Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Império Bizantino

No description
by

Max Dantas

on 24 April 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Império Bizantino

IDADE MÉDIA ORIENTAL
O IMPÉRIO BIZANTINO

ORIGENS
Devido a crise instaurada no Império Romano, o imperador Constantino em 330 reconstroi a antiga colônia grega de Bizâncio, sendo chamada então de Constantinopla.
Política
Monarquia teocrática absolutista
O imperador possuia o poder militar e religioso.
Caráter divino.
Sociedade
Hierarquizada
Nobreza urbana
Nobreza Rural - Dínatas
Artesãos
Camponeses
Pequenos comerciantes
Poucos escravos
Economia
Economia não liberal e com profunda intervenção do estado na economia.
Comércio
Comércio Marítimo
Manufaturas
Agricultura

O governo de Justiniano
Apogeu de Bizâncio
Período de prosperidade e expansão do Império Bizantino
Com a morte do Imperador Teodosio em 395 ocorre a divisão do Império Romano e Constantinopla passa a ser a capital da porção oriental.
Divisão do Império Romano após a morte de Teodósio em 395.
Os Dínatas (elite rural) e os altos funcionários recebiam as terras do governo em retribuição aos serviços prestados.
Código Justiniano
Corpus Juris Civilis
Compilação de todas as leis romanas desde Adriano (117-138).
Digesto ou Pandectas - reunião de trabalhos de jurisprudência de grandes juristas.
Institutas - espécie de manual que facilitava o uso do Código ou do Digesto.
Novelas ou Autênticas - novas leis decretadas por Justiniano e seus sucessores.
O maior legado desse período foi o Corpus Juris Civili, base, ainda hoje, da maioria dos códigos legislativos do mundo.
Legitimava o forte e quase ilimitado poder do imperador
Legitimava o domínio social exercido pela igreja católica e pelos grandes proprietários de terra.
Religião
Cesaropapismo
Interferência do rei na religião
O poder do rei sobre o Papa
Combate as Heresias
Idéias contrárias a doutrina católica
Após a morte de Justiniano o Império Bizantino entra em decadência devido principalmente ao surgimento do Islamismo e a consequente expansão do mundo Árabe
Revolta de Nika
Rebelião popular contra o caráter autoritário e a alta cobrança de impostos do governo de Justiniano
Movimento violentamente sufocado.
Mais de 30 mil pessoas mortas.


*Nika significa vitória
*O movimento iniciou durante uma corrida de cavalos no hipódromo de Constantinopla.
Religião
Questão iconoclasta
Movimento de destruição das imagens.
Movimeno de caráter político visando enfraquecer o poder local dos monges católicos.
Imagens e igrejas destruídas.
Proibida a utilização de imagens de santos, Cristo e Deus.
Grande cisma do oriente - 1054
Tensão entre o papa e os imperadores bizantinos.
Disputa política papa x imperador
Miguel I, patriarca, acusa o papado de se distanciar da fé cristã.
Divisão da igreja
Católica apostólica romana
x
Igreja ortodoxa Grega
Heresias
Idéias contrárias à doutrina católica
Influência oriental ou bizantina

Monofisismo
Crença que só admitia a natureza divina em cristo.
Contra a doutrina católica que defende a natureza divina e humna de cristo.
Arianismo
Cristo teria uma natureza intermediária entre divindade e humanidade.
Decadência do Império Bizantino
Entra em franca decadência com a expansão islâmica.
Bizantinos recebem ajuda dos cristãos europeus em troca de facilidades comerciais.
Cruzadas
Promessas não cumpridas Venezianos ocupam o território.
Por fim em 1453, Constantinopla é conquistada pelo Império Turco Otomano.
2/3 da população foi vendida como escravos.
Full transcript