Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Social Media 12 passos

Trabalho realizado no âmbito da disciplina de Social Media (Pós-Graduação em Marketing Digital do IPAM - Porto).
by

Rafael Silva

on 17 March 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Social Media 12 passos

Processo de tecnologia social
12 passos Após a definição dos objetivos e das métricas para monitorizar os resultados é necessário criar uma equipa de trabalho que realize o acompanhamento de toda a atividade on-line da marca KAILANIE.
Partimos do princípio que a equipa inicialmente vai ser constituída pelos quatro elementos que compõem a estrutura organizativa da empresa.

KAILANIE realizará semanalmente uma reunião com os diferentes elementos para coordenar e verificar todos os inputs e outputs resultantes da atividade diária desenvolvida e se estes estão de acordo com o plano estratégico estabelecido. Rafael Silva - Social Media Community Manager

- Reputation Manager
- Ponto de ligação entre todos os elementos da equipa
- Determina e orienta os caminhos a seguir na estratégia de SM


Pedro Mendes - Social Media Research & Development

- Identifica e desenvolve tendências de mercado para a KAILANIE
- Monitoriza as métricas de Social Media 6. Integração com processos de vendas A estratégia da marca irá ser B2C.
O objetivo é criar, aumentar e manter um relacionamento com o consumidor final e potenciais clientes.

O caminho passa pela presença nas Redes Sociais, conteúdo do Blog, Newsletters e Site da marca.

Frequente atenção dos principais influenciadores.

Através de todos os canais iremos conduzir o cliente e fazer com que ele chegue à nossa etapa final, vendas. As propriedades on-line da marca kailanie têm o seu próprio conjunto de objetivos definidos. Simplesmente vamos ter conteúdo em vários canais para receber os nossos clientes (Consumidores / Utilizadores).

O tom da comunicação é um dos elementos mais importantes, na medida em que faz parte da linguagem da marca, definindo um look e design consistentes criando assim uma unidade. Desta forma, independentemente das mídia, é possível identificar para todas as mensagens uma única fonte, independentemente do conteúdo que poderá ser adaptado e refinado consoante as necessidades.

O tom da marca define como serão as peças de comunicação, tendo como base elementos fundamentais sobre os quais foi necessário ponderar:
- Qual o ADN da marca Kailanie?
- Como é que os outros interpretam a Kailanie/posicionamento?
- Como é que queremos que as pessoas nos interpretem?
- Somo originais? Em que pontos?
- Qual o segmento que a marca pretende atingir? No Pinterest.
- Total de Seguidores
- Partilhas
- Pins/Repins/Álbuns
- Comentários/Likes
- Seguidores do painel/Álbum Em E-Mail Marketing:

- Deliverability
- ROI/CR/CTR
- CPM (Cust per Thousand)
- Unsubscribe Rate
- Bounce Rate
- SPAM Complaints
- OR (Open Rate)
- CT (Click Through) 1.Desenvolver Objetivos em Tecnologia Social 2. Criar uma equipa de Tecnologia Social Cargos 4. Integração da Tecnologia Social e Propriedades Web "Para quem não sabe para onde vai, qualquer caminho serve”
– O Gato, em Alice no País das Maravilhas.


Tomando por base esta citação, a marca KAILANIE definiu para a sua política de Social Media um conjunto de objetivos que lhe permitem direcionar o seu caminho e estabelecer metas estratégicas na sua atuação on-line.

· Construir e fortalecer um bom relacionamento com os seus clientes.
· Apresentar a qualidade, inovação e versatilidade dos produtos KAILANIE.
· Gerar conteúdos orientados para os amantes do desporto náutico e de montanha.
· Aumentar o número de seguidores da KAILANIE nas diferentes plataformas on-line.
· Potenciar o alcance da marca KAILANIE além fronteiras.

Acreditamos que uma vez alcançadas estas metas de curto e médio prazo, a KAILANIE assumirá um papel de destaque neste segmento Sportswear. O site será um canal secundário, mas não menos importante. É aqui que serão compilados todos os objetivos referidos nos canais principais.

O método nas redes sociais será o caminho que o consumidor irá fazer para chegar a este canal final. Bem como no site será possível ter o acesso às redes sociais onde estamos presentes.

Em suma, será um veículo de informação para os nossos clientes, visitantes e utilizadores. Onde terão acesso a uma conta no site para seguirem todo o processo da compra.

A meta final, será o meio para gerar leads e construir a base de dados da marca com as informações dos clientes. Não basta implementar mas também e imprescindível monitorizar os seus efeitos de maneira a corrigir eventuais desvios. É neste ponto que entram as métricas de controlo on-line associadas a cada plataforma de Social Media. como iremos ver nos pontos seguintes. Na página do Facebook:

- Nº de Fãs
- Nº de Likes
- Nº de seguidores
- Nº de Comentários
- Nº de Tags
- Nº de Partilhas
- Nº de Fotos
- Alcance (Orgânico/Viral)
- Pessoas que falam sobre marca
- Nº de visualizações de conteúdo No Instagram:

- Nº Likes
- Nº de followers
- Nº de Comentários
- Nº de Tags
- Nº de Partilhas
- Nº de Fotos Na página do Facebook (anúncio):

- Budget
- CPC (Cost per Click)
- CR (Conversion Rate)
- CTR (Click Through Rate)
- BR (Bounce Rate)
- ROI (Return on Investement)
-CPM(Cost per Thousand) No Twitter:

- Nº de Seguidores
- Nº de Retweets
- Hashtags
- Identificações à marca
- Favoritos Com estes dados a Kailanie vai ter uma perspetiva geral e em tempo real do seu posicionamento no mercado e como orientar os seus investimentos para criar maior engagement com o seu público-alvo. Joaquim Vale - Public Relations Representative

- Coordena e integra as políticas de Social Media com as ações da KAILANIE outdoor


Fernanda Ferraz - Social Media Listening Manager
- Social Media Customer Service Respondent
- Escuta ativa sobre comentários On-line / Interação com os Fãs
- Criação de conteúdos 3. Implementar uma diretiva de Governância Interna O meio on-line está atualmente repleto de plataformas de Social Media que permitem aos diferentes públicos (internos/externos) às organizações interagirem com as marcas e organizações. A fronteira entre o lado profissional e o pessoal é cada vez mais estreita e confusa. As ações e comentários dos colaboradores são importantes para o sucesso ou não da KAILANIE no mercado, assim é importante a criação de um documento com regras básicas e claras que especifique a forma de atuação e comunicação da empresa com o exterior.

Neste âmbito, temos disponível on-line uma ferramenta que define de uma forma prática os procedimentos a verificar sob a forma de um documento escrito. A política de Social Media da marca KAILANIE tem por base legal e regulamentar o seguinte documento.

KAILANIE Social Media Policy

This policy governs the publication of and commentary on social media by employees of KAILANIE and its related companies ("KAILANIE"). For the purposes of this policy, social media means any facility for on-line publication and commentary, including without limitation blogs, wiki's, social networking sites such as Facebook, LinkedIn, Twitter, Flickr, and YouTube. This policy is in addition to and complements any existing or future policies regarding the use of technology, computers, e-mail and the internet.

KAILANIE employees are free to publish or comment via social media in accordance with this policy. KAILANIE employees are subject to this policy to the extent they identify themselves as a KAILANIE employee (other than as an incidental mention of place of employment in a personal blog on topics unrelated to KAILANIE).
Before engaging in work related social media, employees must obtain the permission of the Rafael Silva – Social Media Community Manager/Reputation Manager.
Notwithstanding the previous section, this policy applies to all uses of social media, including personal, by KAILANIE employees who are Fernanda Ferraz – Social Media Listening Manager/SM Customer Service Respondent; Pedro Mendes – Social Media Research & Development; Joaquim Vale – Public Relations Representative, as their position with KAILANIE would be well known within the community.
Publication and commentary on social media carries similar obligations to any other kind of publication or commentary.
All uses of social media must follow the same ethical standards that KAILANIE employees must otherwise follow. KAILANIE Social Media Policy

Setting up Social Media
Assistance in setting up social media accounts and their settings can be obtained from KAILANIE's Rafael Silva – Social Media Community Manager/Reputation Manager.
Social media identities, logon ID's and user names may not use KAILANIE's name without prior approval from the Rafael Silva – Social Media Community Manager/Reputation Manager.
Your profile on social media sites must be consistent with your profile on the KAILANIE website or other KAILANIE publications. Profile information may be obtained from the Rafael Silva – Social Media Community Manager/Reputation Manager.
Official KAILANIE photographs must be used for your profile photograph. KAILANIE photographs can be obtained from Fernanda Ferraz – Social Media Listening Manager/SM Customer Service Respondent.

Don't Tell Secrets
It's perfectly acceptable to talk about your work and have a dialog with the community, but it's not okay to publish confidential information. Confidential information includes things such as unpublished details about our software, details of current projects, future product ship dates, financial information, research, and trade secrets. We must respect the wishes of our corporate customers regarding the confidentiality of current projects. We must also be mindful of the competitiveness of our industry. KAILANIE Social Media Policy

Protect your own privacy
Privacy settings on social media platforms should be set to allow anyone to see profile information similar to what would be on the KAILANIE website. Other privacy settings that might allow others to post information or see information that is personal should be set to limit access. Be mindful of posting information that you would not want the public to see.

Be Honest
Do not blog anonymously, using pseudonyms or false screen names. We believe in transparency and honesty. Use your real name, be clear who you are, and identify that you work for KAILANIE. Nothing gains you notice in social media more than honesty - or dishonesty. Do not say anything that is dishonest, untrue, or misleading. If you have a vested interest in something you are discussing, point it out. But also be smart about protecting yourself and your privacy. What you publish will be around for a long time, so consider the content carefully and also be cautious about disclosing personal details.

Respect copyright laws
It is critical that you show proper respect for the laws governing copyright and fair use or fair dealing of copyrighted material owned by others, including KAILANIE own copyrights and brands. You should never quote more than short excerpts of someone else's work, and always attribute such work to the original author/source. It is good general practice to link to others' work rather than reproduce it. KAILANIE Social Media Policy

Respect your audience, KAILANIE, and your coworkers
The public in general, and KAILANIE's employees and customers, reflect a diverse set of customs, values and points of view. Don't say anything contradictory or in conflict with the KAILANIE website. Don't be afraid to be yourself, but do so respectfully. This includes not only the obvious (no ethnic slurs, offensive comments, defamatory comments, personal insults, obscenity, etc.) but also proper consideration of privacy and of topics that may be considered objectionable or inflammatory - such as politics and religion. Use your best judgment and be sure to make it clear that the views and opinions expressed are yours alone and do not represent the official views of KAILANIE.

Protect KAILANIE customers, business partners and suppliers
Customers, partners or suppliers should not be cited or obviously referenced without their approval. Never identify a customer, partner or supplier by name without permission and never discuss confidential details of a customer engagement. It is acceptable to discuss general details about kinds of projects and to use non-identifying pseudonyms for a customer (e.g., Customer 123) so long as the information provided does not violate any non-disclosure agreements that may be in place with the customer or make it easy for someone to identify the customer. Your blog is not the place to "conduct business" with a customer.

Controversial Issues
If you see misrepresentations made about KAILANIE in the media, you may point that out. Always do so with respect and with the facts. If you speak about others, make sure what you say is factual and that it does not disparage that party. Avoid arguments. Brawls may earn traffic, but nobody wins in the end. Don't try to settle scores or goad competitors or others into inflammatory debates. Make sure what you are saying is factually correct. KAILANIE Social Media Policy

Be the first to respond to your own mistakes
If you make an error, be up front about your mistake and correct it quickly. If you choose to modify an earlier post, make it clear that you have done so. If someone accuses you of posting something improper (such as their copyrighted material or a defamatory comment about them), deal with it quickly - better to remove it immediately to lessen the possibility of a legal action.

Think About Consequences
For example, consider what might happen if a KAILANIE employee is in a meeting with a customer or prospect, and someone on the customer's side pulls out a print-out of your blog and says "This person at KAILANIE says that product sucks."
Saying "Product X needs to have an easier learning curve for the first-time user" is fine; saying "Product X sucks" is risky, unsubtle and amateurish.
Once again, it's all about judgment: using your blog to trash or embarrass KAILANIE, our customers, or your co-workers, is dangerous and ill-advised.

Disclaimers
Many social media users include a prominent disclaimer saying who they work for, but that they're not speaking officially. This is good practice and is encouraged, but don't count on it to avoid trouble - it may not have much legal effect.

Don't forget your day job.
Make sure that blogging does not interfere with your job or commitments to customers. KAILANIE Social Media Policy
Social Media Tips
The following tips are not mandatory, but will contribute to successful use of social media.

The best way to be interesting, stay out of trouble, and have fun is to write about what you know. There is a good chance of being embarrassed by a real expert, or of being boring if you write about topics you are not knowledgeable about.

Quality matters. Use a spell-checker. If you're not design-oriented, ask someone who is whether your blog looks decent, and take their advice on how to improve it.

The speed of being able to publish your thoughts is both a great feature and a great downfall of social media. The time to edit or reflect must be self-imposed. If in doubt over a post, or if something does not feel right, either let it sit and look at it again before publishing it, or ask someone else to look at it first.

Enforcement
Policy violations will be subject to disciplinary action, up to and including termination for cause. Tom da Marca no on-line

De encontro aos valores base da marca (aventura, descoberta, emoções fortes, resistência e versatilidade), e cujo público-alvo se centra num segmento alto, com elevado poder de compra, e gosto pela aventura, a Kailanie comunica:

-Através de um tom semi-formal, persuasivo;

- Linguagem simples capaz de transmitir os seus valores;

- Cria impacto no público-alvo, estabelecendo uma ligação com os consumidores. Conteúdo no Digital Para o sucesso de uma marca e respectivos produtos é fundamental saber qual é o segmento a abordar e escutar as suas necessidades. Objetivos:

1 - Construir e fortalecer um bom relacionamento com os nossos clientes.

2 - Apresentar a qualidade, inovação e versatilidade dos produtos KAILANIE.

3 - Gerar conteúdos orientados para os amantes do desporto náutico e de montanha.

4 - Aumentar o número de seguidores da KAILANIE nos diferentes meios on-line.

5 - Potenciar o alcance da marca KAILANIE além fronteiras. Conteúdo na Tecnologia Social Principais canais para comunicar, interagir e criar uma relação de proximidade com os nossos consumidores. Plataformas Sociais - Facebook


- Twitter


- Pinterest


- Instagram


- Foursquare


- YouTube / Vimeo Objetivos - Comunicar/ Vender/ Expressar valores da marca/ Avaliar relevância Social/ Criar conteúdo / Interação /Transferir conhecimento...

- Comunicar novos looks/coleções


-Comunicar catálogos/coordenados/novas coleções/novos artigos


- Comunicar looks/mostrar colaboradores/iniciativas/lojas


- Avaliar relevância Social/Promoções/Desafios


- Criar conteúdo vídeo
ÍNDICE 1. Desenvolver objetivos em tecnologia social

2. Criar uma equipa de tecnologia social

3. Impor uma diretiva de governância interna

4. Integração da Tecnologia Social e Propriedades Web

5. Construção de rios de informação

6. Integração com o processo de vendas
ÍNDICE 7. Gestão da Reputação On-line

8. Estratégias de Crowdsourcing

9. Métricas e ROI

10. Escolher as Ferramentas Sociais

11. O processo dos Projetos Piloto

12. Segurança e Regulamentação 5. Construção de rios de informação A construção e implementação de uma plataforma colaborativa para acesso de todos os colaboradores, é seguramente uma mais valia e uma atitude a tomar pela marca Kailanie. Acreditamos que o Marketing vem de dentro, para tal os nossos colaboradores terão que estar motivados ao máximo, com um espírito de colaboração e inter ajuda em prole de um excelente desempenho.

A interação entre todos será o foco principal, com o objetivo final de uma comunicação e acesso a informação comum a todos.

Uma organização em rede junto das novas tecnologias sociais fechará o espaço para a pergunta comum "mas o que se passou?" Características Knowledge Management – manuais, publicações e relatórios, voting, diretório competências;

Corporate Communications - publicação de notícias, Visão e Missão, mensagens (CA), Agenda, FAQ, Inquéritos, políticas corporativas;

Employee Self-service - Informação de RH, benefícios do colaborador, marcação de férias, despesas de viagens, helpdesk,eProcurement, formação, etc.;

Collaboration – Fóruns de discussão, blogs, wikipedias e comentários, conferencing e mailing numa experiência de unified communications;

Applications & Tools – Informações e links úteis, contactos e post it. Dar formação a todos os colaboradores é crucial.

Só assim irão entender o valor acrescentado em usar as ferramentas e o seu objetivo como um todo. Estratégia de vendas De forma a aplicar as tecnologias sociais, as vendas da marca estarão interligadas nas redes sociais até levar ao fecho da venda.

Estratégias pensadas:

YouTube - Deixar na descrição do vídeo um link que leve o utilizador ao produto anunciado, para estimular a finalização da compra. Os posts no YouTube também servirão como apresentação para o consumidor conhecer o dia a dia da empresa, ou até os bastidores. Humanizando assim mais a relação entre os dois.

Foursquare - Descontos para os clientes que partilhem a informação que estão na nossa loja física.

Facebook - Posts de Oferta (voucher) que encaminhem os utilizadores até ao site, para terem um acesso completo das características do artigo e estimular ainda mais ao incentivo da compra.

Newsletter - Através desta via, iremos conseguir aumentar o volume de vendas, com informações apelativas usando vários tipos de conteúdo de forma a cativar a atenção na abertura da mesma.


Apoio de vendas virtual que servirá de apoio, interação, recolha de dados e conduzir o utilizador ao que procura bem como efetuar o processo de compra e os passos a seguir. Motivação para os colaboradores Acreditamos que a motivação e a recompensa irá trazer um aumento de interação entre colaboradores e por consequência um melhor desempenho comum que se irá refletir no aumento das vendas um atendimento de excelência ao cliente.

Voucher de oferta - Entregue ao final de cada mês ao colaborador com mais interação. Descontos em qualquer artigo da marca, dependendo do seu grau de interação, comprovado e medido dentro da plataforma colaborativa. Mobile QR code - Permitir na loja física ao utilizador ir até ao nosso site apenas usando a app.

SMS / MMS - Envio de promoções, informação de artigos ou de eventos futuros aos clientes que assim o desejarem receber.

A inovação e a aplicação da tecnologia móvel será de acordo com o à vontade em que o consumidor se encontra em estar disponível para interagir. 7. Gestão da Reputação On-line Depois de estabelecidos os objetivos internos do que se pretende atingir dos social media, e delinear uma estratégia visual de apresentação de conteúdos na web, é necessário ponderar sobre as ferramentas (canais sociais, websites, etc) a utilizar e criar conteúdos válidos para os clientes da marca. Para isso, é fundamental identificar o que os consumidores valorizam, as suas necessidades, quem são as suas influências (bloggers, associações, concorrência) e o tipo de canais e websites onde a marca e os respectivos clientes se podem encontrar, e criar ligações.

Neste sentido, sendo a Kailanie uma marca conotada à aventura que pretende despertar o interesse e criar uma relação de confiança com o consumidor aventureiro e explorador, serão utilizadas ferramentas de ORM (On-line Reputation Management), de modo a reunir informações válidas sobre o perfil do seu público-alvo. Radian6:
Esta ferramenta permite monitorizar e analisar todas as conversas em tempo real no meio digital, permitindo pré-definir várias métricas para analisar qual o sentimento que está a ser gerado em torno da marca kailanie, capturar os principais influenciadores, onde estão a participar mais ativamente e quais as palavras-chave mais utilizadas associadas à marca.

SocialMetrix:
Esta é uma ferramenta multicultural, e como tal uma mais-valia para a marca Kailanie que pretende internacionalizar-se. Personalizada para monitorizar os social media e internet tradicional, tem a vantagem de detectar palavras-chave nas formas semânticas de cada país, identificando desta forma os sentimentos gerados em torno da marca em cada um deles.

Os dados aqui recolhidos serão indispensáveis para criar, manter e potenciar a relação marca-cliente, que será baseada numa excelente comunicação e serviço personalizado de encontro às necessidades do consumidor, que poderão ser antecipadas proporcionalmente ao crescimento e durabilidade da relação. Desta forma será possível gerar sentimentos positivos em torno da marca e consequentemente sobre os seus produtos, o que será reflectido numa possibilidade de aumento de vendas. 8. Estratégias de Crowdsourcing "O público confia mais em grupos de pessoas que compram os mesmos bens e em líderes de opinião da rede do que no pronunciamento das marcas. Todas essas mudanças, potencializadas pelo acesso rápido a informação através da rede, deram poder ao usuário."

A nossa marca pensou em estratégias de crowdsourcing como:

1. Criação de fórum de satisfação onde os clientes/aventureiros falam sobre experiências com produtos Kailanie e apresentavam sugestões para a utilização de cada um deles. Aqui, nascia também um espaço onde os utilizadores eram desafiados a criar novos produtos segundo as suas necessidades, ajudando assim a marca a produzir cada vez mais e melhor e desta forma fazendo corresponder os seus produtos com as expetativas dos clientes. 9. Métricas e ROI Uma vez que as plataformas utilizadas serão o Facebook, Twitter, Youtube, Pinterest, Foursquare, Instagram e Mailchimp, as métricas utilizadas pela Kailanie serão: 10. Escolher as ferramentas sociais 1. Ferramentas ORM: Addictomatic, Social Mention e Naymiz

2. Ferramentas CRM: Infusion Soft, Sugar.

3. Ferramentas Reporting: Plataformas sociais, Google Analytics.

4. Formação de Social Media 11. O Processo dos Projetos-piloto Desenvolver projeto-piloto.

Os projetos-piloto são relativamente simples de implementar e podem ter um grande impacto, na medida em que através deles uma empresa pode comunicar diretamente com os seus clientes, e testar um novo conceito. Isto permite a definição de problemas ou limitações e aprendizagem das melhores práticas.

As principais características benéficas do projeto-piloto são:
a) Experimentação: Permite a testagem de um conceito junto do público-alvo.
b) Aprendizagem: Através da experimentação é possível identificar facilmente possíveis problemas ou limitações, e delinear novas práticas.
c) Outpost: Os projetos-piloto são apenas uma primeira experiência de um conceito/ produto, e como tal devem ser mais ousados, testando ao máximo as potencialidades do mesmo.
d) Financiamento: Este tipo de projetos tem um período e local de acontecimento específicos, pelo que é mais fácil reunir fundos das diversas partes da organização.
e) Políticas: Uma vez que se trata de um piloto, poderão ser aplicadas diferentes regras de política interna.
f) Alteração de gestão: Um dos elementos mais escondidos, mas melhores é o instrumento de alteração do aspeto dos pilotos. Porque eles são mais arrojados, vai aumentar a percepção das pessoas acerca do que pode ser feito e do que resulta. Depois de selecionados os projetos a desenvolver é necessário mapeá-los, tendo como base:

- Retorno: O retorno inicialmente esperado pode aumentar através da conversação, criação de ligações e vendas diretas.
- Viabilidade: Quão difícil é implementar a ideia? Será que dispõe dos recursos necessários?

Existem ainda 4 quadrantes a ter em atenção:

1. Desilusão: Projetos que parecem ser uma aposta de ganho certo mas que não têm qualquer valor para o negócio pois é esperado um retorno consequente das ações de social media.

2. Morte lenta & dolorosa: Este tipo de projetos é um desafio na medida em que os projetos são difíceis de implementar e não dão o retorno esperado. Há um gasto de energia e recursos sem que sejam alcançadas as metas estabelecidas.

3. Projetos inteligentes ganham: Este tipo de projetos é fácil e célere de implementar, obtendo-se um retorno rápido e visível. Como tal devem existir tantos projetos neste quadrante quanto possível.

4. Investimentos estratégicos: são projetos que levam mais tempo a implementar mas que têm um valor concreto para o negócio. 12. Segurança e Regulamentação A possibilidade de trabalho colaborativo e partilha através das tecnologias e ferramentas da web 2.0 trouxe consigo um conjunto de riscos que não podem ser ignorados. Alguns dos riscos a ter em consideração são:

1. Cross-site scripting (XSS)
Atualmente a maioria dos websites adiciona conteúdos dinâmicos às páginas web, tornando a experiência do utilizador mais agradável. Contudo, este tipo de websites apresenta uma ameaça chamada “cross-site scripting” (XSS). Esta centra-se na realização de ataques através da introdução de código malicioso num link ou website que aparenta ser confiável. Quando um utilizador final clica no link a programação embebida é submetida como parte do pedido do cliente feito na web e pode correr no computador do utilizador automaticamente.
O maior problema deste tipo de ameaça é o facto deste não ser detectado nem pelos websites nem pelo cliente, uma vez que, contrariamente aos websites que geram conteúdo estático, estes não têm total controlo sobre como os seus outputs são interpretados pelo cliente, não sendo possível detectar, reconhecer e tomar medidas de prevenção em relação ao conteúdo malicioso.
Por isso, este tipo de ataque é cada vez mais comum dada a sua facilidade de execução e taxa de sucesso, tendo-se tornado popular para ataques a websites comerciais.

2. Controlos insuficientes de autenticação
Em várias aplicações, o conteúdo é confiado a diversos utilizadores, ao invés de existir um número restritivo de pessoal autorizado responsável pelo mesmo. Por isso, existe uma grande probabilidade de utilizadores menos experientes façam alterações que atinjam negativamente o sistema em geral.
Por outro lado, a escolha de passwords simples de adivinhar e questões triviais para relembrar a mesma, bem como a utilização de “autolog features”, facilitam os ataques ao sistema por hackers.
Associado a este ponto entra também a chamada “palavra passe preguiçosa”. Esta consiste na utilização de passwords fáceis de memorizar e que como tal são muitas vezes utilizadas nas diversas autenticações que fazemos, seja nas redes sociais ou na conta bancária on-line por exemplo.
Isto significa que caso adivinhem a palavra passe de um destes locais, muito provavelmente conseguirão aceder a outras áreas privadas utilizando a mesma password. Por isso, deve ser tido em atenção a utilização de diferentes palavras-passe, nos diversos locais de autenticação. 3. Cross-site forgery (CSRF)
O cross-site forgery (CSRF) é um método de ataque a um website, no qual um intruso se faz passar por um utilizador legítimo e confiável, utilizando dados privados de outros utilizadores para entrar num servidor web e fazer vários tipos de ataques como alterar as definições de uma firewall, submeter conteúdo não autorizados num fórum, ou conduzir transações financeiras fraudulentas.
Alguns destes tipos de ataque baseiam-se em enganar o utilizador legítimo, fazendo com que este envie pedidos de HTTP sem saber, que remetem dados privados sensíveis do utilizador ao intruso.

4. Phishing
Phishing é o termo usado para o conjunto de meios on-line utilizados para fraude que tem como objetivo a recolha de informações privadas sobre outros utilizadores para falsificação de identidade. Normalmente este tipo de ameaça é feito através do envio de um e-mail com um hiperlink para uma página maliciosa, que falsamente se faz passar por uma página oficial de um estabelecimento ou empresa legitimamente estabelecida, com o intuito de ludibriar o utilizador de forma a que este forneça informação privada.
Embora este não seja um risco simplesmente associado às tecnologias da web 2.0, a multitude dificulta a distinção entre os websites genuínos e os que são falsos, o que permite ataques de “phishing” mais eficazes.

5. Injection Flaws
As tecnologias da web 2.0 tendem a ser mais vulneráveis a novos tipos de injection flaws como como o XML injection, XPath injection, JavaScript injection, e JSON injection, permitindo a retransmissão de código malicioso através de uma aplicação web para outro sistema.
Além disso, como as aplicações Web 2.0 frequentemente residem em código do lado do cliente, mais frequentemente fazem uma validação de input do lado do cliente, o que pode ser aproveitado para efeitos de malware. No Youtube:

- Nº de Views
- Nº de Shares
- Nº Comentários/Likes
- Embeded
- Subscritores/Exibições No Foursquare:

- Nº de Check-in's
- Mayor challenge
- Badges
- To do List
- Tips Contudo, as empresas que pretendam utilizar as plataformas sociais de um modo mais estruturado, devem implementar mais do que um projeto-piloto, residindo a maior dificuldade na escolha daqueles que devem ou não ser desenvolvidos.

Nesta seleção devem ser considerados alguns elementos fundamentais:

1. Mais do que um: Para definir uma linha clara de aprendizagem é importante trabalhar paralelamente em diversos projetos-piloto que se complementem.

2. Nomear um responsável: Deve existir uma pessoa responsável pelos projetos, o que não implica que seja esta a gerir todos ativamente, mas antes que esteja envolvida e facilite a passagem de informação entre projetos.

3. Envolver diversos colaboradores: Apesar de existir um único responsável, é aconselhável a envolvência de outros colaboradores, de modo a criar um maior engagement.

4. Envolver diversos departamentos: O social media está frequentemente relacionado com atividades comerciais, mas outros departamentos são intervenientes igualmente importantes, por isso devem também estar envolvidos nos projetos. A KAILANIE irá esforçar-se sempre para ser uma marca exemplar no campo online.

Através de inovação, criatividade, imaginação e análise tentaremos estar na vanguarda da tecnologia e chegar sempre primeiro. A KAILANIE irá esforçar-se sempre para ser uma marca exemplar no campo online.

Através de inovação, criatividade, imaginação e análise tentaremos estar na vanguarda da tecnologia e chegar sempre primeiro. IF YOU CAN DREAM IT,

YOU CAN DO IT! OBRIGADO!
Full transcript