Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Alimentos transformados. Aditivos alimentares

No description
by

Eva Pereira

on 23 September 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Alimentos transformados. Aditivos alimentares

Alimentos transformados. Aditivos alimentares
FONTS
Exemplos de alguns produtos transformados
À base de peixe:
Exemplos de alguns produtos transformados
À base de frutas e hortícolas:
Alimentos transformados
Atualmente muitos alimentos são transformados pela indústria alimentar, sobretudo através de adição de compostos químicos para melhorar:
Exemplos de alguns produtos transformados
À base de carnes:
Tecnologia Alimentar
Produtos cozidos
Fiambre
Mortadela
Salame
Patês de carne
Merenda de carne
Alheiras
Chouriço de sangue
Etc
Produtos Curados
Presunto
Paio
Bacon
Chouriço vermelho
Farinheira
Salsichão
Salpicão
Etc
Delícias do mar
Filetes de pescada
Cubos de tamboril
Douradinhos
Conservas (atum, sardinhas em molho
de tomate)
Óleos de peixe
Patê de atum
Etc
Salsichas em lata e em frasco
Tomate enlatado
Polpa de tomate
Polpa de fruta
Fruta em calda
Sumos de fruta e vegetais
Vegetais em vinagre
Patês
Marmelada
Compotas
Etc

Sabor
Aspecto
Consistência
Tempo de conservação
São adicionados produtos - ADITIVOS QUÍMICOS - para:
Alimentos transformados
Evitar a sua rápida decomposição
Conservantes (conservar durante mais tempo)
Antioxidantes (evitar alterações rápidas)
Melhorar o seu gosto, aspeto e consistência
Corantes (proporcionar cores atrativas)
Aromatizantes (conferir certos sabores)
Emulsionantes (evitar a separação de componentes p.e. líquido e gordura)
Espessantes (aumentar a consistência)
Sempre que um produto alimentar possua aditivos alimentares, deve informar o consumidor, fazendo referência aos mesmos no rótulo.
Para que servem os aditivos alimentares?
Para alterar as características de um alimento e para que possamos ingerir alimentos industrializados e conservados a longo prazo;

O que são aditivos alimentares?
Qualquer ingrediente adicionado intencionalmente aos alimentos sem propósito de nutrir, com o objetivo de modificar as características físicas, químicas, biológicas ou sensoriais, para que se torne mais apetecível ao consumidor.
Quando pode ocorrer esta manipulação (adição de aditivos químicos aos alimentos)?
Durante a fabricação, processamento, preparação, tratamento, embalagem, acondicionamento, armazenagem, transporte e/ou durante a manipulação de um alimentos.
Classificação dos aditivos alimentares:
De acordo com a origem e a ocorrência.
Origem
Naturais - obtidos diretamente da matéria-prima (ex.: lecitina de soja, corante extraído da beterraba)

Artificiais - produzidos sinteticamente pelo homem. São mais utilizados porque têm custo de produção reduzido, maior pureza e qualidade relativamente melhor
Ocorrência
Intencionais - colocados de forma propositada, seguindo legislação

Incidentais - aparecem nos alimentos acidentalmente, por exemplo resíduos provenientes de um processo de fabrico
Que tipos existem?
Ácidos - adicionados aos alimentos para tornar os sabores mais "vivos", também para servir como conservantes e antioxidantes
Reguladores de acidez - alterar ou controlar a acidez dos alimentos
Antioxidantes - atuam como conservantes ao inibir os efeitos do oxigénio sobre os alimentos, sendo em geral benéficos para a saúde (ex.: vitamina C)
Agentes de volume - incorporados para aumentar o volume do alimentos, sem alterar as suas características (ex.: amido)
Corantes - Adicionados para substituir cores perdidas durante a preparação ou para tornar os alimentos mais atrativos; também para proósitos decorativos
Fixadores de cores - Utilizados para preservar a cor original dos alimentos
Emulsionantes - fazem com que a água e as gorduras permaneçam misturados numa emulsão (ex.: maionese)
Aromatizantes - dão aos alimentos sabores ou aromas particulares, podendo ter origem natural ou artificial
Intensificadores de sabor - intensificam o sabor original dos alimentos
Humidificantes - evitam que os aliementos sequem
Conservantes - previnem ou inibem os estragos causados nos alimentos por fungos, bactérias e outros microorganismos; pretendem aumentar o tempo de vida médio aos produtos e evitar ao máximo a deterioração alimentar química e microbiana.
Estabilizantes, espessantes e gelificantes - conferem aos alimentos texturas mais firmes; aumentam a viscosidadedos alimentos sem alterarem as restantes propriedades
Edulcorantes - alteram o sabor dos alimentos; são adicionados para reduzir a energia fornecida pelos alimentos ou porque têm efeitos benéficos em casos de doença (ex.: diabetes)
Entre outros.
Full transcript