Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Relatório de atividade laboratorial

Palestra SEMTEC 2014 - São Borja
by

biblioteia biblioteia

on 4 February 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Relatório de atividade laboratorial


Relatório de Atividade Laboratorial
O que é um relatório?

Como escrever?
Como estruturar um relatório?
Título da atividade laboratorial.
Objetivo.
Introdução teórica.
Material e reagentes necessários.
Procedimento experimental.
Cálculos pré-laboratoriais.
Registo de resultados
Tratamento de resultados.
Análise de resultados.
Conclusões.
Bibliografia.
Deverá ser indicado de modo claro e breve qual ou quais os objectivos do trabalho a realizar (o propósito), ou seja, qual é o problema a ser resolvido.
RESULTADOS
Tratamento de resultados
Um relatório de uma actividade prática, é uma exposição escrita de um determinado trabalho ou experiência laboratorial.

Não é apenas uma descrição do modo de proceder (técnicas, reagentes, material, etc.), pois este conjunto de informações constitui o
protocolo
.
Um relatório é o conjunto da descrição da realização experimental, dos resultados nele obtidos, assim como das ideias associadas, de modo a constituir uma compilação completa e coerente de tudo o que diga respeito a esse trabalho.
De alguma forma, elaborar um relatório deve ser visto pelo aluno como uma etapa importante na sua formação académica, para que mais tarde, como profissional, possa ter adquirido e desenvolvido a praxis e o raciocínio crítico necessários à elaboração de um artigo científico.
A elaboração do relatório deve passar por um esboço (planificação da informação) e, quase sempre, por alguns rascunhos.
O aspecto geral e qualidade gráfica do relatório têm uma importância primordial. .
Apertar a letra, diminuir o espaço entre linhas, ocupar as margens tornará a leitura difícil e a apresentação pouco atraente.
utilizar uma linguagem simples, mas cuidada, clara, objectiva e precisa cientificamente;.
mostrar clareza do raciocínio, característica do método científico;
ser conciso e coerente, incluir a informação indispensável à compreensão do trabalho;
incluir tabelas, gráficos, ilustrações que contribuem para reduzir a extensão de um relatório.
aplicar símbolos e fórmulas químicas, bem como de unidades e grandezas, e respeitar regras e normas.
usar frases completas, para que, através da sua leitura seja possível seguir um raciocínio lógico.
todas as afirmações devem ser baseadas em provas factuais e não em opiniões não fundamentadas.
Não incluir factos especulativos em detrimento do outros já demonstrados.
redigir conclusões precisas e sintéticas, coerentes com a discussão dos resultados.
Deve conter a informação seguinte pela ordem indicada:

1º nome da instituição ou entidade onde a investigação foi realizada,
2º títulodo trabalho, (destacado com letra maior ou sublinhado)
3º nome do autor e identificação do mesmo,
4º âmbito de realização o trabalho (disciplina, projecto, unidade, programa, etc.)
5ºlocal e data
Capa do relatório
O título deve dar uma indicação clara do assunto tratado explicitando o problema resolvido.

Na maioria das vezes pode utilizar-se o título do procedimento experimental.

Se realizarmos um determinado trabalho laboratorial sobre sabões este pode ter o título: "Estudo sobre Sabões".

No entanto este título é pouco informativo. É necessário um título que seja mais indicativo da natureza do trabalho realizado.

Alguns exemplos são:

"Estudo das Propriedades de Sabões"
"Análise Química de um Sabão"
"Síntese Laboratorial de Sabão"
Título
Objetivo
Introdução
teórica
Material e
reagentes
necessários
Material e Esquema de Montagem
Reagentes/produtos
A
introdução
deve apresentar o tema geral do trabalho experimental. Consiste na elaboração de um pequeno texto sobre conteúdo/ leis físicas / conceitos que se estão a estudar na atividade laboratorial.

Poderá ser uma breve explicação do princípio científico estudado ou então uma referência aos produtos/materiais que estão a ser testados.
Poderá referir-se a utilidade e alcance do trabalho laboratorial desenvolvido."
Poderá indicar alguma informação acerca do tema em estudo, nomeadamente, parâmetros com as quais se pretende comparar os resultados obtidos e as previsões, ou seja, os resultados que se esperam obter.
Deve ser sintético mas preciso, contendo, no entanto, informação suficiente de modo que, no caso da experiência vir a ser repetida por outrem, possam ser obtidos resultados idênticos.
Normalmente considerado como um ponto secundário do trabalho, esta parte do relatório é, no entanto, essencial para a compreensão da experiência a realizar.
Procedimentos

Indicar a descrição exata de como foi feita a experiência, numa sequência correta e por tópicos.
Utilizar o tempo verbal no passado.

Registo de observações

Indicar o registo de todas as leituras e/ou observações efetuadas, podendo estas ser apresentadas sob a forma de tabelas.
Indicar sempre as unidades da medição, bem como os erros de medição.
Ter atenção aos algarismos significativos.
Procedimento Experimental
EQUAÇÕES QUÍMICAS (SE EXISTIREM)

Todas as reações químicas devem ser traduzidas em simbologia química.

CÁLCULOS / GRÁFICOS

Devem ser apresentados todos os cálculos efetuados e sempre que necessário apresentar os
resultados em forma gráfica ou em tabela.
Descrição do que se observa na experiência. Inclui o registo e tratamento dos dados, bem como os esquemas e ou as figuras das observações efectuadas.
Neste ponto dever-se-á,
sempre que se justifique:
identificar erros: aleatórios e/ou sistemáticos;
determinar o valor médio de grandeza a medir (média aritmética dos valors das medições);
determinar a incerteza absoluta da leitura;
determinar o desvio de cada medição;
determinar o desvio absoluto máximo;
tomar para incerteza absoluta a maior das incertezas anteriores (de leitura ou observação);
determinar a incerteza relativa em relação ao valor médio, exprimindo-a em percentagem (desvio percentual) e associá-la à precisão das medidas;
exprimir o resultado da medição direta em função do valor médio e da incerteza absoluta ou da incerteza relativa.
Analise de resultados


com os obtidos por outros grupos;
com valores tabelados.
Aqui, devem comparar-se os valores obtidos em alguns trabalhos:
Conclusões
Neste ponto, devem ser:
comentados os resultados obtidos;
referidas quais as possíveis causas para erros cometidos durante o trabalho.
Bibliografia
BIBLIOTECA ESCOLAR

Esc. Básica de 2º/3º Ciclo com Secundário de St. António

Profª bibliotecária
Rosalinda Serra

Listar o material necessário para a realização da atividade experimental (com as respetivas especificações).
Elaborar um esquema elucidativo da forma como o material foi utilizado e respetiva legenda
Indicar o nome dos reagentes/ produtos (com indicação dos principais riscos e cuidados de segurança a ter). No caso de soluções, também a respetiva concentração.
Full transcript