Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Apresentação Dissertação Mestrado

No description
by

André Maurer

on 16 September 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Apresentação Dissertação Mestrado

Defesa de Dissertação
Contextualização
Mudança;

Gerações;

Carreira;

Objetivos profissionais e pessoais.
AS GERAÇÕES Y E Z E SUAS ÂNCORAS DE CARREIRA:
contribuições para a gestão estratégica de operações
Qual a percepção de carreira e vida profissional das pessoas pertencentes às gerações Y e Z?
Construção
Mestrando:
Orientador:
André Luiz Maurer
Douglas Wegner
Objetivos
Geral:
Analisar e comparar as percepções das gerações Y e Z sobre carreira e vida profissional.
Específicos:
- Identificar as âncoras de carreira da geração Y;
- Identificar as âncoras de carreira da geração Z;
- Comparar as percepções das gerações quanto às suas respectivas âncoras de carreira;
- Investigar a percepção dos gestores de organizações sobre as características das gerações Y e Z;
- Discutir como as organizações podem se preparar para os desafios impostos pelas novas gerações no ambiente de trabalho.
Gerações;
Carreira;
Âncora de Carreira;
UNISC – UNIVERSIDADE DE SANTA CRUZ DO SUL
PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM ADMINISTRAÇÃO
MESTRADO PROFISSIONAL EM ADMINISTRAÇÃO
LINHA DE PESQUISA EM GESTÃO ESTRATÉGICA DE OPERAÇÕES E RELAÇÕES INTERORGANIZACIONAIS
Âncoras de Carreira
Edgar Schein;
O estudo;
Conceito de Âncoras de Carreira;
As Âncoras de Carreira.
As âncoras:

Aptidão técnica-funcional (TF);
Aptidão Administrativa geral (GG);
Autonomia/Independência (AI);
Segurança/Estabilidade (SE);
Criatividade empreendedora (CE);
Vontade de servir ou dedicação a uma causa (SD);
Desafio puro (DP);
Estilo de vida (EV).
Metodologia
Etapa quantitativa
Elaboração do questionário contendo o Inventário de Âncoras de Carreira;
Seleção da amostra;
Pré-teste do instrumento de coleta;
Aplicação;
Tabulação (teste estatístico - Qui-quadrado).
Etapa qualitativa
Elaboração do roteiro de entrevistas;
Seleção da amostra;
Pré-teste do instrumento de coleta;
Aplicação;
Análise
Resultados
Caracterização dos respondentes
53,1% 46,9%
Âncoras de Carreira por Curso de Graduação
Âncoras de Carreira por Geração
Âncoras de Carreira por Gênero
Combinação das Âncoras mais observadas nas gerações
Entrevistas
Caracteristicas;
No dia-a-dia;
Positivo e negativo;
Relacionamento;
Liderança;
A Carreira Profissional;
O que esperar.
Discussão e Conclusão
Âncoras de Carreira
Estilo de Vida: Y: 24,9% Z: 20,3%
Segurança e Estabildiade: Y: 20,2% Z: 20,3%
EV: busca pela qualidade vida, equilíbrio entre vida profissional e pessoal. Uma não pode sofrer pela outra. Procuram empresas flexíveis e abertas, benefícios flexíveis. As decisões levam em conta o equilíbrio dos dois lados do indivíduo.

SE: busca pela estabilidade, segurança. O sentimento de segurança é imperativo para direcionar a carreira, não arriscar, longevidade, pertencer. Benefícios claros e condições de crescimento previsíveis. Não trocariam o certo pelo duvidoso em relação à carreira.
Homens Y e Z: Estilo de Vida
Mulheres Y: Estilo de Vida
Mulheres Z: Segurança e Estabilidade
Segurança e Estabilidade;
Estilo de Vida;
Desafio Puro.
Segurança e Estabilidade;
Estilo de Vida;
Criatividade Empreendedora.
Estilo de Vida;
Serviço e Dedicação;
Aptidão Técnico-funcional.
Nas organizações:
Y: EV - flexibilidade, criação de vínculos, integrar vida profissional e pessoal e a demanda por organizações abertas. SE - manter vínculo sólido, estrutura e apoio para crescer, reconhecimento e benefícios.

Z: EV e SE - momento de aprendizagem, busca do autoconhecimento, dificuldade em criar vínculos, experimentar o novo em diferentes lugares.
Combinar as âncoras é importante para tornar mais assertivo a percepção de perfil do profissional.
Contribuições acadêmicas: somar ao tema, realidade regional e nacional, percepção de carreira para as novas gerações, modelo de Âncoras de Carreira de Schein;

Contribuições gerenciais: munir as organizações com novas informações sobre os profissionais de novas gerações; desejos e vontades profissionais; melhora dos processos em atividades de Recrutamento e Seleção e Treinamento e Desenvolvimento; inputs para melhorar a gestão de talentos.
Conclusão
Âncoras de Carreira;
Fase da vida profissional e pessoal;
Tendências e Relações: âncoras X Gerações; âncoras X Curso de graduação;
Gêneros;
Limitações:
Amostra regional;
Impossibilidade de generalizações;
Poucos indivíduos de gerações anteriores, ex: Geração X, BB, não foi possível fazer comparações;
Modelo de Âncoras de Carreira.
Sugestões:
Novas pesquisas incluindo as gerações X, BB;
Novas pesquisas com foco na geração Z;
Outras regiões do estado e do país;
Mais pesquisas com foco na carreira profissional das gerações
Obrigado!
Y: facilidade com tecnologia, imediatistas, criar relações de interesse, adaptável e não ligado a prazos;
Z: questionadores, afetivos, mudam de idéia rapidamente, ansioso e caçadores de orportundiades.
Y: instigam mudanças, decisões rápidas, ávidos por orientação e feedbacks, buscam informações e vislumbram crescimento;
Z: tem pressa, vontade de experimentar, não entendem o feedback e tem dificuldade de criar vinculo com colegas.
Y: (+) informalidade, espontaneidade, inovadores e questionadores. (-) impaciência, dificuldade com regras e individualistas.
Z: (+) informalidade, espontaneidade e a busca pelo aprendizado. (-) falta de entrosamento e laços, dificuldade em receber feedback.
Y: relacionamentos próximos e abertos, não veem barreiras hierárquicas, pressa para concluir atividades e tomar decisões;
Z: respeito aos líderes, vontade de aprender e crescer
Y: equipes mais técnicas e tecnologicas, são automotivados e se autoelogiam quando obtém exito, porém a organização deveria fazer mais por eles e suas conquistas e posições;
Z: a descrição percorre o mesmo citado pela a geração Y, porém existe aqui mais busca pelo aprendizado, suporte e feedback.
Y: crescimento rápido, focada no seu crescimento e não na carreira (desenvolvimento), atenta à oportundiades, status e perspectiva;
Z: mais empreendedores, quebrar paradigmas sociais, promover mudanças na sociedade / mundo atraves do trabalho/carreira.
Y: estabeler relações, vontade de pertencer, criação de laços é importante, trabalho em equipe, mais tecnologia, estrutura familiar, pessoal, influencia no dia-a-dia, pressão de opiniões diferentes.
Z: vontade de contribuir para a empresa e sociedade, achar sua identidade, estrutura familiar, pessoal, influencia no dia-a-dia, questionar o mundo.
Generalizar ou rotular pessoas de acordo apenas com sua geração é perigoso e não reflete a realizade, apesar de ser possível traçar tendencias.
Full transcript