Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

ESTADO

No description
by

Claudio Gonçalves

on 17 September 2014

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of ESTADO

ESTADO
Tem como elementos principais:
o controle sobre um território
soberania e o exercício de poder sobre uma população
o exercício do governo sobre este território e população


tentativa de superar o instinto natural do homem (criação artificial do homem)
desde o nascimento, nos encontramos submetido à tutela do Estado ( impostos, serviço militar)
aspecto coativo e a generalidade (coativo / coercitivo ???)
Marx - O Estado para ele, criaria as condições necessárias para o desenvolvimento das relações capitalistas. O Estado moderno funcionaria como um comitê executivo das classes dominantes, a chamada burguesia.

Durkheim - Estado estaria preocupado com a coesão social. O Estado deveria estar acima das organizações comunitárias. O Estado cumpriria uma função moral sem fins conceituais ou religiosos, à exemplo disso, teríamos a Educação Pública. E a intermediação entre governantes e os governados deveria ser feita por canais como jornais de imprensa livre.

Weber - A concepção de Estado estaria relacionada ao controle do poder estatal por uma burocracia militar e civil. O Estado é: "Uma relação de homens dominando homens, mediante violência (considerada legítima)". Há 3 formas de dominação: Tradicional, a Carismática e a Legal
Trata-se do conjunto de indivíduos que estão sob o mesmo conjunto de regras, leis, valores culturais etc. Esses indivíduos possuem parte no poder do Estado, que devera assegurar seus direitos plenos.
O Estado nasce para cuidar de seu povo, sem o povo não existe motivo de existência do Estado.
Povo: intenção de estar no Estado (capacidade eleitoral)
População: intenção de estar no Estado
Nação: a "alma" de um povo, sentimento coletivo. Varias nações em um só território, ex: índios.

Definição
Segundo Weber, as principais características de um aparato burocrático moderno são:

Funcionários que ocupam cargos burocráticos, são considerados servidores públicos;
Funcionários são contratados em virtude de competência técnica e qualificações específicas;
Funcionários cumprem tarefas que são determinadas por normas e regulamentos escritos;
A remuneração é baseada em salários estipulados em dinheiro;
Funcionários estão sujeitos a regras hierárquicas e códigos disciplinares que estabelecem as relações de autoridade

A burocracia moderna não é apenas uma forma avançada de organização administrativa, com base no método racional e científico, mas também uma forma de dominação legítima.
A organização burocrática é condição sine qua non para o desenvolvimento de uma nação, por ser indispensável ao funcionamento do Estado, gestor dos serviços públicos, e de todas as atividades econômicas particulares.
Os elementos do Estado:
POVO (população)
O território é o segundo elemento constitutivo do Estado. Sem o território não pode haver o Estado, o território é essencial para a existência do Estado. O povo judeu é um exemplo de povo que até há pouco tempo era uma nação, mas não consistia ainda um Estado, por faltar-lhe um território. Somente em 1948 formou-se o Estado de Israel, da mesma forma os nômades, os ciganos, por exemplo.
O território é necessário para que exista o Estado. É composto pelas seguintes partes: solo, subsolo, espaço aéreo, embaixadas, navios e aviões de uso comercial ou civil e o mar territorial (200 milhas).
Extra-terrioriedade: navio brasileiro navegando no oceano.
A soberania é identificada através do cumprimento e da manutenção da ordem pública, para que se alcance e se realize o bem público. A soberania pode ser identificada também através da exposição dos aparelhos de repressão estatal, como forças armadas, polícia, demonstrando e ostentando o poder do estado. A soberania terá sentido se utilizada para o exercício do bem público. É necessário ainda a competência dos dirigentes deste Estado. A competência na utilização das forças do Estado é o que o legitima enquanto Estado soberano
Os elementos do Estado:
TERRITÓRIO (base geográfica)
Os elementos do Estado:
SOBERANIA (governo)
Full transcript