Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Industrialização e Urbanização no Brasil

No description
by

on 15 June 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Industrialização e Urbanização no Brasil

Industrialização no Brasil
O Brasil e a Primeira Revolução Industrial
Segunda Revolução Industrial
1860 - 1945
Expansão industrial às demais nações (França, Bélgica, Holanda, Itália, Alemanha, Japão, E. U.A.);
Utilização do petróleo como principal combustível e da energia elétrica como força motriz;
Diversificação industrial: setores eletroeletrônico, químico, metalúrgico, etc...
Substituição do ferro pelo aço;
Melhoria nas condições de trabalho devido ao fortalecimento dos sindicatos.

Brasil: da sociedade agrária para o urbano industrial
Mudanças trazidas pela Primeira Revolução Industrial ao país:
Terceira Revolução Industrial
1945 aos dias atuais
Ampliação da Capacidade produtiva em quantidade e qualidade;
Notável avanço tecnológico em setores da informática, engenharia genética, robótica, biotecnológica, armamentos, telecomunicações, etc.
Rápida obsolescência de produtos e setores industriais;
Padronização dos hábitos de consumo.

Brasil e a Segunda Revolução Industrial
A inserção do país nessa etapa também se dá com 100 anos de atraso...
Primeira Revolução Industrial
1760 - 1860
As indústrias aparecem principalmente na Inglaterra;
O carvão era o principal combustível;
Predomínio da Indústria Têxtil;
Utilização de ferro na construção de máquinas;
Péssimas condições de trabalho
Mesmo com o Brasil já independente, sua economia ainda era colonial e a Metrópole proibiu o desenvolvimento da manufatura e da indústria no país, pelos seguintes motivos:
Os produtos aqui fabricados concorreriam com os portugueses
isso poderia tornar a Colônia muito mais independente, o que não era interessante para metrópole
Com a vinda da família Real em 1808
Permite a implantação da indústrias de tecido na Colônia
Liberdade de importação de matérias-primas necessárias as fábricas, sem ser obrigado a pagar a taxa de importação
Esse incentivo ao início da industrialização no Brasil não deu certo devido:
Pequeno mercado consumidor (Pouca população e mão de obra escrava)
Interesse em expandir a agropecuária exportadora ( produção de café)
A Primeira Revolução Industrial no Brasil só se completou no ano de 1930, com 100 anos de atraso em relação a Inglaterra
As exportações de café geraram lucro para investir em indústrias
Os imigrantes europeus trouxeram conhecimento técnico de fabricação de produtos
O fim da escravidão permitiu a ampliação do mercado consumidor
Primeira Guerra Mundial dificultou as importações, estimulando o estabelecimento de fábricas no país
Crescimento das cidades
Aparecimento de vários profissões
Êxodo Rural
Tipos de Indústria
Indústria de base ou de bens de produção. Ex: Siderúrgica(ferro e aço) e as petroquímicas

Indústria de bens intermediários:Ex: indústria de autopeças

Indústrias de bens de consumo: produtos finais, podendo ser bens duráveis ( automotiva, eletrônica) e não – duráveis ( têxtil, calçados, alimentícia
Governo de Getúlio Vargas (1920-1945 e 1950-
1954): Insuficiência de fontes de energia 
carvão mineral de baixa qualidade e petróleo só
seria descoberto em 1939;

• 1941: Início da construção da Companhia
Siderúrgica Nacional (CSN), localizada em Volta
Redonda (RJ)  produção de aço;
Governo de Juscelino Kubitschek (1956-1961):
incentivou a internacionalização da economia
com a instalação de transnacionais (empresas de
outros países que abrem filiais em várias nações)
 eram atraídas pela mão de obra barata e pela
abundância de matérias-primas  concentraramse
principalmente em São Paulo
1964: início da
ditadura no Brasil
 os militares
priorizam as indústrias de bens de produção e de
bens de capital, extração de minério, construção
de hidrelétricas, rodovias e telecomunicações
O Brasil recebeu uma grande quantidade de
empréstimos internacionais que favoreceram o
crescimento econômico e industrial.
• Final da década de 1970 e início de 1980:
Consolidação da 2ª Revolução industrial com a
implantação das indústrias de bens de produção
Full transcript