Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Argumentação e Retórica

No description
by

mariana ferreira

on 12 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Argumentação e Retórica

Argumentação e Retórica
O que é a Retórica?
É a arte ( conjunto da teoria e prática ) de falar com eloquência com o objetivo de persuadir alguém ( isto é, levar alguém a crer, a aceitar ou a decidir fazer algo ).
História da retórica
O que é a
Argumentação?
A argumentação é expor de forma encadeada um conjunto de argumentos que justificam uma conclusão.
Importância da
argumentação na comunicação
Caracteristicas da retórica
- Usa recursos estilísticos e artifícios discursivos como meio de persuasão;
- Serve-se da linguagem comum/padrão;
-Pretende modificar a opinião do auditório;
- Não se preocupa com a veracidade do que é dito mas sim com a sedução do auditório.

Relação entre retórica
e argumentação
A retórica e a argumentação estão intimamente relacionadas, porque a retórica, como ato de persuadir e levar alguém a acreditar em algo, usa a argumentação para, de uma forma mais facilitada, conseguir persuadir o auditório.
Condições para a comunicação argumentativa
- A existência de uma língua comum, em geral, uma língua natural;
- Reconhecimento implícito tanto pelo orador como pelo auditório, de que a outra parte é constituída por um ser;
- O caracter persuasivo do discurso;
- O recurso a estratégias de persuasão;
- O recurso a técnicas psicológicas e a elementos capazes de desencadear estados emocionais;
- A utilização de imagens e/ou sons para criar um ambiente adequado á mensagem a transmitir.


Características:
- Centra-se nos efeitos da comunicação;
- Processo de negociação racional de consensos;
- Analisa os aspectos expressos em linguagem natural situados no contexto em que correm;
- É pessoal e supõe um auditório;
- Baseia-se na comunicação, dialogo e discussão;
- Está situado num contexto preciso;
-É um poder exercido através do discurso;
- Utiliza a linguagem natural.

Gregos
Valorizavam sobretudo o conteúdo da mensagem e a utilização de estratégias de argumentação apelando à razão;
Concebiam a comunicação como meio de persuadir pessoas e obter influencia.
Romanos
• Preferiam valorizar a forma e a utilização de figuras de estilo, apelando continuamente á emotividade do ouvinte;
• Concebiam a comunicação como um meio de mostrar superioridade intelectual ou eloquência.

Conclusão:
O objetivo da retórica não é transmitir o que é verdadeiro ou certo, mas sim, levar o recetor à conclusão de que a mensagem, expressa no discurso, representava aquilo que ele preferia, ou seja, a melhor opção.
Com isto surge a

Oratória
Platão
Aristóteles
A argumentação é utilizada na comunicação com os outros e com nós próprios, por exemplo quando
escolhemos determinado caminho e não outro. Argumentar não pode ser monologar, mas sim comunicar/dialogar/discutir e tem como efeito incitar a uma acção imediata ou pelo menos predispor a uma eventual acção. Porque visa a adesão a uma tese por parte de um auditório, é variável, e daí que a intensidade da adesão possa ser sempre utilmente acrescida. Ou seja, para comunicarmos temos que argumentar para dar a conhecer o nosso ponto de vista que é dado como certo por nós. Assim, a argumentação é subjetiva, dependendo do enunciador.


Retórica aplicada ao quotidiano
Conquista ao poder
Chaim Perelman
(1912-1984)
-A impossibilidade de demonstrar que um valor é preferível e deve sobrepor aos outros;
-A necessidade de discutir e de analisar o que é mais razoável ou preferível, qual a opção que serve os interesses e necessidades de todos;


Discurso Visual
A retórica também pode ser utilizada através do:
Publicidade
Outdoors
Cartazes
Campanhas
A retórica conserva, características apresentadas por Aristóteles:
- Considerar o discurso como meio de persuasão;
- Preocupar em conquistar a adesão do auditório do que com a verdade;
- Utilizar a linguagem comum e tirar partido do seu duplo significado;
- Pretender modificar as atitudes e comportamento do auditório;


Para Perelman, a rétorica
investiga técnicas que tornem o discurso persuasivo em áreas do saber em que não é possível demonstrar de forma conclusiva que uma determinada tese é verdade.
Full transcript