Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

CRA BQ

No description
by

Cati Azambuja

on 29 August 2017

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of CRA BQ

BIOQUÍMICA
Integração orgânica durante exercício físico
A contração muscular exige uma atividade fisiológica muito mais integrada.
Introdução à Bioquímica do Exercício
Integração orgânica durante exercício físico

As fibras musculares

As reservas energéticas para o esforço físico

As vias metabólicas do trabalho muscular
As vias metabólicas do trabalho muscular
Reservas energéticas para o esforço físico
Sistema Respiratório - transporte de O2 e remoção de CO2 e H+
Sistema Cardiovascular - transporte dos nutrientes
Sistema Renal - controle [pH] que pode ser modificado pela produção de H+
SNC - comandos conscientes e inconscientes
Sistema Endócrino - hormônios que buscam combustíveis queimar (glicogênio e gordura)
Enzimas
As fibras musculares
Liso
Cardíaco
Estriado
Esquelético
Blocos Contráteis do corpo
Células multinucleadas (fibras)
Alongadas
Presença de mitocôndrias
Feixes de miofibrilas
Tipos de Fibras
Molécula proteica
Catalisador biológico
Aceleram as reações químicas (> velocidade)
Acoplamento de duas reações
Melhoram (ativam) ou diminuem (inibem) suas capacidades para o trabalho

Enzimas
Triglicerídios
- (Glicerol + 3AG) - para que seja utilizado como combustível é necessário que seja transportado ao tecido muscular na forma AGL

Glicogênio
- (Gli6P) - Armazenado em pequenas quantidades (até 350g) no fígado (para outros tecidos) e no músculo (para uso próprio)

Proteínas
- (Aa) - Estruturais; Processos de degradação e ressíntese são constantes para o equilíbrio. Não são substâncias de reserva, mas em casos extremos poderão ser utilizadas para esse fim
Ação enzimática é dependente

1. Temperatura



2. pH dos fluídos
Maior temperatura corporal
= maior atividade enzimática
(exercício físico = + ATP).

Diminuição temperatura corporal ou aumento muito grande
= menor atividade enzimática.
Nível ideal para cada enzima.
Alteração do nível = redução atividade enzimática.

Ex: acúmulo de ácido lático = diminuição ATP
Atividade:
Descreva cada uma das vias metabólicas.
Xilitol
O xilitol é um álcool de açúcar. Deriva da xilose, que é um monossacarídeo que pode ser encontrado em frutas e legumes consumidos diariamente. Pode ser extraído, para fins comerciais, do milho ou da casca de bétula, mas pode ser encontrado, também, na própria cana de açúcar, na ameixa, framboesa e, inclusive, em algumas espécies de cogumelos.

A xilose passa por um processo químico de transformação até chegar ao xilitol, que é a hidrogenação catalítica. Nesse processo químico são usados elementos como carvão ativado, ácido fosfórico, óxido de cálcio e até ácido sulfúrico.

Desse processo extrai-se um pó branco e quase tão doce quanto o açúcar. Em números, esse “quase tão doce quanto o açúcar” corresponde a 95%. Em compensação, cada grama de xilitol contém 60% menos calorias que o açúcar. O xilitol contém 2,4 calorias por grama, contra 4 calorias do açúcar.

Assim como o açúcar, o xilitol serve única e exclusivamente para adoçar, não tendo valor nutricional, uma vez que não fornece quantidades minimamente relevantes de vitaminas, proteínas ou minerais.
Vantagens em relação ao açúcar
O xilitol é mais saudável que o açúcar, a começar pelo fato de ser 60% menos calórico do que o produto tradicional.

Os benefícios, não obstante, não param por aí. O índice glicêmico do xilitol é 7, enquanto o do açúcar é de 70. O índice glicêmico é uma escala de 0 a 100, que classifica o comportamento dos alimentos consumidos quanto ao processo metabólico do corpo.
MUSSATTO, S. I.; ROBERTO, I. C. Xilitol: Edulcorante com efeitos benéficos para a saúde humana. Revista Brasileira de Ciências Farmacêuticas, v. 38, n. 4, p. 401-413, 2002.

SILVA, S. S. D.; VITOLO, M.; MANCILHA, I. M.; ROBERTO, I. C.; FELIPE, M. D. G. A. Xilitol: um adoçante alternativo para a indústria de alimentos. Alimentos e Nutrição Araraquara, v. 5, n. 1, 2009.
Full transcript