The Internet belongs to everyone. Let’s keep it that way.

Protect Net Neutrality
Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Fome

Saúde e Segurança do Trabalho
by

Vladimir Belinski

on 22 June 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Fome

A questão da fome em nível e global e no Brasil A questão da fome em nível global e no Brasil Conceito Fome:
Carência de alimentos
Períodos prolongados
Falta de energia
Desconforto e dor Causas Pobreza;
Naturais;
Reforma agrária precária;
Má administração dos recursos naturais;
Conflitos Políticos e Civis;
Políticas econômicas mal planejadas;
Superpopulação;
Guerras;
Desigualdades sociais; Brasil Pobreza- Fatores básicos. Educação e saúde.

Fome- Energia e atividades. Guerra.

Desnutrição- Sinais clínicos. Brasil Pobreza: medida pela insuficiência de renda= Nordeste e regiões rurais.

Desnutrição: retardo do crescimento infantil= Norte e Nordeste- índices semelhantes a países pobres da África e América Latina.

Fome: reservas energéticas da população adulta= rural do Nordeste. Fome Zero Uma antiga polêmica brasileira: Qual a verdadeira dimensão da fome e da desnutrição no país e, mais importante, quais medidas seriam as mais eficazes para lutar contra esses problemas?

A desnutrição ou, mais corretamente, as deficiências nutricionais – porque são várias as modalidades de desnutrição – são doenças que decorrem do aporte alimentar insuficiente em energia e nutrientes ou, ainda, com alguma frequência, do inadequado aproveitamento biológico dos alimentos ingeridos,causados por doenças.

A fome é certamente o problema cuja definição se mostra mais controversa. Haveria inicialmente que se distinguir a fome aguda, momentânea, da fome crônica. A fome aguda equivale à urgência de se alimentar, a um grande apetite. SENAI- Serviço Nacional de Aprendizagem Industrial
Unidade Curricular: Saúde e Segurança do Trabalho
Professora: Juliane Patricia de Freitas
Alunos: Vladimir, Jozieli, Suzana, Ana Pompeo, Ana Cláudia e Douglas.
Turma: Info V2 A fome crônica, permanente, ocorre quando a alimentação diária, habitual, não propicia ao indivíduo energia suficiente para a manutenção do seu organismo e para o desempenho de suas atividades cotidianas. Nesse sentido, a fome crônica resulta em uma das modalidades de desnutrição: a deficiência energética crônica.

A diferenciação entre fome, desnutrição e pobreza ficará mais claro com um exemplo. Um indivíduo pode ser pobre sem ser afetado pelo problema da fome, bastando que sua condição de pobreza se expresse por carências básicas outras que não a alimentação. Atualmente, a fome atinge cerca de 1 bilhão de pessoas em todo o mundo, por consequência da crise econômica. E calcula-se que 815 milhões dessas pessoas sejam vítimas crônicas ou graves de subnutrição, sendo que a maior parte delas são mulheres e crianças.
Esta crise econômica ocorreu devido ao alto índice de desemprego de milhões de pessoas no mundo todo, além de muitas terem seu salários reduzidos, o que também agravou a situação. Outros fatores que também contribuíram para o agravamento da fome foi a alta nos preços dos alimentos básicos e a desaceleração da economia mundial que vieram em consequência da crise.

“De acordo com a FAO, no mundo há 1,017 bilhão de famintos, dos quais 642 milhões são da Ásia e do Pacífico, 265 milhões da África, 42 milhões da América Latina e Caribe e 15 milhões dos países desenvolvidos. “ A fome no mundo No Brasil estão sendo realizados programas de distribuição de renda, como o bolsa família. Para receber o auxílio é necessário ter filhos matriculados em escolas e manter as vacinas em dia. A merenda escolar ajuda a combater uma parte da desnutrição infantil.
As vacinas ajudam na prevenção de várias doenças, como tuberculose, hepatite B, coqueluche, meningite, paralisia infantil, diarreia por Rotavírus, difteria, tétano, sarampo, rubéola, caxumba e febre amarela.
O tema “Ações de Combate à Fome” fixou-se na agenda internacional em tempos mais recentes se comparado a outros temas sociais voltados ao bem estar dos povos em todo o mundo.
Neste contexto, o Brasil está assumindo um papel cada vez mais importante em relação às ações de combate à fome, tanto em âmbito nacional como internacional. Como isso está sendo tratado no Brasil? http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2006-02-10/perfil-de-beneficiados-pelo-fome-zero-e-descrito-em-estudo-do-banco-do-nordeste

http://www.infoescola.com/sociologia/fome

http://agenciabrasil.ebc.com.br/noticia/2006-02-10/perfil-de-beneficiados-pelo-fome-zero-e-descrito-em-estudo-do-banco-do-nordeste

http://noticias.r7.com/internacional/noticias/mais-de-1-bilhao-de-pessoas-passam-fome-no-mundo-20100429.html

http://confrontos.no.sapo.pt/page4.html Referências Medidas Antipobreza: elevação do salário mínimo, programa de renda mínima, subsídios ao consumo. Antifome: ditribuição de alimentos. Combate à desnutrição: diagnóstico e acompanhamento médico, suplementação alimentar seletiva, prevenção e tratamento de doenças infecciosas. Análise: tecido adiposo, energia gasta, IMC. Qualidade e quantidade, desmames, infecções.
Full transcript