Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Era vargas

No description
by

Paulo Rocha

on 18 September 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Era vargas

Era Vargas 1930 - 1945 Getúlio Dornelles Vargas São Borja, 19 de abril de 1882 Governador do Rio Grande do Sul em 1928 Partido Republicano Rio-grandense (PRR)
Partido Trabalhista Brasileiro (PTB) Advogado e político Governou o Brasil por 15 anos
(Primeiro mandato) Casado com Darcy Sarmanho Vargas Teve cinco filhos Declarava-se agnóstico Filho de D. Cândida e General Manoel Vargas. Revolução de 1930 Fim da política do café com leite.
Presidente Washington Luís deposto.
Governo passa a ser centralizador e controlador.
Medidas para controlar os efeitos da crise.
Getúlio Vargas assume o poder. Governo Provisório Marcado pela forte presença dos “tenentes”
nos principais cargos políticos do governo
Tensão entre as velhas oligarquias e os tenentes interventores Revolução Constitucionalista de 1932 Ocorreu em São Paulo.
Tinha por objetivo a elaboração de uma nova constituição para o país.
Foi uma tentativa da velha oligarquia paulista para voltar ao poder.






Movimento MMDC: conflito envolvendo os rebeldes e as forças do governo. Nesse confronto, morreram quatro estudantes de cujos sobrenomes proveio essa sigla. Constituição de 1934 Elaborada por uma Assembleia Constituinte.
Inspirada na Constituição de Weimar (Alemanha).
Eleições diretas: voto direto e secreto para ambos os sexos (maiores de 18 anos alfabetizados).
Extinção do cargo de vice presidente da República.
Mandato presidencial de 4 anos, vedado o direito à reeleição.
Mandato classista.
Leis trabalhistas: jornada de trabalho de oito horas, descanso semanal obrigatório e remunerado, férias remuneradas, proteção ao trabalho da mulher e do menor, indenização por dispensa sem justa causa, assistência e licença remunerada a gestantes.
Nacionalização das riquezas minerais.
Eleição indireta do primeiro presidente da República. O Governo Constitucionalista Duas vertentes políticas começaram a influenciar a sociedade brasileira.
A direita fundou a Ação Integralista Brasileira (AIB) - Pregava um Estado totalitário.
A Esquerda criou a Aliança Nacional Libertadora (ANL), patrocinado pelo regime comunista da União Soviética. Intentona Comunista (1935) Liderada pelo Partido Comunista Brasileiro (PCB).
Tinha por objetivo derrubar o presidente e tomar o poder.
O PCB apoiava uma revolução nacional popular contra as
oligarquias, o autoritarismo e o imperialismo.
Falhou devido à falta de organização. Plano Cohen (1937) Integralistas forjam um plano, dizendo que a ANL planejava uma revolução mais forte e melhor estruturada em relação à de 1935, e que teria apoio da própria URSS.
Conseguem convencer os militares e boa parte da classe média, causando temor pelo comunismo.
Com apoio da população e do exército, Getúlio Vargas derruba a Constituição de 1934 e inicia a ditadura do Estado Novo. Estado Novo Presidente tem plenos poderes pela nova constituição outorgada, pode intervir nos governos estaduais e substituí-los.
Assembleias Legislativas extintas.
Liberdade individual suspensa.
Partidos políticos extintos.
Criação do DIP (Departamento de Imprensa e Propaganda) e DASP (Departamento de Assistência ao Servico Público). Legislação Trabalhista Legislação Trabalhista Corporativismo.
Sindicato único.
Imposto sindical e peleguismo.
Justiça do trabalho.
Carteira de trabalho.
Salário mínimo. Economia Industrialização.
Usinas siderúrgicas.
Criação da Vale do Rio Doce.
Conselho Nacional do Petróleo.
Plano Cruzeiro. Fim da Era Vargas Contradição: País com estrutura política fascista lutando na guerra contra países do eixo.
Levantam-se contra o regime: intelectuais, artistas, políticos mineiros e militares (a base da sustentação do governo).
Vargas cede.
Surgem novos partidos.
Movimento queremista: queria a permanência de Vargas no poder até a conclusão da constituinte.
Full transcript