Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Texto de TV

No description
by

Karine Vieira

on 15 March 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Texto de TV

Texto de TV
Pensar uma pauta para TV é pensar em imagens. Às vezes um tema rico em informação textual pode não ser tão rico em informação visual.

O pauteiro deve estar atento e pensar nas imagens para construir a matéria .

Ao produzir uma reportagem devemos nos colocar no lugar do repórter e do cinegrafista que estão na rua fazendo a matéria e construir a informação visual como se não fosse existir um texto

Não adiante levantar uma série de informações se não tem como cobrir o texto - os offs.

Boas imagens rendem um texto muito mais aprofundado e de qualidade.
A pauta
Imagens
Quando se escreve para televisão a primeira coisa a ser
comprendida é a articulação entre imagem e áudio.

Por isso é importante ter em mente quando se escreve
para TV algumas características que compõem este
universo:
Informação visual - a TV mostra e o telespectador vê
Imediatismo - o fato no exato momento em que ocorre
Alcance - o veículo abrangente que atinge a todos
O Texto
Instantaneidade - a informação é captada de uma só vez.
Envolvimento - a TV consegue levar o telespectador para "dentro" das suas histórias. Deve-se saber como "contar" as notícias.
Timing - a TV tem um ritmo rápido, ágil
Audiência - há uma medição das audiências por parte das TVs para monitorar o interesse do telespectador.
O Texto
O texto de TV é escrito para ser falado. Para tanto, deve ter algumas qualidades:

Clareza - os fatos devem ser expostos de maneira fácil e inteligível.

Concisão - palavras significativas e adequadas ao que se está reportando.

Simplicidade - palavras familiares ao telespectador.
Precisão - nada de palavras ambíguas e frases que deixam margem para um duplo sentido.

Naturalidade - sem afetação
Variedade - diversificação de expressões e termos utilizados

O Texto
Ritmo - deve se adaptar a cada história narrada

Brevidade - somente o necessário para narrar o fato

Outras caracteríticas importantes:

Texto coloquial - uma linguagem mais cotidiana, como uma conversação.

Texto objetivo - coerente, sem misturar ideias ou informações.

Não usar - gírias, adjetivos, clichês, chavões, frases
longas, rimas, cacófatos, redundância entre texto e
imagem
O Texto
Na hora de construir uma reportagem deve-se saber exatamente quais imagens estão disponíveis.

Além disso, é importante ter anotações prévias sobre o que foi captado.

Off: é a parte de informações em áudio do texto da pauta. É o texto gravado sem imagem do repórter. Pode ser feito no local da matéria ou na cabine de locução.
Stand ups, notas cobertas, off vivo
Off vivo - o apresentador em quadro lê o texto escrito pelo repórter ou pelo editor - é utilizado para suprir a falta de imagens e também para dar mais ritmo ao telejornal - tempo entre 20" a 30"

Nota Coberta (NC) - texto narrado em off coberto com imagens

Stand up / passagem - recurso utilizado pelo repórter para ligar assuntos na reportagem. Também pode ser utilizado como única forma de se apresentar um determinado fato. Na matéria pode aparecer na abertura, no meio da matéria ou no final. Sempre gravar mais de uma vez e com mais de uma opção de cenário.
BARBEIRO, Heródoto & LIMA, Paulo Rodolfo de. Manual de telejornalismo – os segredos da notícia na TV. 2 ed. Rio de Janeiro: Campus, 2005.

CARVALHO, Alexandre (et al.). Reportagem na TV: como fazer, como produzir, como editar. São Paulo: Contexto, 2010.

CARRAVETTA, Luiza M. C., Construindo o telejornal. Porto Alegre: Armazém Digital, 2009.
Bibliografia
Full transcript