Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Aula MFC e APS

No description
by

Paulo Poli Neto

on 24 June 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Aula MFC e APS

Medicina de Família e Comunidade

Atenção Primária à Saúde (APS)
Paulo Poli Neto
Médico de Família e Comunidade (UFSC)
Centro de Saúde Ingleses - Florianópolis
Secretário Geral da SBMFC
Preceptor Residência MFC-UFSC
1st step
Spark
(cc) image by nuonsolarteam on Flickr
A interação médico-paciente:
atividade fundamental do trabalho médico

necessita de aperfeiçoamento de tecnologias específicas devido a sua alta complexidade.

(Turini, 2008)
Tecnologia leve
(Mehry, 2003)
Educação Médica
(Stewart, 1995)
(Von Fragstein, 2008)
Como está o ensino de comunicação
na Educação Médica Brasileira?
Objetivos


Método
1. Atenção Primária como cenário de prática

ESF
Longitudinalidade e Coordenação do cuidado
APS x hospital
Diretrizes ABEM/SBMFC
Estudos
estudo exploratório qualitativo (Minayo, 1994)

análise de conteúdo através da análise temática (Bardin, 2002)
Brasil / UFSC:

NEPEME
Dados secundários de pesquisa já publicada
25 alunos de Medicina UFSC do último semestre
(Stock, 2009)
Espanha
Holanda
“Aprendi principalmente no Posto de Saúde, porque é o lugar onde se tem mais tempo pra sentar e conversar, você conhece toda a família e isso deixa um ambiente mais favorável para ter uma boa relação com o paciente.” (B2)
(Stock, 2009, p. 30).

Aprendizagem por modelos

“Principalmente no dia a dia, quando a gente vê uma situação e então a gente pensa: “não, não é assim que eu gostaria de ser, ou, é assim que eu gostaria de conduzir” (B13) (Stock, 2009, p. 30).
APS como ambiente de ensino
“Na APS as pessoas estão muitos anos com o mesmo médico e sim que havia muito mais amizade, e por assim dizer carinho, de uma certa maneira. E então sim que aí se vê muito mais que no hospital.” (E7)
“Aqui [na APS) você conhece as pessoas de maneira diferente, conhece a família, como eles vivem, problemas em casa... é mais familiar, mais uma unidade, não é só uma pessoa com dor de cabeça, como às vezes num neurologista. É por isso que eu acho que a APS é diferente do hospital, onde geralmente é mais distante. Eu acho que aqui é melhor porque conhece todos ao redor e você sabe mais sobre as pessoas.” (H1)
“com vídeo câmera, você depois se vê e reconhece que tem às vezes uma má relação médico-paciente ... Para mim é importante aprender como eu posso fazer isso melhor... É muito importante reconhecer que você fez algo" (H1)
O uso de gravação em vídeo representa o
padrão-ouro
no ensino de comunicação.
Onde e como estudar:

Revistas:
BMJ
American Family Physician
Canadian Family Physician

Livros:
Duncan
Tratado MFC

Sites - MBE
CKS
NHS
SBMFC

*Caderno de casos / Retornos

Pesquisa
(Kurtz et al, 2005)

2. Integralidade

Reorientação do modelo
Disease x Ilness
Enfoque biopsicossocial
Atenção integral / MCP
PNH - escuta qualificada / escuta atenta
empatia / ressonância

3. Educação em Saúde

Reflexão crítica
Autonomia
Movimento Ed. Popular em saúde
saber popular integrado ao saber técnico
transformação social
"vc deveria..." x Diálogo - MCP /guias
4. Estratégicas metodológicas

Observação direta
Encenação
Simulação (pradronizada ou não)
Vídeogravação

Feedback de qualidade
Reflexão
Interdisciplinaridade
MFC x Clínico Geral?

ESF x PSF ?

"Postinho" x Centro de Saúde?
Princípios e competências WONCA x "Mitos"

“MF é o clinico geral antigo que ia na casa das pessoas”
“MF é aquele que não se especializou em nada”
“MF é uma nova especialidade no Brasil”
“Qualquer um pode ser médico de posto porque só atende doença simples e comum”
“Ninguém pode saber tudo”
- Onde as pessoas deveriam ir primeiro quando estão com dor de cabeça?
- E com gripe?
- E com pressão alta?
Médicos de Pessoas
(Ian Mc Whinney)
Incerteza

Complexidade

“Watchful waiting”
Demora permitida: a utilização do tempo como instrumento de trabalho, desde que o médico esteja convencido que não está diante de uma urgência e que tenha uma idéia formada do tempo que lhe é permitido esperar sem risco para o paciente
“O MFC do Rei da Espanha sabe menos cardiologia do que um cardiologista, mas é o que mais sabe sobre o Rei!”

(citação dos MFC espanhóis)

“Não importa saber apenas que doença a pessoa tem, mas que pessoa tem essa doença”
(Osler)

“ O MFC deve proteger os pacientes dos especialistas inadequados e os especialistas dos pacientes inadequados.”
(J. Fry)
Full transcript