Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Construir Cultura Vocacional

No description
by

Gigio Santoro

on 27 April 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Construir Cultura Vocacional

Construir a Cultura Vocacional
Comunidade de Chamados e Chamadores
Re-pensar a
mentalidade
vocacional
Mentalidade Vocacional ou Teologia Vocacional
Sensibilidade Vocacional ou espiritualidade vocacional
Espiritualidade: o que é?
a autêntica espiritualidade...
Práxis ou pedagogia das vocações...
Caminho que iremos percorrer
É um "problema" central/universal, vital/essencial na Igreja, que diz respeito a todos e exige respostas atuais, intervenções radicais no modo de pensar e conceber a fé, a salvação, o testemunho, a própria vocação, a experiência de Deus.
a criação de uma Cultura
Teológica
Pastoral
Parte-se do discurso teológico
Isso ajuda na prática?
Sim. Deve-se existir o caráter teórico que esclareça os elementos fundamentais: são eles que sustenta o discurso.
O que é cultura?
...é o modo e o estilo de vida de uma comunidade, ela devira do modo de interpretar a vida e das várias experiências vivenciadas.
Cultura - definição geral
produto da interação humana
Criamos cultura e a interpretamos, nutrimo-nos dela e procuramos transmití-la (tradição)
A cada momento criamos cultura: nas relações pessoais, formais, de confronto, de análise, partilha, verificação e aprofundamento coletivo.
Cultura significa conhecimento, interesse particular, envolvimento pessoal e interpessoal para construir algo em que se acredita...
Mentalidade Vocacional
Cultura como teoria
está no fundamento de sua identidade
torna-se modo e estilo de vida de uma comunidade inteira...
Mentalidade
T
R
A
D
I
Ç
Ã
O
expressão e síntese da identidade do grupo
transmitido pelos mais velhos aos
mais jovens como algo precioso.
De geração em geração....
cultura como teoria
consciência de uma coletividade
Cultura como
identidade
estilo de vida de uma comunidade
Cultura como
tradição
expressão e síntese da identidade de um grupo
Cultura Vocacional
primeiro:
definir o sentido, o objetivo e o conteúdo do chamado

segundo:
o significado do chamado (Deus-humano)

terceiro:
o que é chamado torna-se um chamador também
Mentalidade x Sensibilidade
Cultura, ainda, é passagem, no indivíduo, do valor objetivo para o subjetivo e, portanto, à convicção pessoal da bondade de Deus que chama a uma realização, liberdade e felicidade.

É neste ponto que acontece a passagem do conhecimento teórico para a experiência prática e personalizada.
Mentalidade x Sensibilidade x Práxis
Pode-se dizer que se está construindo uma cultura vocacional quando estão presentes esses três aspectos: da mentalidade geral à sensibilidade subjetiva, até a práxis operativa do grupo ou dos indivíduos.
Nova Evangelização
Cultura Cristã - Nova Evangelização
Pontifício Conselho para a Evangelização
Nova Evangelização
Como primeiro passo da evangelização, devemos buscar manter desperta a busca pelo sagrado, devemos preocupar-nos com que o homem não deixe de lado o problema de Deus como questão essencial de sua existência...
A preocupação da Igreja
E como pensar "cultura" de forma cristã?
Discurso cultural ou da tradução da mensagem cristã em cultura.
Cultura Vocacional
...significa uma concepção da pastoral vocacional já não pré-concebida pela crise ou nostalgia do passado, mas que se torna progressivamente uma cultura vocacional que olha para o futuro, expressão da Nova Evangelização...
Mentalidade Vocacional
o pequeno mistério no grande Mistério
Deus é Mistério...
Viver bem o chamado...
é importante compreender e viver bem a identidade do chamado, porque o autêntico chamado é aquele que permanece sempre em uma atitude contemplativa diante do grande Mistério de Deus. Diante disso, aquele que é chamado descobre-se sempre mais a si mesmo como parte integrante do mistério divino.
Vocação: revelação de Deus
A vocação é, antes de tudo, revelação de Deus, visto que em todo chamado Deus exprime um aspecto particular de sua própria identidade.

A vocação fala-nos de Deus muito mais e muito antes que do futuro daquele que foi chamado...

É por estes motivos teológicos que os chamados são inúmeros, tantos quantos são os seres humanos viventes...
Projeto de Deus
Chamados à salvação e à santidade
Deus chama, o Filho escolhe e o Espírito Santo envia em missão
...no chamado há um encontro entre duas liberdades: a perfeita, de Deus, e a imperfeita, do homem, que pode crescer e ser sempre mais livre à medida que o chamado aceita a proposta daquele que chama...
...por isso, aquele que é chamado deve estar sempre na presença daquele que chama, através de uma vida constante de oração.

Rezar é estar diante de Deus para deixar-se contemplar por um olhar penetrante e amante...

Em suma, o evento do chamado é algo totalizante, é o que define a vida inteira e lhe confere sentido...
Espritualidade
derivado de espírito


significa
relação


homem-Deus
...então, a
teologia da vocação
(mentalidade) torna-se
espiritualidade da vocação
(sensibilidade) à medida que se crê naquilo que é teologicamente verdadeiro não vem da mente, mas é rezado, amado, celebrado, vivido, sofrido, partilhar, anunciado por todo aquele que é chamado...
Projeto a longo prazo
Programa a curto prazo
Renovação Pastoral
Passos para alcançar os objetivos
Espiritualidade relacional-vocacional
...a autêntica espiritualidade é aquela que coloca em contato com a voz de Deus, que é voz diferente da minha, de meus sentimentos, gostos, desejos....

A animação vocacional a partir deste ponto de vista, caminha ao longo das duas vias da autêntica experiência de Deus: experiência que Deus faz de nós, através da prova, como nos contam as Escrituras e experiência que o homem faz de Deus, respondendo ao seu chamado.
Criar uma cultura vocacional
Conversão à sensibilidade
Animação Vocacional
Deus que chama...
...deve necessariamente provocar, qualquer que seja a vocação de referência uma conversão da sensibilidade...

No mundo atual, os jovens, de modo particular, como diz o salmista: "têm olhos,mas não veem, ouvidos, mas nao ouvem, boca, mas não falam..."

Por isso, uma animação vocacional inteligente significa também uma recuperação dos sentidos humanos e da sensibilidade humana para se ouvir a voz de Deus.
Opção Vocacional
A verdadeira liberdade seria sentir-se responsável por tanto amor recebido a ponto de ter a coragem de colocar-se diante do não amor que há no mundo, em todas as suas formas, e de doar a própria vida como uma resposta a ele...

Assim, as vocações poderiam assumir novo impulso motivacional (e purificação) a partir deste valor da responsabilidade em relação aos outros, como salvação a ser obtida não primeiramente para si, mas para os outros...
Animação vocacional
...a proposta vocacional que vem de Deus é a condição ideal e, ao mesmo tempo, o desafio decisivo para oa to de fé da parte do homem...

...a animação vocacional é essencialmente educação à fé e formação do ato de fé, que caminho junto dos mesmos itinerários pastorais do crescimento da fé...

...educar à fé no acompanhamento vocacional, quer dizer formar uma sensibilidade tão confiante que possa levar a pessoa a fazer uma escolha de vida baseada não sobre as próprias capacidades, mas naquele que dá sentido à vida: o impossível humano pode tornar-se o possível divino.
A tradição
não é apenas transmitida sempre da mesma maneira, mas algo continuamente re-motivado que se enriquece com a criatividade dos indivíduos.
Cultura da Vocação
é preciso verificar não apenas o quanto certa mentalidade se torna patrimônio e convicção geral, mas quanto na Igreja cada crente se sente chamado, cada dia da sua vida...
Cultura, enfim, significa indicação de modalidades concretas de atuação do ditado teórico. É nesse ponto que mentalidade e sensibilidade se traduzem em gestos concretos e em vida vivida.
...se o objetivo é criar uma cultura vocacional, é indispensável individualizar encaminhamentos pastorais que traduzam a teoria da vocação em pastoral concreta...
A expressão "Nova Evangelização" foi usada pela primeira vez por João Paulo II em sua primeira viagem apostólica à Polônia, em 9 de junho de 1979.
Bento XVI relança o convite de João Paulo II e erigi o Pontifício Conselho para a promoção da nova evangelização, em 21 de setembro de 2010.
A preocupação da Igreja com a "cultura" promoveu o Sínodo dos bispos em outubro de 2012 com o tema "A Nova Evangelização pra a transmissão da fé cristã".
...como um modo de pensar e de viver o próprio ser Igreja, de ver o sentido do próprio relacionamento com Deus, de interpretar a própria responsabilidade em relação à vida, aos outros, ao bem recebido, ao próprio Deus.
Sensibilidade Vocacional
Práxis Vocacional
Teologia Vocacional
Espiritualidade Vocacional
Pedagogia (pastoral) vocacional
...a vocação cristã fala de Deus e de sua
identidade divina
: é um
Deus que chama
, e que chama
porque ama
.
...chama para manifestar o próprio amor, para exprimir sua atenção e preocupação em relação à pessoa chamada.
A vocação é sinal do amor de Deus pelo homem
.
...Deus, "autor da vocação" é Mistério porque não podemos compreendê-lo todo de uma vez. (...) É Mistério bom e amigo, cordial e terno, justamente porque deseja revelar-se, dar-se a conhecer, fazer-se ver e ouvir...
...nossa relação com Deus deve ser sempre vivida como relação com Deus-Mistério.
A vocação humana (homem e mulher) é um projeto pensado por Deus, pelo Deus criador e redentor.

A vocação é um apelo que o Pai dirigi a cada um que foi salvo pelo Sangue do Filho, para que possa colaborar ativamente no desígnio da salvação.

...cada um é chamado a encarregar-se dos outros, a sentir-se responsável pela salvação do outro, como o Filho, a tornar-se intermediário da sua voz que continua chamando...
existe uma semelhança e uma diferença nas diversas vocações: todas estão a serviço da salvação, mas cada qual a seu modo particular.
...passar da mentalidade à sensibilidade vocacional
...essa é uma passagem decisiva, nem sempre bem assimilada, e muito menos praticada pelo indivíduo.

Essa imobilidade acontece na pastoral vocacional porque, muitas vezes, não se está claro a mentalidade vocacional.

corre-se o risco de não começar...
Comprometimento...
na realidade, se não acontece o envolvimento do sujeito chamado, corre-se o risco de criar uma cultura vocacional que não serve para a vida, abstrata, vaga...
ao contrário, o indivíduo deve se apropriar dos conteúdos culturais, reconhecer-se neles, personalizá-los e apreciá-los, de forma a tornar sua vida mais verdadeira e bela.
é justamente nesta direção que deve mover-se o animador vocacional
Homem e mulher espiritual é quem vive cada relação a partir da relação central da própria vida, aquela com Deus, e dela faz tudo derivar.
...e se relação com Deus significa experiência do Deus que chama, então, espiritualidade cristã é essencialmente relacional-vocacional.
...significa purificar a ideia da relação com Deus e da experiência do divino.

A vocação pode ser percebida somente naquele coração que aprendeu e sensibilizou-se no contato com Deus.

O autêntico chamado supõe sempre certa "luta" com Deus. É essa luta que deve preparar aquele lutador que é o verdadeiro animador vocacional.
Construir
Cultura Vocacional
O discurso cultural, ou da tradução da mensagem cristã em cultura, propõe-se sempre mais hoje como verdadeiro desafio da comunidade eclesial, chamada, como sempre e mais do que nunca, a evangelizar.
...a sensibilidade constrói-se s poucos na vida através das escolhas que fazemos...

.a sensibilidade (ou consciência) vocacional é fruto deste trabalho constante de superação das escolhas mundanas em vista de um bem maior...

ser homem ou mulher espiritual significa ser pessoa que vive plenamente a própria sensibilidade humana, convertida pelos tantos sinais da presença de Deus...
Devemos lembrar sempre: no início está sempre o amor de um Deus que chama porque ama aquele que é chamado...

Assim, o primeiro passo de uma animação vocacional perspicaz, que deseja criar uma sensibilidade vocacional, é contemplativo... Não pode haver vocação sem contemplação.

É na contemplação que se reconhece o amor recebido e que deve ser doado...
...a criação de uma autêntica cultura vocacional não é importante somente para os fins vocacionais, mas para os fins da Nova Evangelização que hoje a Igreja sente como tarefa urgente que lhe cabe
Full transcript