Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Aula 2 - Necessidades Humanas

Aula da disciplina de Desenvolvimento de Pessoas, do curso de Eletrotécnica do Instituto Federal de Educação e Tecnologia - IF - Sertão
by

Alan Lima

on 2 September 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Aula 2 - Necessidades Humanas

Desenvolvimento de Pessoas
Aula II - Necessidades
Humanas
Conceituando....
Impactos da Necessidade,
para as Organizações
Principais
Terorias e
Visoes
Uma necessidade é, por definição, um estado de carência que é preciso ultrapassar ou satisfazer.
O conceito de necessidade assume primordial importância em todas as ciências ditas sociais e humanas.


De fato, dado que as necessidades humanas apresentam uma grande multiplicidade e são infinitas e que, por outro lado, existe escassez de recursos necessários para as satisfazer, coloca-se um problema, o qual constitui o chamado "problema economico".
Caracteristicas
das necessidades

. Substituibilidade:
esta característica significa que a mesma necessidade pode ser satisfeita por diferentes bens, isto é, por bens substitutos.
O conceito de necessidade está diretamente
relacionado com o conceito de utilidade.
Sem a existência da necessidade não existiria
utilidade e a utilidade é tanto maior quanto maior for a necessidade.
Necessidade designa em
psicologia um estado interno de
insatisfação causado pela falta
de algum bem necessário ao bem-estar.
Henry Murray (1938) classificou as necessidades em
- necessidades primárias ou viscerogênicas, que são as necessidades de natureza biológica (fome, sede, sono),
Segundo a PSC, temos:

Necessidades ligadas à ambição:
Desempenho
Reconhecimento
Exibição
Necessidades relacionadas a objetos inanimados:
Aquisição
Ordem
Retenção
Construção
Necessidades ligadas à defesa do próprio status :
Evitação de mostrar as próprias fraquezas
Defesa
Reação a ameaças
Nacessidades ligadas ao poder humano:
Dominância
Deferência
Autonomia
Contrariação a outras opiniões, ETC
É o conceito mais básico e inerente ao marketing. Trata-se de um estado de privação do indivíduo, que inclui as necessidades físicas básicas, sociais e individuais de conhecimento e auto-realização. E que move o individuo ao consumo
Quanto à sua importância

primárias

secundárias

terciárias
Quanto ao seu custo

economicas

não economicas
Quanto ao fato de vivermos em colectividade

individuais

coletivas
Classificação
das necessiades

Influência o consumo de produtos/serviços
Influência o desempenho do trabalho
O ato de consumir tem consequencias
- Sociais
- Politicas
- Economicas
- Ecologicas
Psicologia
A Hierarquia de
Necessidades de Maslow
Por exemplo, se você sente fome e sede, a tendência é tentar resolver a sede primeiro. Afinal, você pode ficar sem comida por semanas, mas apenas sobreviverá por alguns dias se não beber água. Por isso, a sede é uma necessidade “mais forte” que a fome. Do mesmo modo, se você está com muita sede e alguém impede você de respirar, o que é mais importante? A necessidade de respirar, é claro.
As necessidades básicas

1. As necessidades fisiológicas. Essas incluem as necessidades que temos de oxigênio, água, proteínas, minerais e vitaminas. Além disso, há necessidade de ter atividades, de descansar, dormir, de evitar dor.
Olhando pelo lado negativo, você vai passar a se preocupar não mais com sua fome e sua sede, mas com seus medos e ansiedades. Esse grupo de necessidades se manifesta no desejo de ter um lar seguro, um emprego, um plano de saúde, um plano de aposentadoria, e assim por diante.
2. As necessidades de segurança e estabilidade.
Quando as necessidades fisiológicas são resolvidas de um modo geral, o segundo nível de necessidades entra em jogo. Você se tornará gradualmente mais interessado em encontrar circunstâncias seguras, de estabilidade e proteção. Você vai desenvolver a necessidade de ter uma estrutura, alguma ordem e alguns limites.



No nosso dia-a-dia, expressamos essas necessidades em nossos desejos de casar, ter uma família, ser parte de uma comunidade, membro de uma religião, torcedor de um time, etc. Isso também é parte do que procuramos quando escolhemos uma profissão.





A falta de satisfação dessas necessidades são o que geram a baixa auto-estima e os complexos de inferioridade. Maslow percebeu que Adler tinha encontrado algo importante quando propôs que essas eram as raízes de muitos, senão da maioria, de nossos problemas psicológicos.
Esta importância das necessidades para as ciências sociais e humanas reside no fato de ser as necessidades que levam à ação do indivíduo e a sua satisfação é geralmente um fator de motivação.
.
.
Em termos economicos, são geralmente
atribuídastrês categorias de
. Multiplicidade:
existem inúmeros tipos de necessidades, as quais são virtualmente ilimitadas, o que significa que, por mais necessidades que um indivíduo tenha satisfeito, surgem sempre novas necessidades para satisfazer.
. Saciabilidade:
a saciabilidade significa que a intensidade com que uma determinada necessidade é sentida diminui à medida que é satisfeita, acabando por desaparecer por completo; é daqui que surge a base teórica para a "lei das utilidades marginais decrescentes".
características
às necessidades,
relacionada
com o consumo
e necessidades secundárias ou psicogênicas, que são necessidades que derivam de uma necessidade primária ou são inerentes à estrutura psíquica humana.
O ato de tentar suprir uma necessidade leva a pessoa a executar um determinado comportamento.

A intensidade de uma necessidade determina a intensidade do comportamento a que ela está ligada: quanto mais intensa a necessidade, mais intensa a ação.
MKT
Economia
Da mesma forma, também na ciência economica a questão das necessidades assume uma posição de relevo.
Segundo Murray as necessidades não se manifestam isoladas, mas se relacionam entre si.
Muitas vezes duas ou mais necessidades se fundem, refletindo-se em um só e mesmo comportamento - por exemplo conhecer novas pessoas pode estar a serviço tanto da necessidade de afiliação como da de reconhecimento.
Uma das muitas coisas interessantes que Maslow descobriu quando pesquisava o comportamento de macacos, é que algumas necessidades têm mais prioridade que outras.
Maslow aproveitou essa idéia e criou sua famosa Hierarquia de Necessidades. Ele definiu cinco níveis de necessidades:
As necessidades fisiológicas (onde se localizam as necessidades de ar, água, comida e sexo que mencionamos);




as necessidades de
segurança e estabilidade;
Necessidade de amor
e Pertencimento
Necessidade
de auto-estima.
Necessidade de
auto-realização
3. As necessidades de amor e pertencimento.

Quando se consegue suprir, de modo geral, as necessidade fisiológicas e de segurança, surge um terceiro nível.


Você começa a sentir necessidade de ter amigos, um namorado ou namorada, filhos, bons relacionamentos em geral, e mesmo um senso de comunidade. Olhando pelo lado negativo, você se torna gradualmente mais sensível à solidão e às ansiedades sociais.
4. As necessidades de estima.
Em seguida, começamos a desejar um pouco de auto-estima. Maslow percebeu duas versões das necessidades de estima: uma inferior e uma superior.
A inferior é o desejo de ter o respeito dos outros, a necessidade de status, fama, glória, reconhecimento, atenção, reputação, apreciação, dignidade e mesmo dominância.
A versão superior envolve a necessidade de auto-respeito, incluindo sentimentos como confiança, competência, capacidade de realização, mestria, independência e liberdade. Note que essa é uma forma “superior” porque, diferente do respeito que os outros têm por você, uma vez que você tenha auto-respeito, este é muito mais difícil de perder.
Full transcript