Prezi

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in the manual

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

HTP - Casa-Árvore-Pessoa

No description
by Ana Sampaio on 29 November 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of HTP - Casa-Árvore-Pessoa

HTP Casa - Árvore - Pessoa Grupo - Ana Sampaio
- Gabriela Cotrim
- Laila Fagundes - Nathália Bispo
- Paula Soares
- Vitor Pitangueira O desenho é considerado uma das formas de comunicação mais antigas entre os seres humanos (Hammer, 1991; Wechsler, 2003). Contudo, foi apenas a partir do século XX que o desenho passou a ser utilizado como técnica de avaliação psicológica, para investigar habilidades cognitivas e características da personalidade humana (Bandeira, Costa & Arteche, 2008). A esses tipos de técnicas, que possuem como principal estímulo o desenho, dá-se o nome de técnicas ou testes gráficos. { HTP } O HTP foi criado por John N. Buck, em 1948, e tem como objetivo compreender aspectos da personalidade do indivíduo bem como a forma deste indivíduo interagir com as pessoas e com o ambiente. O HTP estimula a projeção de elementos da personalidade e de áreas de conflito dentro da situação terapêutica e proporciona uma compreensão dinâmica das características e do funcionamento do individuo.
(Buck, 2003) O instrumento é destinado a indivíduos maiores de oito anos e propõe a realização de três desenhos seqüenciais - uma casa, uma árvore e uma pessoa, os quais devem ser desenhados em folhas separadas, utilizando lápis e borracha. A aplicação propõe, também, que se realize um inquérito acerca de características e descrições de cada desenho realizado (Buck, 2003). Pontos negativos e positivos O HTP é uma das técnicas mais utilizadas por psicólogos brasileiros (Lago & Bandeira, 2008; Noronha, 2002) e é um dos testes mais ensinados nos cursos de formação em Psicologia (Freitas & Noronha, 2005; Noronha, Oliveira & Beraldo, 2003). A popularidade do HTP pode estar relacionada ao baixo custo e à facilidade de sua aplicação (Lago & Bandeira, 2008). Ao mesmo tempo, trata-se de uma das técnicas mais questionadas no que se refere à validade e fidedignidade (Anastasi & Urbina, 2000; Cunha, 2000).Por se tratar de uma técnica projetiva gráfica, em que aspectos pessoais são projetados sobre o estímulo do desenho, o HTP permite que o avaliador realize interpretações frente ao conteúdo trazido. Em virtude da ambiguidade dos estímulos, as respostas são determinadas pelo conteúdo idiossincrático trazido pelo indivíduo (Hammer, 1991, Machover, 1967). O HTP no Brasil Em relação à atual versão brasileira do manual do HTP (Buck, 2003), observa-se a considerável escassez de informações no que se refere aos critérios. O protocolo, por sua vez, apresenta-se como um recurso reducionista e psicopatologizante e, devido a esse fato, sugere-se seu uso, apenas, como um guia de orientação sobre os critérios relevantes a serem considerados. Do mesmo modo, é necessário destacar que o referido manual não possui dados de pesquisas realizadas no Brasil, configurando-se, apenas, como uma mera tradução do material existente. HTP descrição geral O HTP é um teste clínico que se utiliza da técnica projetiva Casa-Árvore-Pessoa (House-Tree-Person). Este teste é composto por pelo menos duas fase podendo chegar a apresentar quatro fases. Dependendo do número de fases incluidas o sujeito pode levar de 30 minutos a 1 hora e meia. HTP descrição geral Primeira fase do teste { } não-verbal, criativa e quase completamente não estruturada.
Nesta etapa o aplicador convida o sujeito a fazer um desenho a mão livre acromático, de uma casa, uma árvore e uma pessoa Materiais do teste
1 Protocolo para desenho do
H-T-P; 1 Protocolo para interpretação para cada conjunto (acromático e cromático); Protocolo de Inquérito Posterior ao Desenho; vários lápis pretos No.2 com borrachas juntamente com um conjunto de crayons (pelo menos oito cores - vermelho, laranja, amarelo, verde, azul, violeta, marrom e preto); um relógio ou cronômetro para anotar o tempo de latência e tempo total dos desenhos. HTP descrição geral Segunda fase do teste { } uma vez que o desenho acromático esteja completo é essencial dar ao indivíduo uma oportunidade de definir, descrever e interpretar cada desenho e para expressar pensamentos, idéias, sentimentos ou memórias associados. O principal objetivo, entretanto, é compreender o cliente extraindo o maior número de informações sobre o conteúdo e o contexto de cada desenho. Note: no final da seqüência sugerida na seção do Inquérito Posterior ao desenho, é pedido ao sujeito para desenhar um sol e uma linha de base nos Desenhos que não possuem esse detalhe. HTP descrição geral Terceira fase do teste { Uma vez que a sessão de desenhos e o Inquérito Posterior ao Desenho tiverem terminado, e os critérios tiverem sido corretamente analisados pelo psicólogo, chega a hora de decidir se a aplicação dos Desenhos Coloridos será realizada. } Em caso positivo, é pedido que o indivíduo retome os desenhos acromáticos, porém, desta vez, ele os retomará com os crayons.
E novamente é requerido deste sujeito uma casa, árvore e pessoa. HTP descrição geral Quarta fase do teste { } Nesta etapa se realizará a interpretação do desenho.
Esta examinará a localização, o tamanho, a orientação e a qualidade geral, bem como, os desvios nas áreas gerais apresentadas na lista de características dos desenhos. O tempo e a latência (tempo que se refere ao fim da orientação até o começo do desenho) também são considerados. Entrevista 1 Quando você se formou?
2 Você utiliza o HTP em sua prática no contexto do mundo de trabalho? Entrevista 1 Entrevista 2 ano de formatura – 1984
trabalha com o HTP Porque utiliza o HTP neste contexto? "O htp é um dos instrumentos mais usados neste contexto pela facilidade de aplicação, pela facilidade da correção e por fornecer informações mais imediatas sobre traços indesejados de personalidade ou atitudes que possam afetar o desempenho ou ambiente de trabalho". Em quais situações do mundo do trabalho você utiliza o HTP? Por quê? Em seleção – a resposta está retratada parcialmente na resposta à questão anterior. Além disto, não precisa de escolarização das pessoas para produzir respostas válidas. Pode ser aplicado a deficientes auditivos, sem maiores problemas. O htp não pode ser usado sozinho, pois se concentra mais em aspectos patológicos da personalidade do que nos adaptativos ou expressivos; para o profissional sem maior aprofundamento na interpretação do resultado, o htp apresenta dificuldades de ser interpretado em caso de manipulação dos dados pelos candidatos. Quais as desvantagens do uso do HTP em sua prática? Na minha experiência, não há uma situação no contexto do trabalho em que não se possa deixar de aplicar o htp. O HTP tem um conjunto de dados que são levantados de acordo com a versão de Buck, autorizada pelo CFP. Em um resumo breve, o teste nesta padronização, avalia aspectos da personalidade que permitem analisar a capacidade do testando para julgar com eficiência a solução de problemas mais básicos trazidos pelo ambiente; a capacidade para compreender e reagir com sucesso a aspectos mais complexos, mais abstratos e exigentes da vida; e o índice de reconhecimento, de interesse e de reação aos elementos da vida diária. Quais tipos de características psicológicas você busca mensurar no HTP? ano de formatura - 1991
trabalha com o HTP Faço uso da técnica projetiva de desenho (h-t-p), no contexto clínico com finalidade de psicodiagnóstico infantil e também no contexto de perícia psicológica de trânsito, com a finalidade de obter informações sobre aspectos da personalidade do sujeito, onde eles tendem a expressar nos seus desenhos de modo inconsciente áreas de conflito e o modo de perceber a si próprios ou como gostariam de ser e como vivenciam sua individualidade em relação ao ambiente familiar e aos outros. Por ser uma técnica projetiva e expressiva de fácil aplicação, aceitação por parte dos sujeitos e que não sucita um maior nível ansiogênico nas pessoas submetidas a ela. Em quais situações do mundo do trabalho você utiliza o HTP? Por quê? Quais são as vantagens do uso do HTP em sua prática? Quais as desvantagens do uso do HTP em sua prática? Em relação as desvantagens as crianças menores tendem a se queixar de certo cansaço ao responder o questionário. Quais tipos de características psicológicas você busca mensurar no HTP? Em relação aos resultados obtidos podem evidenciar indicadores clínicos de sinais de psicopatologias e de desajustes, onde os conflitos profundos são mostrados mais prontamente. Monto a bateria de testes com a especificidade de cada caso, não existindo o caso de nunca deixar de usar o HTP. Em que tipos de situações você não pode deixar de usar o htp? Em que tipos de situações você não pode deixar de usar o htp? Referências Bibliográficas BANDEIRA, D. R., COSTA, A., & ARTECHE, A. (2008). Estudo de validade do DFH como medida de desenvolvimento infantil. Psicologia, Reflexão e Crítica.
BORSA, J. C. CONSIDERAÇÕES SOBRE O USO DO TESTE DA CASA-ÁRVORE-PESSOA - HTP. Aval. psicol.[online]. 2010.
BUCK J. N. (2003). H-T-P: Casa – Árvore – Pessoa. Técnica Projetiva de Desenho: Manual e Guia de Interpretação. (1ª ed.). São Paulo: Vetor.
FORMIGA, N. S.; MELLO, I. Testes psicológicos e técnicas projetivas: uma integração para um desenvolvimento da interação interpretativa indivíduo-psicólogo. Psicol. cienc. prof. [online]. 2000. Quais são as vantagens do
uso do HTP em sua prática? Assim como foi respondida na questão 2 e 3, as vantagens
no uso do HTP é devido a facilidade de aplicação, de correção
e por fornecer dados imediatos.
See the full transcript