Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Cultura estrangeira Marrocos

Inglês
by

camila buss

on 2 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Cultura estrangeira Marrocos

Budapest San
Francisco Bruno
Camila
Fernanda
Jéssica
Paulo Marrocos Árgélia Espanha Mauritânia Mali Líbia Egito Nigéria Geography Internal Politics Economy Culture Dance Food Curiosities Tourist attraction MARROCOS Objeto de várias batalhas;
Invasão árabe:religião islâmica;
Século XV: europeus disputam o país;
Independência: 1956 Espanha e a França reconhecem e em 1957, o sultão Muhammad V autoproclamou-se rei;
Atualmente: é governado por uma monarquia constitucional (supremacia do rei). History Usam-se muitas especiarias na cozinha como canela, cominhos, gengibre, alho e pimenta. Tajine – ensopado cozinhado e servido numa travessa feita de barro e normalmente inclui legumes e algum fruto ou citrino. Couscous – é parecido com o Tajine, mas em vez de ensopado vem com couscous, um preparado como arroz fino feito à base de cereais; Pastilla – é um gênero de empadão feito à base de massa de arroz e com recheio de frango, carne picada, atum, marisco e depois envolto numa massa fina folhada. Drinks Chá de menta chá verde com folhas de hortelã e, normalmente, muito açúcar; Sumo de laranja natural está sempre presente nos almoços ou ao longo do dia em cafés ou bancas de rua. Marraquexe é a mais importante cidade imperial do país, possui o maior mercado tradicional e também tem uma das mais movimentadas praças da África. Ait Benhaddou é uma aldeia fortificada a 30km de Ouarzazate.
Dez famílias ainda vivem dentro no ksar preservando os seus costumes. Foi listada como Patrimônio Mundial pela UNESCO em 1987. Local maravilhoso no Deserto de Saara marroquino. As Dunas de Erg Chebbi são também conhecidas por Dunas de Merzouga. Dança do ventre- dança específica do país é praticada em festas como divertimento da casa;
As mulheres devem usar saias longas, caso contrário, se a saia tiver com menos de 20 cm pode até dar cadeia é também comum a presença de véus de seda. A capital Rabat tem uma população de 1 618 700 habitantes, censo obtido em 2004;
Caracteriza-se por ser um país montanhoso, destacando-se duas cadeias o Rife que tem como ponto mais alto o monte Jbel Tidirhine com 2 456 m; e a Cordilheira do Atlas, cujo ponto mais alto é o monte Jbel Toubkal (4 165 m).
A leste, situa-se a bacia do Muluya, uma região de terras baixas, semiárida, criada pela erosão.
Mais a leste e a sudeste, encontram-se os altos planaltos, com cerca de 1000 metros de altitude e no sul há as terras áridas do Saara. Especificidades
Capital: Rabat;
Língua oficial: Árabe, Berbere;
Governo: Monarquia constitucional;
Área : 446 550 km² ;
Fronteira: Argélia, Saara Ocidental e Espanha;
População: 33 757 175 hab. ;
PIB (2006): US$ 152 200 milhões ;
Moeda: Dirham;
Clima: Mediterrânico e desértico. Refeições marroquinas
Membro mais jovem da família (sempre uma mulher) traz uma bacia de metal com sabão para se lavar as mãos antes de comer;
Os marroquinos têm o costume de beber chá verde com hortelã e açúcar antes e depois das refeições,
No fim das refeições, agradecem dizendo all hamdu Lillah, que quer dizer: "graças a Deus" e repetem o ritual de lavar as mãos. A aliança que patrocinou a independência manteve-se no poder até 1958, até que o partido dividiu-se em duas facções.
A esquerda tornando-se importante força de oposição ao Governo conservador, que estava no poder.
Em 1961, com a morte do Rei Mohammed V, subiu ao trono seu filho, Moulay Hassan, que passou a governar com o nome de Hassan II. Foreign Politics Relações internacionais: bom entendimento com Israel e com os Estados Unidos, exceto no que diz respeito às diferenças quanto ao Oriente Médio;
O país vem ampliando sua atuação no comércio externo com a intensificação das relações com a América Latina e o Extremo Oriente, especialmente com a China e Coreia do Sul. Islamismo predomina na região e os preceitos são seguidos rigidamente na sociedade;
Apesar do islamismo ser a religião oficial do país, os estrangeiros podem praticar livremente sua fé. Entretanto não podem entrar nas mesquitas;
Os cidadãos dependem quase exclusivamente do que é dito pelo Islamismo.
O islamismo interfere na legislação marroquina.
Se algum marroquino for pego tomando uma lata de cerveja na rua, está sujeito a ficar dois dias na prisão, sendo que isso ocorre em qualquer pais onde o Islã predomina, o homossexualismo é visto como um crime, e o sujeito pode pegar 5 anos de prisão se você for pego falando mal do Rei ou do governo dele. Religion Preceitos do Alcorão que oprimem e insultam as mulheres:
Os maridos estão um grau acima de suas esposas;
O testemunho de uma mulher vale metade do testemunho de um homem;
Um homem pode ser ter até quatro esposas;
Um polígame muçulmano pode simplesmente se livrar de suas esposas indesejáveis;
Maridos podem bater em suas esposas se os maridos temerem que suas esposas estejam desobedientes (independente de se elas realmente forem desobedientes). Baseia-se na agricultura, turismo, nos serviços, na indústria transformadora e na exploração mineral;
A terra arável proporciona produções de trigo, milho, cevada,arroz citrinos, entre outras;
Principais parceiros comerciais: Portugal,França, Espanha, Estados Unidos e Alemanha. Music É predominantemente árabe, mas Andaluz importadas e outras influências tiveram um efeito importante sobre o caráter musical do país.
Rock- influenciado por bandas chaabi (versão argelina da popular música árabe ) são generalizados, como é música trance com origens históricas na música muçulmana. Os muçulmanos são proibidos de ouvir musicas seculares. Politic O Marrocos é governado por uma monarquia constitucional, a qual promove uma certa abertura democrática, pois o parlamento é eleito inteiramente pelo voto popular, contudo o Rei ainda tem supremacia. Jardins da Menara é um parque e conjunto de hortas no centro de Marrocos. O nome menara deriva do pavilhão com telhado verde piramidal existente nos jardins (menzeh). Mesquita Hassan- é uma grande mesquita da cidade de Boulevard e é o mais alto templo do mundo e o segundo maior (depois da mesquita de Meca).
É uma das poucas mesquitas do mundo muçulmano que permite a visita a turistas não muçulmanos. Cordilheira do Atlas é uma cadeia de montanhas que se estende por 2400 km através de Marrocos, da Argélia e da Tunísia.
O pico mais alto é o Jbel Toubkal, com 4167 m, localizado no sul de Marrocos. A Torre Hassan é o minarete de grandes dimensões construído no século XII.
A mesquita pretendia ser a maior do mundo, mas a sua construção foi abandonada em 1199. A universidade mais antiga do mundo é a Karueein, no Marrocos, fundada em 859 d.C.
É difícil encontrar quem crie cães no pais para o Islamismo é um animal impuro.
Existe uma única igreja católica em Marrakesh que foi construída bem em frente a uma mesquita.
Nas casas o tamanho da porta demonstra o espaço e a riqueza da família. No interior de grandes portas existem palácios exuberantes, inexistentes para os turistas.
Homens andam de mãos dadas e se beijam como cumprimento e teoricamente não são Gays.
Os mendigos pedem esmola em vários idiomas.
A cidade de Fez foi cenário da novela O Clone, exibida pela Globo no Brasil entre 2001 e 2002;
Não há locais que vendam bebida alcoólica.
Metade dos habitantes do país tem idade inferior a 15 anos;
Menos de um terço é alfabetizado;
70% dos marroquinos são de etnia árabe, enquanto o restante da população é composto de bérberes e pequenas minorias europeias.
Full transcript