Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

CRISE NO BRASIL

Principais motivos que levaram à crise de 2015 e seus transtornos.
by

Thiago Dias

on 14 September 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of CRISE NO BRASIL

CRISE NO BRASIL
Energia elétrica e alimentos;
IPCA: 8,47% acumulada em 12 meses;
Mais alta desde dez/2003
INFLAÇÃO
Brasil
Alternativas das empresas para driblar a crise
Não recolocação ao emprego;
Corte de vagas;
Aumento nas ações trabalhistas.
DESEMPREGO
Mensalão;
Operação Lava-Jato.
CORRUPÇÃO
ÁREA: 8.514.876,599 km²
CAPITAL: Brasília
POPULAÇÃO: 204.730.425 milhões
MOEDA:  Real (R$)
PRESIDENTE: Dilma Rousseff
IDIOMAS: Português (oficial)
RENDA PER CAPITA: R$ 24.065  
IDH: 0,744 – Alto - 79º
ECONOMIA: Mineração, agropecuária e indústria
PIB: US$ 1,73 trilhão
LOCALIZAÇÃO: Leste da América do Sul

CAUSAS E CONSEQUÊNCIAS DA CRISE

Principais motivos que levaram à crise e seus transtornos

Banco Central: controle do crédito e do consumo;
Diminuição dos investimentos;
Prejudicação no emprego.
ALTA DOS JUROS
Criação ou modificação de leis;
Volta da CPMF para a saúde;
Pedido de ajuda a estatais.
ATITUDES DO PODER PÚBLICO
Consumo do Governo;
Consumo das Famílias;
Investimentos;
Setores econômicos encolheram;
Real X Dólar;
Déficit;
Economia diminui.
RECESSÃO ECONÔMICA
INCERTEZA POLÍTICA
Serviços públicos precários;
Rumos da economia;
População fica insatisfeita;
65% de rejeição ao governo Dilma (Instituto Datafolha -20/06/2015);
Manifestações programadas via redes sociais.
Abertura de negócios próprios;
Importância a produtos básicos;
Busca por eficiência dos produtos;
Vantagem em relação à concorrência;
Aos poucos, a economia retoma seu patamar.
OPORTUNIDADES
Estado de especulação - Standard & Poor's
Sistema de ajuste e crise política;
Alta do dólar;
PERSPECTIVAS ATUAIS
Processual - 3° Bim
08 - Facundo Ayala
15 - Ingrid Giese
20 - Juliana Zdanuk
37 - Thiago Dias

9º ano 3ª/204
FONTES
Colégio Bom Jesus Centro - Curitiba
Setembro/2015
Prof André Missfeldt
Geografia
Full transcript