Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Sistema imunológico

No description
by

Nadia Starikoff

on 13 March 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Sistema imunológico

São os anticorpos dos cavalos, devidamente purificados e processados, que compõem os diferentes soros, contra acidentes com serpentes da família das jararacas, cascavéis, surucucus ou corais. Depois de testes microbiológicos, biológicos e físico-químicos para garantir sua eficácia, o produto é diluído em água destilada e armazenado em ampolas. Produção do soro Sistema imunológico Vacina Anticorpos Macrófagos Linfócitos B No sangue são chamadas de monócitos. Chamados de plasmócitos e produzem anticorpos (proteínas) que se combinam com substâncias estranhas - antígenos.
Esta reação é específica. Linfócito T matadores CD8
São células especializadas em reconhecer e matar células corporais alteradas, como as infectadas por vírus. Linfócitos T auxiliadores Comandantes do mecanismo de defesa.
Recebem informações dos macrófagos sobre agentes estranhos e estimulam os linfócitos a trabalhar.
O vírus HIV ataca estas células.
São produzidos na medula óssea e migram para o timo. Órgãos imunitários primários Medula óssea
Timo Órgãos imunitários secundários Linfonodos: tonsilas e baço - Imunização Ativa natural?

- Imunização ativa artificial? A produção de anticorpos é pequena
na resposta primária. A resposta secundária apresenta uma produção maior de anticorpos. Os agentes infecciosos penetram no corpo das pessoas através dos ferimentos e das mucosas. A incidência de doenças causadas por estes agentes infecciosos poderá ser reduzida, submetendo-se as pessoas à
a) aplicação do soro, que é um processo ativo de imunização preventiva e duradoura.
b) aplicação do soro, quando o agente infeccioso provoca uma doença de evolução muito rápida e não há tempo para a imunização ativa.
c) aplicação do soro, pois as pessoas desenvolvem anticorpos contra os antígenos atenuados.
d) vacinação, que é a imunidade adquirida de ação menos duradoura que o soro e de emprego terapêutico, resultado da ativação dos mecanismos naturais de defesa do organismo.
e) vacinação, que tem efeito terapêutico, ocasião em que o indivíduo recebe anticorpos, já prontos, produzidos pelo organismo de um animal.
Os meios de comunicação têm noticiado que a Unicef (Fundo das Nações Unidas para a Infância) estabeleceu como uma das metas, a serem cumpridas até o ano 2.000, a imunização de 90% das crianças, o que reduzirá a mortalidade infantil em pelo menos um terço.
Para que esta meta seja atingida, é necessária a vacinação, que consiste em injetar no organismo:
a) vírus ou bactérias vivas para provocar a doença de forma branda. O corpo, imunizado, produzirá antígenos específicos.
b) um medicamento eficaz no combate à doença já instalada e que produza no corpo uma reação para a fabricação de anticorpos específicos e resistentes.
c) vírus ou bactérias mortos ou atenuado que, reconhecidos pelo corpo como antígenos, induzam a produção de anticorpos específicos.
d) o plasma, retirado de pessoas que já tiveram a doença, para que o corpo produza antígenos e anticorpos específicos.
e) o soro obtido através do sangue de animais, como os cavalos, criados em laboratório, onde recebem grande quantidade de antígenos.
Atualmente, um grande esforço tem sido feito por diversos centros de pesquisa e de tratamento depessoas queimadas para produzir grandes áreas de pele, do próprio indivíduo, que possam recobrir imediatamente áreas destruídas.1. Explique a vantagem de se utilizar a pele do próprio indivíduo para recobrir as áreas destruídas, ao invés deserem utilizados enxertos de pele de outras pessoas. As bactérias podem vencer a barreira da pele, por exemplo num ferimento, e entrar em nossocorpo. O sistema imunitário age para combatê-las.a) Nesse combate, uma reação inicial inespecífica é efetuada por células do sangue. Indique o processo que levaà destruição do patógeno bem como as células que o realizam.b) Indique a reação de combate que é específica para cada agente infeccioso e as células diretamenteresponsáveis por esse tipo de resposta.
Full transcript