Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Marketing 3.0

No description
by

Jessica Pinheiro

on 27 June 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Marketing 3.0

Marketing 3.0
Philip Kotler


O MARKETING DA MISSÃO JUNTO AOS CONSUMIDORES

CAPÍTULO 3


Quando a missão da marca cria raízes na mente, no coração e no espírito dos consumidores eles passam a ser seus proprietários. O que as empresas podem fazer é alinhar suas ações com a missão da marca e repensar continuamente como ir atrás de sua missão

A história de uma marca reúne pelo menos três componentes importantes:
Personagem
Enredo (desafio, conexão e criatividade)
Metáfora


As historias que emocionam as pessoas têm todos estes três componentes importantes.

Os negócios devem começar a partir de uma boa missão, os resultados financeiros vêm em segundo lugar.

Proporcionar aos consumidores uma noção de empowerment é fundamental para a busca da missão da marca.

No Marketing 3.0, a conversa é a nova propaganda.

Portanto, aqui são os três segredos do marketing da missão junto aos consumidores: uma abordagem inovadora, uma história que comova as pessoas e o empowerment do consumidor.
Marketing dos valores junto aos empregados
CAPÍTULO 4

Os consumidores vêm perdendo a confiança nas empresas e em seus executivos nos últimos anos, inclusive se relacionadas com marketing ou publicidade. Motivo: Falta de prática dos seus valores.

No Marketing 3.0, as corporações precisam convencer tanto os clientes quanto os funcionários a levar a sério seus valores.

A prática desses valores gera rentabilidade, retorno e sustentabilidade
.

De acordo com Lencioni, há 4 tipos diferentes de valores corporativos:



-
Valores de permissão para jogar- são padrões básicos que as empresas impõem aos empregados quando ingressam nessa.
- Valores de aspiração- os funcionários e a empresa ainda não têm, mas espera alcançar.
-
Valores acidentais- são adquiridos de acordo com a personalidade de cada empregado.
- Valores essenciais- são autênticos e norteiam a cultura corporativa da empresa a as atitudes dos funcionários.



Os valores essenciais (compartilhados) constituirão metade da cultura corporativa da empresa. A outra metade será o comportamento dos funcionários mediante estes. Portanto, a combinação desses influi diretamente na missão da marca da empresa para com os consumidores.

Ter sólidos valores compensa para todas as partes. Fica mais fácil recrutar e manter os funcionários, além deles representarem (bem) a corporação diante os consumidores.

Os bons valores são aqueles que estimulam o lado criativo, cultural e colaborativo dos empregados.

Os profissionais de hoje em dia valorizam as empresas que praticam os seus valores corretamente. Isso faz com que eles se dediquem mais, sejam leais e produzam mais. Faz com que eles produzam mudanças culturais na sua vida e na vida dos outros.
CAPÍTULO 10
Os 10 Credos do MARKETING 3.0
A relação entre o Marketing e Valores tende um desenvolvimento com três fases:


Fase: Marketing e valores estão polarizados.


Fase: Balanceamento, as empresas praticam o marketing da maneira usual, doando parte dos lucros para causas sociais.


Fase/Final: Integração, a empresa quer aplicar na pratica um conjunto de valores de personalidade e propósito.

Aplicação do Marketing através do ODMs

1-
Erradicar a extrema pobreza e a fome.
2- Atingir o ensino básico universal.
3-
Promover a igualdade entre os sexos e a autonomia das mulheres.
4- Reduzir a mortalidade na infância.
5-
Melhorar a saúde materna.
6- Combater o HIV/Aids, a malária e outras doenças.
7-
Garantir a sustentabilidade ambiental.
8- Estabelecer uma parceria mundial para o desenvolvimento.

-
A partir dos objetivos estabelecidos as empresas estão começando a ver possibilidades de negócios e de obtenção de lucros além do governo que começou com o Objetivos de Desenvolvimento Milênio .


-
Com o MARKETING 3.0 formoram os 10 CREDOS.

Credo I: Ame seus clientes e respeite seus
concorrentes

Amar os clientes significa conquistar sua fidelidade, oferecendo seus valores e tocando suas emoções e seu espírito. A decisão de comprar e de ser fiel a uma marca sofre grande influencia das emoções.
.
No mês que conscientização sobre o Câncer de Mama, a empresa mudou a cor de suas embalagens de vermelha para rosa com isso obteve um aumento significativo.

Concorrentes

Respeitar os concorrentes. Os concorrentes que impulsionam o mercado como um todo, sem eles o crescimento de um dado
setor é muito mais lento, com o monitoramento dos concorrentes podemos detectar nossos pontos fortes e fracos e os deles.

''Trate seus clientes com amor e seus concorrentes com respeito.''

Credo 2: Seja sensível a mudança e esteja pronto para se transformar.
O ambiente de negócios é altamente dinâmico. Se você for invisível a isso e não for capaz de prever mudancas, sua empresa vai ser tornar obsoleta e acabará morrendo.

A empresa Toyota não era considerada inovadora, . Ao contrario, a empresa era conhecida por processos decisórios lentos, porém firmes. A Toyota captou as tendências do mercado e a necessidade de um lançamento de um carro, assim, ao lançar o Prius agiu com rapidez no desenvolvimento de produtos.

''Quando os tempos mudarem, mude também''.

Credo 3: Projeta seu nome,
deixe claro quem é você.
No Marketing, a reputação da marca é tudo. Quando dois produtos tem qualidade igual, as pessoas tenderão a comprar aquele cuja reputação da marca for melhor.
The Body Shop é o comércio comunitário da empresa Britânica, compra ingredientes de comunidades locais e de baixa renda ao redor do mundo obtem uma melhor prática e tenta erradicar a pobreza.

''Esclareça quais são seus valores e não abra mão deles''


Credo 4: Um Cliente é diferente do outro,
procure primeiro aqueles que podem se
beneficiar mais de você.
Esse é o principio da segmentação. Os mercados de produtos são compostos por 4 níveis:

1- Um segmento global, com produtos e características globais e dispostos a pagar preços mais altos.
2- Um Segmento “global”, com produtos de qualidades globais, mas com características locais, a preços ligeiramente mais baixos.
3- Um Segmento local que deseja produtos locais e os preços mais baixos.
4- Um Segmento da base da pirâmide que só pode adquirir os produtos mais baratos.

-A base da pirâmide é o segmento apropriado para as empresas
locais desafiarem seus rivais multinacionais dos países
desenvolvidos e também é o segmento mais apropriado
para o Marketing 3.0.

''Concentre-se no segmento ao qual você pode proporcionar mais benefícios
.

Credo 5: Ofereça sempre um pacote por um preço justo.
Produtos ou serviços de baixa qualidade não se deve vender por um preço alto.
O verdadeiro Marketing é o Marketing justo, em que o preço é adequado ao produto.

A empresa tenta reduzir o preço do sal iodado, para que possa substituir o sal não iodado, tão usado em Gana. Para melhorar a saúde da comunidade a Unilever usa da sua capacidade global. Outro exemplo da Unilever é o esforço para oferecer água potável segura para consumo.

''Defina preços justos para refletir sua qualidade''.

Credo 6: Esteja sempre disponível,
divulgue as boas-novas.
Seus clientes não podem ter dificuldades de encontrá-lo. Na atual economia do conhecimento, o acesso á tecnologia da informação e a internet é essencial. Entretanto, a exclusão digital, é um desafio. As empresas precisam eliminar esse abismo podendo assim aumentar sua base de clientes.
A HP tenta eliminar esse abismo, colaborando com parceiros em todos os setores para levar a tecnologia da informação aos países em desenvolvimento. A empresa busca crescimento em comunidades de baixa renda.
''Ajude seus futuros clientes a encontrá-lo''.
Credo7: Conheça seus clientes,
cultive-os e conquiste outros.
Conheça-os pessoalmente, um por um, assim terá uma noção de suas necessidades e desejos, preferências e comportamento. Podendo assim incrementar seus negócios com eles. Atraindo os clientes certos, eles continuarão a comprar de você em função de profunda satisfação racional e emocional, assim tornando seus defensores através do marketing boca a boca.
A PetSmart Charities salvou a vida de milhões de animais sem dono através dos centros de adoção criados em suas lojas. O programa atrai visitantes para a loja e melhora as vendas.
''Considere seus clientes como se fossem seus clientes para o resto da vida
.''
Credo 8: Não importa em qual setor
você atue, será sempre no setor de
serviços.
Em qualquer situação seja indiretamente ou diretamente sua empresa será uma prestadora de serviços. Sirva seu cliente de coração, seja solidário, pois assim ele certamente terá excelentes memórias da experiência.
A Whole Foods tem como essência servir os clientes e a sociedade, com isso proporciona escolhas saudáveis com seus produtos.
''Toda empresa é uma empresa de serviços, pois todo produto envolve um serviço.''
Credo 9 : Aperfeiçoe sempre seu processo de negocio
em termos de qualidade, custo e entrega
Não deixe de cumprir as promessas feitas aos clientes, fornecedores e todo meio. Nunca haja com desprezo e desonestidade.
A S.C. Johnson, trabalha junto com agricultores locais para melhorar a produtividade e entrega. . Por conseqüência os lucros crescem em ambas as partes, desde a empresa que produz a empresa que vende.
''Aprimore seus processos de negócios cada dia.''
Credo 10: Colete informações relevantes, mais use sua
sabedoria para tomar a decisão final
O conhecimento e a experiência acumulada determinarão sua decisão final. Com apoio da maturidade espiritual e clareza emocional, o profissional de marketing poderá rapidamente tomar decisões baseadas na sabedoria que possuir inerentemente.
Membros do conselho pensaram em vender sua participação na Hershey devido ao surgimento de um poderoso concorrente no mercado e um provável aumento futuro no preço do cacau. Para surpresa do conselho, um grupos de empregados zangados reprovaram a aquisição. O Conselho por fim, perceberam que se equivocaram na decisão. Financeiramente era correto mais não era a medida sábia, geraria um impacto social na decisão, em especial para os empregados.
''Os Gerentes sábios consideram outros aspectos além do impacto financeiro de uma decisão.''
Jessica Pinheiro
Margarida Alves
Luiza Faria
Ana Luisa
Karine Gonçalves

- Empregados satisfeitos, são claramente mais produtivos, e grandes empresas vêm investindo para elevar a credibilidade de seus funcionários na empresa e no que ela pretende alcançar.
- É altamente importante ter funcionários que acreditam no que a empresa prega, pelo fato de proporcionarem ao consumidor valores que estão alinhados com as histórias da empresa.
-Rosaberth Moss Kanter realizou um estudo e constatou que os fortes valores compartilhados ajudam as empresas a cumprirem objetivos aparentemente opostos. Os valores compartilhados são capazes de reduzir as diferenças entre os funcionários e os integra em um só meio.
- Valores compartilhados ajudam as empresas a definirem padrões e se adaptar as diferenças locais.
- Para implantar os valores, a maior parte das empresas utiliza o treinamento formal e o coaching informal.
- O treinamento tem seus pontos fracos, pois acaba se tornando sermão em vez de prática.
- Marketing 3.0 vai além de treinamento e coaching, ele é capaz de alinhar valores e comportamento. Marketing 3.0 significa transformar os empregados e lhes dar autonomia para transformar os outros.
- No Marketing 3.0 deve haver uma cultura colaborativa, cultural e criativa, e deve transformar a vida de seus funcionários, dando-lhes autonomia para transformar a vida dos consumidores.
Philip Kotler
Philip Kotler
Philip Kotler
.''
Philip Kotler
Philip Kotler
Philip Kotler
Philip Kotler
Philip Kotler
Philip Kotler
Philip Kotler
Full transcript