Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Aula de Filosofia - Cultura: o Cosmo Humano

No description
by

Gabriela Dias

on 16 June 2015

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Aula de Filosofia - Cultura: o Cosmo Humano

Cultura:
o Cosmo Humano

SER HUMANO
Entre dois mundos
" Qual o lugar do homem no Universo?"
Os animais e o homem
O ser humano pode ajusta-se a um número maior do que qualquer outra criatura, multiplicar-se infinitamente mais depressa do que qualquer mamífero superior, e derrota o urso polar, a lebre, o gavião e o tigre, em seus recursos especiais.
Natureza e instintos
O comportamento de grande parte dos animais é basicamente determinado por reflexos e instintos vinculados a estruturas biológicas hereditárias.
A sintese natureza-cultura
O homem aprende e inventa, percebe, interpreta e comunica o que percebeu e assim transforma a si mesmo e o que está ao seu redor. Essa característica da mente humana estar ligada ao sistema nervoso central, ao cerébro.
O que é o ser humano?
"O que é o Universo para o ser humano?"
O que torna o ser humano diferente e singular?
A compensação que o homem tem pelos seus dotes corporais pobres é o cérebro...
Na maioria dos mamíferos, mamar é um ato instintivos.
O ser humano tem, individualmente e como espécie, a capacidade de romper com boa parte do seu passado, questionar o presente e criar a novidade futura.
Graças ao desenvolvimento do seu psiquismo, o homem tornou-se um ser biológico e cultural.
Através da cultura o ser humano criou um "mundo novo" em contraponto ao cenário natural.
... dentro da biosfera os humanos foram construindo a antroposfera, a qual constitui o cosmo humano.
A relação do homem com a natureza
No passado remoto da humanidade, a natureza era sentida como uma potência superior.
"fenômenos sagrados"
Vistos como recompensa ou punição divina.
Era uma natureza encantada.
"Desencantamento" do mundo
Por meio do conhecimento racional, o homem foi se despreendendo dos elos míticos, sobrenaturais.
A natureza foi perdendo o seu caráter sagrado e passou a ser estudada e manipulada.
É a época das revoluções burguesas e da revolução industrial
Questão ecológica
Crítica ao antropocentrismo
"Somente o homem pode, entre outras coisas, julgar o que lhe convém e, dessa forma, contribuir na reorientação da vida social, a fim de assegurar uma relação mais harmoniosa com a natureza."
O ponto de transição
Onde acaba, no ser humano, a natureza e começa a cultura?
Em que ponto, em que momento, com que fato ocorreu essa transição ou essa síntese?
O tema é polêmico...
Linguagem e comunicação
Alguns estudiosos entendem que o fator determinante da transição natureza-cultura é a linguagem.

Trata-se de uma corrente que entende o ser humano fundamentalmente como um ser linguístico.
Antes da invenção do alfabeto
Eram os poetas que se encarregavam da educação na Grécia antiga... Assim, os jovens aprendiam com esses personagens o que era piedade, amor, traição etc.
A linguagem estava estreitamente ligada a ação. Podemos dizer que o falar, o pronunciar certas palavras, tinha o poder de promover determinadas coisas.
Por volta de 700 a.C., surgiu o alfabeto, teve início uma transformação cujas consequências se observam até os dias atuais.
O relato oral foi perdendo a relevância exclusiva de antes.
Os poetas, declamadores e oradores foram sendo substituídos pelos filósofos, preceptores e professores na tarefa de educar a juventude.
A partir do século XV, com a impressa de Gutenberg, ocorreu uma nova revolução.
Os livros, antes manuscritos, passaram a ser impressos.
Desenvolvimento da linguagem eletrônica
Telégrafo
Gramafones
Fax
Telex
Fotocopiadoras
A Sociedade da Informação e do Conhecimento.
Oportunidade , ameaças e desafios?
O desafio dos novos tempos é ser capaz de selecionar a informação e refletir sobre seu significado.
Cultura como construção humana
Processo que caracteriza o ser humano como ser de mutação, de projeto, que se faz à medida que à medida que transcende,que ultrapassa a própria experiência.
Capacidade de produzir sua própria história e de se tornar sujeito de sus atos.
Na biologia; na linguagem cotidiana; na Grécia Antiga - paidéia, processo pelo qual o homem desenvolve a filosofia (o conhecimento de si e do mundo) e a conciência da vida em comunidade
Cultura
Resposta oferecida pelos grupos humanos ao desafio da existência. Resposta que se manisfesta em termos de conhecimento (logos), paixão (pathos) e comportamento (ethos). Isto é, em termos de razão, sentimento e ação.
Característica gerais da cultura
adquirida pela aprendizagem, e não herdada pelos instintos;
transmitida de geração a geração, através da linguagem, nas diferentes sociedades;
criação exclusiva dos seres humanos, incluindo a produção material e não-material;
múltipla e variável, no tempo e no espaço, de sociedade para sociedade.
Cultura e cotidiano
"Toda pessoa vive sob
a influência de diversas
culturas, pois participa de
distintoa grupos sociais."

Cada universo cultural de que uma pessoa participa influi de forma específica em sua maneira de pensar, sentir e agir, em sua forma de ser no dia-a-dia.
A presença invisível da cultura
Em geral, vivemos dentro de nossa cultura num fluir contínuo, como se nosso modo de ser fosse igual para todas as pessoas.
Qual o problema dessa invisibilidade?
Os integrantes de uma cultura compartilham a mesma maneira de ver e viver as coisas, comumente acreditam que essa visão compartilhada é uma realidade única e verdadeira.
" A filosofia pode ser um bom apoio nesse processo de transformação cultural, pois filosofar é promover um reflexão profunda sobre a natureza e o ser humano, analizando o que fazemos, sentimos, pensamos e manifestamos. Aprender a filosofar contribui para a compreensão do mundo e nos impulsiona a desempenhar um papel mais consciente e ativo dentro dele."
Full transcript