Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Auditoria

O planejamento na Auditoria - Seminário
by

Monica Nunes Dantas

on 23 April 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Auditoria

Funcionamento Normal Dia da Auditoria FASES DO PROCESSO DE AUDITORIA Planejamento Execução Comunicação/Relatório Auditoria Senso comum Introdução Vai a campo identificar uma situação real, uma vez identificada, deve compara-la com o padrão predefinido no planejamento e emitir um relatório. O que um auditor faz? Conjunto de técnicas que visa avaliar a gestão pública, pelos processos e resultados gerenciais, e a aplicação de recursos públicos por entidades de direito público e privado, mediante a confrontação entre uma situação encontrada com um determinado critério técnico, operacional ou legal predeterminado. Conceito de Auditoria: A auditoria tem uma relação muito forte com a Relação de Accountability e os Conflitos de agencia. Principal Recursos &
Autoridade Prestação de contas Agente Servidores Públicos Controles e Auditorias Conflito de Agência:
Quando o AGENTE procede de maneira diversa a acordada com o PRINCIPAL Povo Satisfatoriedade
Não-conformidades
Recomendações As Três dimensões do Planejamento:
Estratégico, Tático e Operacional Auditoria é um processo portanto precisa de um organizado plano de ação. O planejamento Estratégico e Tático dizem respeito à determinação de todas as atividades que serão desenvolvidas na unidade ou no órgão de auditoria, de responsabilidade de seus dirigentes.

O planejamento operacional, de responsabilidade da equipe de auditoria é uma etapa fundamental para o sucesso do trabalho, e deve ser feita adequadamente de forma a evitar problemas na fase de execução, além de repercussões negativas na qualidade. O "PROGRAMA DE AUDITORIA" A seta de retroalimentação do processo de auditoria significa que o produto final (programa de auditoria), deverá ser ajustado quando surgirem, na fase de execução, questões que justifiquem a alteração. CONSTRUÇÃO da VISÃO GERAL do OBJETO – Levantamento preliminar de informações para compreender o objeto e o ambiente organizacional. Inclui conhecer organogramas, fluxogramas, estudar a legislação e identificar sistemas de suporte ao objeto.
IDENTIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DE OBJETIVOS, RISCOS E CONTROLES - Visa determinar a extensão e alcance da auditoria, o grau de confiabilidade do controle interno. Antes de avaliarem os controles internos, devem avaliar os objetivos da atividade que será objeto de auditoria, procurando identificar os riscos associados, para em seguida identificar e testar os controles que a gestão adota para mitigar tais riscos. Atividades básicas do planejamento operacional (NAT): Os programas de auditoria podem ser: • Padronizados (programa-padrão): utilizado em todos os trabalhos da mesma natureza, pode ser reutilizado. ex.: as atividades e procedimentos fortemente regulamentados, como os processos de licitação e os atos de pessoal;
• Específicos: Elaborado para cada trabalho em particular, programas específicos ocorrem quando o objeto de auditoria não tem um modelo padronizado. "Trabalho de Campo" Exemplo na Administração Pública ELABORAÇÃO do PROGRAMA de AUDITORIA - O programa de auditoria é o plano de ação detalhado do trabalho que o auditor deverá executar em campo para atingir o objetivo da auditoria.
ELABORAÇÃO PRELIMINAR DE PAPÉIS DE TRABALHO DO PLANO OU PROJETO DE AUDITORIA - Consiste na preparação preliminar de papéis de trabalho que serão preenchidos ou completados durante os trabalhos de campo, tais como, questionários, roteiros de entrevistas, checklists, mapas de processos, planilhas, modelos, matrizes de planejamento e de possíveis achados, matrizes de identificação de riscos e controles etc. CURSO DE GESTÃO PÚBLICA
DISCIPLINA: AUDITORIA PÚBLICA Seminario sobre o PLANEJAMENTO na Auditoria Grupo:
Fernando Carneiro
Gerlane da Silva
Monica Dantas Técnicas de Auditoria Técnica de auditoria não é o mesmo que procedimento de auditoria. Procedimentos é o detalhamento das atividades necessárias para obtenção e tratamento de informações.

Já as técnicas servem como modelos para os procedimentos, de forma que cada técnica utilizada seja escolhida de acordo com a necessidade da auditoria. Definem qual forma o auditor irá obter e processar informações com vistas a formular o escopo do trabalho na fase de planejamento e identificar evidências para o seus achados na fase de execução.

As técnicas são classificadas de acordo com o tipo de evidência que produzem. As mais comuns são: inspeção física, observação direta, exame documental, circularização, mapa de processos, entrevista, indagação escrita, conferência de cálculos, conciliação, análise de contas, revisão analítica, extração eletrônica de dados e cruzamento eletrônico de dados. 1.TÉCNICAS DE OBTENÇÃO DE EVIDÊNCIA FÍSICA
1.1.Inspeção física
Constatação da existência física de um objeto e seus atributos,
Aplicação: Objetos estáticos - técnica adequada à verificação da EXISTÊNCIA de entes físicos, tais como bens, estoques, obras, instalações de empresas, & ATRIBUTOS desses, por ex: conservação de um bem, prazo de validade, contagem de produtos, tipos de materiais utilizados em uma obra etc.
Ex.: pagamento indevido por compra ou serviço não executados.
Se um aprofundamento for necessário podem ser adotadas outras técnicas em conjunto.
1.2.Observação direta
Investiga o funcionamento do objeto auditado, utilizando-se de roteiros para registro das observações.
Aplicação: Objetos dinâmicos - A observação direta é indicada para situações dinâmicas (prestação de SERVIÇOS e EXECUÇÃO de processos, por exemplo).
2.2.Circularização
Esta técnica consiste na confirmação; Comparação de Documentos; A conferência dos valores informados pelo auditado em confronto com os fornecidos por fontes externas, investiga as possíveis discrepâncias que podem constituir achados como desvios de recursos, sobre preço, apropriações indébitas etc.

2.3.Mapa de Processo
Consiste na decomposição de um processo pela sequência de atividades que o compõem na forma de um diagrama (fluxograma), podendo evidenciar a sequência das atividades, os agentes envolvidos, os prazos e o fluxo de documentos. 2.TÉCNICAS DE OBTENÇÃO DE EVIDÊNCIA DOCUMENTAL
2.1.Exame documental
Analisa documentos relacionados ao objeto da auditoria, Ex.: processos de licitação, prestações de contas, documentos avulsos (notas fiscais, cheques), relatórios etc.
Duas verificações devem ser obrigatoriamente realizadas:
• Autenticidade; e
• As bases e a metodologia de sua elaboração, a confiabilidade das informações.
Ex.: verificar se o termo do contrato estabelece com clareza e precisão as condições para sua execução, os direitos, obrigações e responsabilidades das partes. 4.TÉCNICAS DE OBTENÇÃO DE EVIDÊNCIA ANALÍTICA
4.1.Conferência de cálculos
Verifica a correção das operações matemáticas e dos insumos utilizados nas operações.
Ex.: A análise que o TCU fez dos cálculos do preço mínimo do edital de privatização do BANESPA.
4.2.Conciliação
Analisa a movimentação de contas bancárias ou contábeis entre si, ou ocorrências que devam guardar correspondência com a movimentação.
4.3.Análise de Contas
A técnica consiste no exame das transações que geraram lançamentos em determinada conta contábil. 5.OUTRAS TÉCNICAS USADAS EM AUDITORIA
Além das técnicas básicas que acabamos de conhecer, outras técnicas também podem ser úteis no trabalho do auditor. Existem técnicas próprias da auditoria operacional, tais como matriz SWOT, pesquisa, mapa de produto, benchmarking, marco lógico, árvore de problemas e análise RECI. Essas técnicas são estudadas em curso específico do TCU. Não é possível que o auditor se especialize nas técnicas utilizadas nos mais diversos campos do conhecimento - algumas delas requerem requisitos legais para o seu exercício. Assim, o auditor deve saber os limites de sua atuação e quando é necessário recorrer a um perito. Por exemplo, o auditor pode desconfiar que uma determinada assinatura é falsa, mas ele terá necessariamente que recorrer a uma perícia para poder afirmar essa constatação. 3.TÉCNICAS DE OBTENÇÃO DE EVIDÊNCIA TESTEMUNHAL
3.1.Entrevista
A obtenção de respostas para quesitos previamente definidos. Em resumo, uma entrevista é uma sessão de perguntas e respostas para obter uma informação específica.
Deve ser sempre utilizada como suporte ou em conjunto com outras técnicas, uma vez que as respostas obtidas não constituem evidências sólidas para, isoladamente, fundamentar os achados.

3.2.Indagação Escrita
A formulação e apresentação de questões, geralmente por intermédio de um ofício, com o objetivo de obter a manifestação do respondente por escrito.
Aplicação : tem por objetivo a confirmação de lacunas constatadas por intermédio de outras técnicas de auditoria. 4.4.Revisão Analítica
Consiste na utilização de inferências lógicas ou na estruturação de raciocínio que permita chegar a determinada conclusão sobre o objeto auditado.
4.5.Extração eletrônica de dados
Consiste na solicitação ao auditado de dados sistematizados, que posteriormente serão analisados, comparando os registros com uma amostra dos casos reais.
4.6.Cruzamento eletrônico de dados
Consiste na comparação automática dos dados extraídos a partir de um campo comum parametrizado especificado pelo auditor. Geralmente, o cruzamento é feito utilizando um software específico. O planejamento
é uma etapa de expressiva
importância para o resultado que se pretende alcançar com a auditoria.
Full transcript