Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Animais arbóreos

No description
by

Ana Villani

on 2 September 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Animais arbóreos

O bicho-preguiça é um mamífero com hábitos de vida noturnos.

Podemos encontrar estes animais em florestas tropicais da América do Sul, América Central e Mata Atlântica

Vive em pequenos grupos, embora possuam vários hábitos solitários

Possui grandes garras, utilizando-as para subir e permanecer na copa de árvores de grande porte.



Sua alimentação baseia-se em folhas, raízes, brotos de algumas espécies de árvores e frutos

Dorme aproximadamente 14 horas por dia, pendurado nas árvores

Um animal saudável costuma viver entre 30 e 40 anos

Descem do topo das árvores apenas uma vez por semana com o objetivo de fazer suas necessidades fisiológicas

Existem várias espécies, divididas em duas famílias: Bradypodidae (possuem três dedos em cada braço) e Megalonychidae (dois dedos)

Esta espécie animal orienta-se principalmente pelo olfato, pois seu sistema visual não é muito desenvolvido

Orangotango
Os Orangotangos são da família Pongidae, possuem braços com duas vezes o comprimento do corpo e os pés podem agarrar-se nos galhos como mãos. São os maiores animais arbóreos, vivendo em árvores de até 20-30m, e costumam deslocar-se raramente no solo, e quando isto acontece a locomoção é quadrupedal. A fêmea viaja com seus filhotes e somente junta-se ao macho em época reprodutiva, sendo então de hábitos solitários.

Finalização
Em seu hábitat natural, cada espécie animal se adapta da melhor forma para se alimentar, proteger-se, etc. Em determinados ambientes, as árvores oferecem um meio perfeito para isso. Por esta razão, esses animais são chamados arbóreos.
Animais arbóreos
Animais arbóreos vivem e habitam nas árvores. Uma grande variedade de espécies animais são consideradas animais arbóreos. Estas espécies consideram árvores como seu lar, encontram abrigo, alimento e proteção entre os galhos. Não se sabe quantas espécies de animais são consideradas arbóreas, mas alguns profissionais estimam que pode haver cerca de 25 mil tipos de espécies arbóreas.
Preguiça
Coala
- O Coala é um mamífero marsupial cujo habitat são as florestas das regiões nordeste e sudeste da Austrália.

- Este marsupial alimenta-se exclusivamente de folhas de eucalipto. Não bebem água, obtendo este líquido das folhas de eucalipto.

- A pelagem dos coalas (densa e sedosa) apresenta-se nas cores cinza e branco. Possuem a cabeça de tamanho grande (em relação ao restante do corpo), olhos bem separados, nariz grosso e focinho curto.

- Os colas não vivem em abrigos. Estão sempre expostos aos fatores da natureza (sol, vento e a chuva).

- Dormem em média 14 horas por dia. As outras 10 horas passam comendo.

- Os movimentos dos coalas são lentos, assemelhando-se com os do bicho-preguiça.

- O principal predador dos coalas é uma espécie de cachorro selvagem, conhecido como canis dingo.

Sagui


Esses simpáticos bichinhos de nome científico Calitrix jaccus são também conhecidos como Sagui. Eles fazem parte da paisagem pipense, já são dóceis devido ao grande contato com humanos e podem ser vistos com facilidade durante o dia.

São animais arbóreos, vivem no máximo quatro anos e geralmente vivem em grupos de dois a 13 indivíduos. Alimentam-se de insetos, frutas e gomas de árvores.

À noite dormem juntos em um ninho construído de vegetação ou num galho. Os machos carregam os filhotes nas costas, entregando-os às fêmeas para a amamentação.

Apesar de viverem em grupos com muitos machos e fêmeas, somente um casal, o dominante, pode ter filhotes. Podem ser vistos da Bahia ao Ceara e na região de caatinga.










Full transcript