Prezi

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in the manual

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Apresentação de História - Inquisição no Brasil Colônia

No description
by Ivan Pistelli on 13 March 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Apresentação de História - Inquisição no Brasil Colônia

Brasil Colônia Inquisição no Pesquisador investiga a atuação do Santo Ofício no Brasil Colônia: a perseguição e conversão forçada de judeus e a condenação de 19 brasileiros à morte. Eram várias instituições dedicadas à supressão da heresia ou qualquer prática secreta de outras religiões. Quando o termo 'Inquisição' é citado, a primeira imagem que surge é a de Torquemada comandando implacáveis julgamentos no Tribunal de Santo Ofício, na Espanha. Porém pouco é citado sobre as ações da Inquisição Portuguesa no Brasil Colônia. Tomás de Torquemada, Inquisidor-geral Introdução - Aqui, os 19 brasileiros receberam pena de morte na fogueira, por heresia e criptojudaísmo (prática secreta da religião).

- O professor Angelo Assis investiga o papel da Inquisição no Brasil, a sempre tensa relação entre judeus e cristãos, a conversão forçada dos cristãos-novos.

- Ana Rodrigues, matriarca de 80 anos que morreu em Lisboa à espera do julgamento no Tribunal do Santo Ofício. Mesmo depois de morta, é condenada e tem os ossos desenterrados e queimados. Um castigo para ser gravado na memória de todos, tal qual desejavam os inquisidores. O que aconteceu com a matriarca de 80 anos mostra:
- mesmo após a morte, havia uma pena ao ato de heresia.
- rigidez imposta pelo Tribunal de Santo Ofício, que ficará gravado na memória de todos. Inquisição Ação do Tribunal de Santo Ofício
- segue a Inquisição Moderna Fim do séc. XV (1478)
Espanha Tribunais de Santo Ofício (Portugal)
- instalados no séc. XVI, em 1536 Durante este período ocorrem as
Reformas Protestantes:
- clima de instabilidade na Igreja Católica;
- questionamento de dogmas;
- perdas de fiéis; Espanha Portugal - perseguição concentrada na procura
das bruxas e mulheres com ligação com o demônio. - foco nos cristãos-novos Judeus convertidos ao catolicismo
(muitas vezes contra sua vontade) 1492 judeus são expulsos da Espanha Fernando II de Aragão de Isabel de Castela (chamados Reis Católicos) unificam a Espanha:
- catolicismo: elemento basiliar da unificação Decreto de Alhambra:
- prazo de quatro meses para que todos que não sejam católicos deixem a Espanha Portugal:
- histórico de tolerância religosa;
- 1milhão de habitantes (15% judeus);
- mudança de política. Dom Manuel (Rei de Portugal) firma acordo nupcial para desposar a infanta Isabel, filha dos Reis Católicos da Espanha. expulsão dos judeus em Portugal:
prazo de dez meses para que deixem o reino monarca portugues dá estímulos por meio de decretos para a conversão de judeus para o catolicismo:
- oferecimento de cargos públicos, isenção de alguns impostos e garantia ao direito de herança ao cristão-novo. Torturas psicológicas retirada das crianças das famílias judias
para adoção aos casais católicos muitos casos são registrados com mães que preferiam dar o 'abraço mortal': mãe sufoca o filho para evitar sua perda. Outubro de 1497: Rei de Portugal, Dom Manuel, declara a proibição da prática de judaísmo. Mesmo com a proibição, os judeus criam mecanismos e continuam judaizando dentro de casa, mas fora, são católicos Dom Manuel sabe de seus mecanismos:
- 1497: proibição de todo e qualquer tipo de perseguição religiosa por 20 anos. - Brasil não havia Tribunal de Santo Ofício Inquisição se fazia presente pelas chamadas 'visitações':
Os 'visitadores' eram religiosos ligados ao tribunal de Lisboa:
- percorriam o Brasil ouvindo denuncias de heresia e formulando acusações;
- cerca de 80% das denuncias eram contra os cristãos-novos. Migração de Judeus ao Brasil:
- busca de prosperidade;
- fuga do preconceito. A partir de 1536:
- Inquisição Portuguesa procura judeus ocultos, cristãos-novos adeptos ao criptojudaísmo
- Instalação de 3 Tribunais de Santo Ofício: em Coimbra, Évora e Lisboa. responsável pelas colônias portuguesas Início dos trabalhos da Inquisição em Portugal (1536) coincide com a colonização do Brasil (1532).


Cristãos-bons: papel importante na colônia:
- muitos passaram de comerciantes de açúcar para senhores de engenho no Nordeste;
- possuiam peso econômico;
- muitos pertenciam a famílias que possuiam grandes redes de negócios pelo mundo.
- havia indícios de tortura, perseguições e execuções;
- adotava parâmetros para checar as denúncias, como verificar se há interesse ou disputas comerciais. Caso alguém cometa o ato, a punição é a mesma que a de um herege.
- muitos elementos usados hoje pelo direito penal surgiram com a Inquisição, como o advogado de defesa e a garantia de sigilo do denunciante. Inquisição Visitações da Inquisição no Brasil A primeira delas ocorreram nas capitanias de Pernambuco, Paraíba, Bahia e Itamaracá, durante os anos de 1591 e 1595.

Cinco linhas de denuncias:
- prática de criptojudaísmo pelos cristãos-novos;
- mulheres acusadas de cometer bruxaria;
- homem cujo comportamento sexual não estava de acordo com os princípios do casamento monogâmico;
- relações homosexuais;
- práticas cristãs equivocadas. Segunda visitação (1619 - 1621) Ocorreu em Salvador e Recôncavo Baiano.
Principais alvos: cristãos-novos período da União Ibérica;
Portugal já havia eliminado a distinção legal de cristão-novo e cristão-velho. - pouca investigação na prática de criptojudaísmo;
- muita investigação na prática de bruxarias e de cristãs heterodoxas Contrário aos princípios de uma religião. Gerações posteriores dos cristãos novos se afastaram do judaísmo tradicional:

- não há rabinos, sinagogas e padronização do culto;
- ensinamentos são passados pelas mulheres, que assumem o comando da casa. se estabelece um sincretismo Sistema filosófico ou religioso que combinava os princípios de diversas doutrinas O cristão novo vai para a Igreja no domingo mas celebra o sabado judeu na sexta de noite. Ana Rodrigues Foi acusada de praticar judaísmo e foi denunciada pelos próprios parentes durante a visitação de 1591.

Sua idade avançada, 80 anos, e uma suposta demência, serviram de desculpas para Ana judaizar. Ela foi enviada para o Tribunal de Santo Ofício em Lisboa. Morre dois meses depois de chegar em Lisboa.

O processo dura dez anos, e é condenada culpada, apesar de morta. Apesar disso, foi desenterrada e seus ossos foram queimados.

Manda-se fazer um quadro de Ana cercada de demônios, queimando no inferno. Este retrato é enviado para o Brasil e afixado na Igreja que havia sido construída nas terras de sua família. Pouco destaque do papel dos cristãos-novos na formação da sociedade brasileira Após a independência do Brasil, consolida-se a ideia de que a história deva ser contada a partir da união de três raças: branco europeu, negro africano e o índio. O judeu e, em particular, o cristão novo, são excluídos.

A contribuição do cristão novo na formação da cultura e na sociedade brasileira é imensa.

A tolerância religiosa e o sincretismo são dois legados que este grupo deixou. Ivan Pistelli nº 17
Fellipe Zat nº8
See the full transcript