o deus grego do amor, Cupido para os romanos. É descrito como sendo muito belo e irresistível, anda sempre com seu arco, pronto a disparar sobre os corações de homens e deuses. Posteriormente foi considerado como um deus olímpicos, filho de Afrodite e de Hefesto ou Zeus, Hermes ou Ares, conforme as versões. Casou-se com

Psiquê
, com a condição de que ela nunca pudesse ver o seu rosto, mas ela não resistiu e Eros a abandona. Ele sofrendo pela separação, implora para que Zeus tenha compaixão deles. Zeus o atende e Eros resgata sua esposa e passam a viver no Olimpo, isso após ela tomar um pouco de
ambrosia
tornando-a imortal.
Psiquê é uma personagem da mitologia grega, a personificação da alma.
Também chamado de Manjar dos Deuses do Olimpo, era um doce com divinal sabor, alguns diziam que tinha o poder de cura e se um mortal comum o comesse ele morreria. Conta à história que, quando os deuses o ofereciam a algum humano, este, ao experimentá-lo, sentia uma sensação de extrema felicidade. Era tão poderoso ao ponto de ressuscitar qualquer um, bastava apenas que alguém pusesse em sua boca.
Ganymed é um asteroide descoberto em 23 de outubro de 1924. É o maior asteroide do grupo Amor com 32 quilômetros de diâmetro. Tem o nome da figura mitológica Ganímedes, um príncipe de Troia, por quem Zeus se apaixonou.
Fim
Full transcript