Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of PAP (Protocolo de Avaliação Fonoaudiológica preliminar)

Mangilli, LD; Moraes, DP; Medeiros, GC
by

Andrea Egima

on 3 August 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of PAP (Protocolo de Avaliação Fonoaudiológica preliminar)

PROTOCOLO DE AVALIAÇÃO FONOAUDIOLÓGICA PRELIMINAR (PAP)
Mangilli,LD; Moraes, DP; Medeiros,GC
Macho e idoso
Sayuri
A utilização de avaliações e tratamentos planejados, eficientes, preestabelecidos e controlados, vai oferecer parâmetros objetivos e, consequentemente, a possibilidade de diagnóstico, conduta e controle mais pertinentes
Como avaliar os aspectos gerais, de respiração, de fala, de voz e das estruturas /órgãos orofaciais e cervicais?
Como avaliar?
Vamos pesquisar....
pi pi pi pi

Acho que encontrei:
O Pap foi elaborado com base na literatura específica da área. Com nos proctocolos ja existentes, foram selecionados os pontos comuns à maioria dos protocolos publicados.
Esse protocolo foi submetido à avaliaçãod e juizes e obteve um grau de concordância acima de 75%!!!
É isso..... então, Tchau!
Exame Geral + Respiração:
registro no prontuário médico e/ou respondido pelo fonoaudólogo responsável pela avaliação.
Fala:
avaliada a partir da fala espontânea e durante algumas tarefas epecíficas exemplificadas.
Voz + Avaliação Orofacial e Cervical:
conforme percepção/avaliação do fonoaudiólogo responsável pelo procedimento.

60~100 bpm
Batimentos cardiacos/minuto
Ciclos respiratórios/min
12~20 rpm
% de oxigênio arterial na corrente sanguínea (medição da oximetria de pulso)
Pressão exercida pelo sangue contra a superfície interna das artérias.
120/80mmHg
Escala neurológica para registrar nível de consciência
Utilizado no prognóstico e previsão de eventuais sequelas.
Av. recuperação de ferimentos encefálicos
Sinais de alerta/ consciência
Info: prontuário ou equipe
Ausência e/ou pouco uso de verbalizações/vocalizações
Ausência de comunicação
+ de 75% de emissões verbais
Realiza articulação dos sons, mas sem a emissão de voz
Presença de comunicação escrita
12~20 rpm
Paciente refere sensação de falta de ar
>20rpm
<12rmp
Rerspiração predominante através da abertura na traquéia (provisória ou permanente)
Litros de Oxigênio/min
Batimento de asa do nariz, uso de musculatura acessória,tiragem de fúrcula, tiragem de intercostais, dessaturação, taquipneia e/ou dispneia
Ritmo, entonação, etc
(Qualidade)
Capacidade de realizar movimentos rápidos alternadamente
(Fluência da fala)
Intensidade
Frequencia
Ausência
Discreto
Moderado
Grave
"Som borbulhante" : secreção, liquido ou alimentos no vestíbulo faríngeo.
Fechamento velofaróingeo inadequado.
mm. Mímica
Força: observação, apalpação e solicitação de movimentos dirigidos
Volume, simetria e posição.
Inflar, suflar, sugar e lateralizar
Protruir e retrair
Protrusão, elevação, abaixamento e lateralização (interna e extermna)
- /a/ e /ã/
45~60
medida com régua plástica, flexível e milimetrada ou um paquimetro
Abaixamento, elevação e lateralização de cabeça
Dois dedos
Elevação adequada facilita o fechamento vertical do vestíbulo laríngeo, auxiliando na proteção de vias aéreas e na abertura de transição faringoesofágica.
Constrição da faringe em resposta a um estímulo tátil na região da base de língua e/ou parede posterior da faringe.
Protege via aérea contra a entrada de corposestranhos.
Hab. de expelir material da via aérea durantea oferta de alimentos, caso necessário.
Reflexo elicidade pelo toqe do alimento/saliva na região posterior da orofaringe.
Reflexo de mordida (mais comum) ao estimulo tátil em região oral ou perioral.
Assoc. a lesões no neurônio motor superior e/ou perda da inibição de um ou mais neurônios.
Vamos pegar o estetoscópio, luvas e espátula/abaixador de língua e iniciar a avaliação?
Não se preocupe, os equipamentos de oximetria de pulso e monitoração de sinais vitais já estão com o paciente!
>90
Full transcript