Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Reanimação Neonatal

No description

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Reanimação Neonatal

Epidemiologia
Necessidade de reanimação ao nascimento:

Ventilação com pressão positiva: 1 em cada 10 RNs.
Intubação e/ou massagem cardíaca: 1 em cada 100 RNs.
Intubação, massagem e/ou medicações: 1 em cada 1.000 RNs, desde que a ventilação seja aplicada adequadamente.

Em RNs prematuros:

Nascidos com menos de 1.500g: 2 em cada 3 RNs.
Idade gestacional de 34 a 36 semanas: 2 em cada 10 RNs

ABC da reanimação
A. Manter vias aéreas pérvias

B. Inicar e manter a respiração

C. Manter a circulação

Enfª Claudiane Ventura
Transição Cardiorrespiratória
Não utiliza o pulmão

Oxigenação placentária

Alvéolos preenchidos por líquido

Após nascimento o líquido será substituido

Junto dos alvéolos passa capilares

Com a respiração as arteríolas dilatam-se

Aumento do fluxo sanguineo pulmonar

Transporte de O2 para órgãos e tecidos

Fluxograma da Reanimação
ReanimaçãoNeonatal
Nascimento
Gestação a termo?
Ausência de mecônio
Respirando ou chorando?
Tônus muscular bom
Não
Promover calor
Posicionar cabeça e aspirar (s/n)
Secar, estimular e reposicionar
Respirando
FC> 100
Cianose
Considerar
O2 inalatório
Ventilar com
Pressão
Positiva
FC<60
FC >60
Ventilar com pressão positiva
Iniciar massagem cardíaca
FC<60
Administrar adrenalina
Verificar a efetividade de:
Ventilação, Massagem,
Intubação e Adrenalina
Considerar hipovolemia
Avaliar
Respiração
FC
Cor
30seg
30seg
30seg
Considerar
intubação traqueal
Apnéia ou
FC < 100
Cianose
persistente
Apnéia
Transição indaequada
Primária

Secundária
Anteciando a necessidade de reanimação
Problemas Pré-natais

Problemas no trabalho de Parto e Parto
Materiais e Equipamentos
Mesa de reanimação
Fonte de calor radiante

Fonte oxigênio

Aspirador a vácuo com manômetro
Material para Ventilação
Balão auto-inflável

Máscara para RNPT e a termo

Material para intubação
Laringoscópio com lâmina nº 00,0 e 1

Cânula traqueias sem balonete (2,5/3/3,5/4mm

Material para fixação

Pilhas e âmpadas

Fio-guia
Medicações
Adrenalina

Expansores

Bicarbonato de sódio

Naloxone
Material para cateterismo umbilical
Campos
Material de ferro
Cateter umbilical 3,5/5,0 ou 8,0
Fio nylon
Lâmina de bisturi
Antissepticos

Outros
Material para aspiração
Bulbo
Sonda traqueal nº 6, 8 ,10
Sonda gástrica curta nº 6, 8
Dispositivo de aspiração meconial
Seringa de 20cc

Luva

Óculos

Compressas

Gazes

Estetorcópio

Saco de polietileno

Seringas

Relógio de parede

Termômetro
Passos Iniciais
Nascimento
Gestação a termo?
Ausência de mecônio?
Respirando e chorando?
Tônus muscular bom?
Promover calor
Posicionar cabeça e aspirar
Secar, estimular e reposicionar
Avaliar
Respiração
FC
Cor
Não
30seg
Nascimento
Gestação a termo?
Ausência de mecônio?
Respirando e chorando?
Tônus muscular bom?
Não
Promover calor
Posicionar cabeça e aspirar
Secar, estimular e reposiciona
Avaliar
Respiração
FC
Cor
Respirando
FC> 100
Cianose Central
Considerar O2
inalatório
30seg
Nascimento
4 perguntas
Passos iniciais
R. Irregular/ausente ou
FC< 100bpm ou cianose persistente
VPP com B&M
O2 inalatório
R. Regular e
FC > 100bpm e
Róseo
30seg
30seg
Nascimento
4 perguntas
Passos iniciais
R. Irregular/ausente ou
FC< 100bpm ou cianose persistente
VPP com B&M
O2 inalatório
R. Regular e
FC > 100bpm e
Róseo
Considerar intubação
FC <100bpm ou RN não melhora
30seg
30seg
Nasicmento
4perguntas
passos inicias
R. irregular/ausente ou
FC<100 ou
cianose persistente
VPP com B&M
VPP com B&CET
Massagem cardíaca
FC < 60bpm
30seg
30seg
Nascimento
4perguntas
Passos iniciais
VPP com B&M
VPP com B&CET
Massagem cardíaca
Medicações
R. Irregular/ausente ou
FC <100bpm ou cianose persistente
RN não melhorou
FC <60bpm
FC < 60bpm
Adrenalina
Expansor de volume
30seg
30seg
30seg
Obrigada!
Não ocorre a respiração
Após retiradado útero e ligação do cordão umbilical
Episódio de apnéia
Respiração rápida
Novo episódio de apnéia prolongada
Queda da FC
Queda da pressão arterial
Para a assistência ao recém-nascido normal, que constitui a maioria das situações, nada mais deve ser feito além de se enxugar, aquecer, avaliar e entregar à mãe para um contato íntimo e precoce.

Em toda sala de parto deve estar presente pelo menos um profissional capacitado a reanimar de maneira rápida e efetiva, mesmo quando se espera um RN saudável.
Full transcript