Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Psicologia do Desenvolvimento

No description
by

Jéssica R.M

on 26 August 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Psicologia do Desenvolvimento

A Psicologia do Desenvolvimento
Fatores que influenciam o Desenvolvimento Humano
Diversos fatores indissociados e em permanente interação afetam todos os aspectos do desenvolvimento
(hereditariedade, crescimento orgânico, maturação neurofisiológica e o meio).
Aspectos do Desenvolvimento Humano
A Teoria do Desenvolvimento Humano de Jean Piaget
Jean Piaget divide os períodos do desenvolvimento humano de acordo com o aparecimento de novas qualidades do pensamento, o que, por sua vez, interfere no desenvolvimento global.
Psicologia do Desenvolvimento?

É uma área da Psicologia que estuda o desenvolvimento do ser humano em todos os seus aspectos (físico-motor, intelectual, afetivo-emocional e social) desde o nascimento até a idade adulta.

Diversas teorias foram criadas dentro deste campo, baseadas em observações e pesquisas com grupos de indivíduos de diversas faixas etárias Dentre todas as teorias, destaca-se a do psicólogo e biólogo Jean Piaget, que serve de referência para a compreensão do desenvolvimento humano, ou seja, ajuda a responder o "por que" e "como" um indivíduo se comporta de determinada maneira, em um determinado local.
O Desenvolvimento humano
Quando falamos de desenvolvimento humano, nos referimos ao desenvolvimento mental e ao crescimento orgânico

Geralmente são estruturas que permanecem ao longo de toda a vida e garantem a continuidade do desenvolvimento. A motivação, por exemplo, está sempre presente como desencadeadora da ação.
Crescimento orgânico
Desenvolvimento Mental:
Por que estudar o Desenvolvimento Humano?
Estudar o desenvolvimento Humano significa conhecer as características comuns de uma faixa etária, permitindo-nos reconhecer individualidades, o que nos torna mais aptos para a observação e interpretação dos comportamentos.
De acordo com Piaget, em cada faixa etária existe uma forma de perceber, compreender e se comportar diante do mundo, ou seja, há uma assimilação progressiva do meio ambiente.
A criança NÃO é um adulto em miniatura
O comportamento de um indivíduo pode se alterar dependendo do conjunto de influências e estimulações ambientais.

Meio
É o que torna póssível determinado padrão de comportamento. A alfabetização das crianças, por exemplo, depende dessa maturação.
Maturação Neurofisiológica
Refere-se ao aspecto físico. O aumento da altura e a estabilização do esqueleto permitem ao indivíduo comportamentos e um domínio do mundo que antes não existiam.
Crescimento Orgânico
A carga genética estabelece o potencial do indivíduo, que pode ou não desenvolver-se.
Hereditariedade
Aspecto Social
É a maneira como o indivíduo reage diante das situações que envolvem pessoas.
Aspecto Afetivo-emocional
É o modo particular de o indivíduo integrar as suas experiências. É o sentir.
Refere-se ao crescimento orgânico, á capacidade de manipulação de objetos e de exercício do próprio corpo
Aspecto fisico-motor
É a capacidade de pensamento, raciocínio
Aspecto Intelectual
1º período: sensório motor (0 a 2 anos)
A criança conquista, através da percepção e dos movimentos, todo o universo que a cerca. Neste período fica claro que o desenvolvimento físico acelerado é suporte para o aparecimento de novas habilidades.
2º período: pré operatório (2 a 7 anos)
Aparecimento da linguagem. A interação e a comunicação, sem dúvidas são consequências mais evidentes. Além disso, o desenvolvimento do pensamento se acelera em decorrência do aparecimento da linguagem. É a fase dos famosos "porquês".
Neste mesmo período surgem ainda os sentimentos interindividuais. A criança passa a nutrir um respeito pelos indivíduos que julga superiores a ela. É um misto de amor e temor.
3º período: operações concretas (7 a 11 ou 12 anos)
4º período: operações formais (11 ou 12 anos em diante)
Início da construção lógica, isto é, a capacidade da criança estabelecer relações que permitam a coordenação de pontos de vista diferentes. O indivíduo será capaz de cooperar com os outros, de trabalhar em grupo e, ao mesmo tempo, de ter autonomia pessoal.
Ocorre a passagem do pensamento concreto para o pensamento formal. É a fase em que o adolescente se torna capaz de lidar com conceitos como liberdade, justiça, etc. A capacidade de reflexão espontânea se descola cada vez mais do real e as conclusões são tiradas através de hipóteses.

O adolescente vive conflitos. Deseja libertar-se do adulto, mas ainda depende dele. Inicia-se também um processo de isolamento, uma fase de interiorização (afasta-se da família e não aceita conselhos dos adultos).
Juventude: Projeto de Vida
Para Piaget, a personalidade começa a se formar entre os 8 e 12 anos. Aparece então a organização autônoma das regras, dos valores, assim como a afirmação da vontade.
Dentro de nossa cutura, alguns jovens postergam o periodo de transição da vida adolescente para a adulta. Isso se deve ao fato de que muitas classes sociais "protegem" a infância e a juventude, fazendo com que a dependência dos jovens com relação aos país se torne bem maior.
Lev Semenovich Vigotski
Autor soviético, Vigotski foi um dos teóricos que buscou uma alternativa dentro do materialismo dialétoco para o confito entre as concepções idealistas e mecanicista na Psicologia.

Construiu, ao lado de Luria e Leontiev, propostas teóricas inovadoras sobre temas como relação do pensamento e linguagem, natureza do processo de desenvolvimento da criança e o papel da instrução do desenvolvimento..

Vigotski não via o homem como um ser passivo. Entendia o homem como um ser ativo, que age sobre o mundo, sempre em relações sociais, e transforma essas ações para que constituam o funcionamento de um plano interno.

A Visão do Desenvolvimento Infantil
O desenvolvimento infantil é dividido em três aspectos: Instrumental, cultural e histórico
Vigotski e Piaget
Fatores como maturação, experiências físicas, transmissões sociais/culturais e equilibração, foram desenvolvidos na teoria de Piaget

Apresenta a dimensão interacionista, mas dá ênfase na interação do sujeito com o objeto.
Vigostki enfatiza o aspecto interacionista. Na medida que busca explicar o aparecimento de inovações e mudanças no desenvolvimento, apresenta-se um aspecto construtivista
Jéssica Ribeiro Mallmann
Graziele Taís Posselt

Aspecto instrumental
Aspecto cultural
Aspecto histórico
Refere-se à natureza mediadora das funções psicológicas complexas. Um objeto qualquer adquire outro sentido por sua função mediadora. Exemplo: amarrar um laço no dedo na tentativa de lembrar de algo.
Envolve os meios socialmente estruturados pelos quais a sociedade organiza os tipos de tarefa e os instrumentos para realizá-la.
Um dos instrumentos báscios criado foi a linguagem
Funda-se com o cultural pois os instrumentos que o homem usa, para dominar seu ambiente e seu próprio comportamento, foram criados e modificados ao longo de sua história.
É a evolução do homem, tanto de forma positiva como negativa.
Univates
Full transcript