Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

XYRODRIGOZ9020121SEM

Aula 02
by

Rodrigo Barros

on 30 March 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of XYRODRIGOZ9020121SEM

Perspectivas em Perícia Papiloscópica
Seção de Perícia Papiloscópica
Instituto de Identificação
Polícia Civil do Distrito Federal

Mestre em Ciências Médicas
Morfologia aplicada às Ciências Forenses
Universidade de Brasília

Referências Bibliográficas
Archer, N. E.; Charles, Y.; Elliot, J. A.; Jickells, S. Changes in the lipid composition of latent fingerprints residue with time after deposition on a surface, Forensic Science International 154 (2005) 224–239.

Baniuk, K. Determination of age of fingerprints, Forensic Science International 46 (1990) 133–137.

Bond, J. W.; Heidel, P.; Heidel, C. Visualization of latent fingerprint corrosion on a discharged brass shell casing, Journal of Forensic Science 54 (2009) 892–894.

Bradshaw, R.; Wolstenholme, R.; Blackledge, B. D.; Clench, M. R., Ferguson, L. R.; Francese, S. A novel matrix-assisted laser desorption/ionization mass spectrometry imaging based methodology for the identification of sexual assault suspects, Rapid Communications in Mass Spectrometry 25 (2011) 415–422.

Maceo, A. V. Qualitative assessment of skin deformation: a pilot study. Journal of Forensic Identification 59 (2009) 390–440.

Thomas, G. L. The physics of fingerprints and their detection, Journal of Physics E: Scientific Instruments 11 (1978) 722-731.

Williams, G.; McMurray, N. Latent fingermark visualization using a scanning Kelvin probe, Forensic Science International 167 (2007) 102–109.
APC - XX Curso Especial de Polícia
Lubrificante de camisinha em impressões digitais
MALDI Imaging
Equipamento utilizado
Análise das distorções em impressões latentes
"Se é possível,

dizer como a pele se deformou,
a partir das impressões latentes encontradas
, é viável a interpretação sobre como um determinado objeto foi manipulado" Maceo, 2009.
Recuperação de impressões latentes em estojos de munições deflagradas
Avaliação da idade de impressões latentes
Sonda Kelvin
Os componentes orgânicos das impressões são destruídos com o calor (aprox. 500°C)
Nova técnica:
superfícies que apresentem condutividade elétrica;

sais inorgânico das impressões causam uma corrosão no metal;

Resultados positivos para ferro, aço, bronze e alumínio;

Resultados positivos após limpeza com tecido;

foram recuperadas impressões produzidas sobre estojos de munições há mais de 14 anos
O equipamento mostra as variações das diferenças de potencial observadas em uma área selecionada do metal
Conclusões:
visualização de impressões latentes em superfícies curvas de vários metais;

visualização em estojos de munições deflagradas, mesmo após limpeza com tecido;

produção de um equipamento voltado para análises forenses;

grande aplicação em homicídios, tentativas de homicídios e ataques terroristas.
Glândula sebácea:
Ácidos graxos;

Esqualeno;

Ésteres graxos;

Triglicerídeos
Ácido hexadecanóico
Esqualeno
Análise morfométrica das impressões papilares em função do tempo
Projeto de mestrado:
Faculdade de Medicina
Programa de Pós graduação em Ciências Médicas
Morfologia Aplicada às Ciências Forenses
Orientação: Dra. Selma A. S. Kuckelhaus
*CEP-FM 002/2011
Material e Métodos
Impressões palmares - hipotenar;

Produzidas em lâminas para microscopia;

Controle da força aplicada;

Reposição da secreção;

Condições controladas;

Revelação a cada 5 dias (total = 30 dias);

Análise morfométrica;

Análise química;

30 indivíduos.
F = 30N
Material e Métodos
Análise das cristas em microscopia antes da revelação. Aumento de 100x.
Câmara climatizada tipo B.O.D.
Revelação com pó magnético.
Material e Métodos
Medidas transversais das cristas
Gnu Image Manipulation Program v. 2.6.
SPSS Statistcs v. 17
Resultados Preliminares
Fotomicrografia da impressão latente.
Fotomicrografia da impressão revelada.
Indivíduo A
Indivíduo B
Diferença das médias é estatisticamente significativa.
Introdução
Estuprador leva consigo a camisinha, não deixando os vestígios de DNA;

Contudo, não considera a possibilidade do lubrificante de camisinha ser detectado em suas digitais;

Particularmente interessante para estupradores com acesso legítimo ao local;

Em Londres, 37% dos estupros são cometidos por conhecidos das vítimas;

PDMS (Polidimetilsiloxano) - 91% das camisinhas do Reino Unido
Capacidade de detecção de moléculas com elevado peso molecular;

Fornece uma imagem;

Não detrói a amostra;

Detecta lipídios naturalmente presente em impressões latentes, bem como substâncias exógenas;

1h 20min para analizar uma impressão de 1.7 x 2 cm
Rodrigo Meneses de Barros
Detecção de lubrificantes e espermicidas nos extratos das camisinhas por MALDI MS;





A análise das impressões por MALDI MSI permitiu a reconstrução do padrão papiloscópico e a detecção de lubrificante e espermicida;
Impressões após 3 meses
GC-MS e FT-IR:
paracetamol, ibuprofeno, diacetilmorfina;
substâncias endógenas;

MALDI / SALDI:
novas possibilidades
Conclusões
Visualização da imagem do padrão associada à presença do contaminante;

Possibilidade de ligar o suspeito ao crime mesmo após semanas do crime;

Comparação com swab vaginal da vítima;

Detecção de uma marca específica de camisinha;
Full transcript