Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Psicologia científica

No description
by

Mariana Figueiredo

on 5 August 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Psicologia científica

Psicologia científica
Rigor científico na Psicologia
Psicologia científica
Crença na ciência x Subjetividade
Psicologia científica
Psicanálise
Psicologia: histórico, campos de atuação e teorias psicológicas
Mariana Figueiredo
marirfigueiredo@gmail.com
Disciplina: Psicologia organizacional
Administração - 2º semestre

- Importância da historicidade
- Neurofisiologia, neuroanatomia, fisiologia
Neurofisiologia: corpo é uma máquina
- Percepção e motricidade
Capitalismo (sec. XV até os dias atuais)
Bases materiais:
Comércio/Desenvolvimento tecnológico (industrialização)
Ideias:
-Empirismo
- Racionalismo
- Antropocentrismo
- Entendimento do presente
- Determinação dos fenômenos
- Aparência x Essência
A árvore que não dá frutos
É xingada de estéril. Quem
Examina o solo?

O galho que quebra
É xingado de podre, mas
Não havia neve sobre ele?

Bertold Brecht (Sobre a esterilidade)

Bases materiais determinam as ideias
Wilhelm Wundt (1832-1920)
- Alemanha sec. XIX
- Introspeccionismo
Dicotomia subjetivo x objetivo
- Abordagens idealistas
- Abordagens empiristas
- Abordagem dialética
Sigmund Freud (1856-1939)
Iconsciente
- Médico, buscou estudar os "problemas
nervoso
- Caso Ana O.
- Sugestão hipnótica
Sugestão hipnótica:

O médico induz o paciente a um estado alterado de consciência e, nessa condição, investiga uma ou mais conexões entre condutas e/ou entre fatos e condutas que podem ter determinado o surgimento de um sintoma. O médico também introduz novas ideias (a sugestão) que podem, pelo menos temporariamente, provocar o desaparecimento do sintoma.
Método catártico:
liberação dos sentimentos não expressos na ocasião

- Associação livre


Estrutura do aparelho psíquico
Inconsciente
"o conjunto dos conteúdos não presentes no campo atual da consciência"
- conteúdos reprimidos e
genuinamente inconscientes
Pré-consciente
Conteúdos que não estão na consciência
mas são acessíveis a ela...
Consciente
Recebe ao mesmo tempo as informações do mundo interior e exterior
Segunda teoria do aparelho psíquico
Id:
Reservatório de energia psíquica, onde se localizam as pulsões. Regido pelo princípio do prazer (inconsciente)
Ego:
Equilíbrio entre as exigências do id, da realidade
e do superego. Regulador.
Superego:
Exigências sociais e culturais. Moral, proibições, limites e autoridade.
Pulsão
Sintoma
Desenvolvimento
Princípio da sexualidade
Fase oral
Fase anal
Fase fálica
Fase genital
Complexo de Édipo:
pais objeto de desejo. Internalização das condutas sociais.

Mecanismos de defesa:
Recalque:
Supressão de uma parte da realidade

Formação reativa
: Atitude oposta ao desejo

Regressão:
Retorno a etapas anteriores do desenvolvimento

Projeção:
Confluência de distorções do mundo externo e interno

Racionalização:
Justifica os estados ''deformados" da consciência
Full transcript