Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Pioneiros do Design Gráfico Brasileiro

Pioneiros do Design Gráfico Brasileiro
by

Sabrina Del Bianco

on 25 August 2009

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Pioneiros do Design Gráfico Brasileiro

Pioneiros do Design Gráfico Brasileiro Esdi
10 de julho de 1963 Contexto histórico
Alexandre Wollner - Indutrialização Nacional 1929 / 1940
- Inglaterra e Estados Unidos
- processo não organizado
- capital estrangeiro / importação
- governo JK 50 - 5
- Governo Lacerda - 1947 Museu de Arte de São Paulo (MASP)
- Chateaubriand / Pietro Maria Bardi / Lina Bo Bardi
- 1968 inaugura o novo prédio
- 1951 Instituto de Arte Contemporânea IAC do Masp
Ministraram aulas no IAC profissionais que eram expoentes em suas areas
- Roberto Sambonet- Lasar Segall- Roger Bastide - Max Bill Max Bill convidou para estudar em Ulm de 1954 a 58.

- Almir Mavigner
- Mary Vieira
- Geraldo de Barros / Alexandre Wollner 1962 - Disciplina de Design na FAU-USP
- João Batista Vilanova Artigas
- 14 anos para implantação - 1 ano - senai
- 2 ano - faculdade de medicina
- 3 ano - metodologia de projeto
- 4 ano - projeto completo de objeto 1948 museu de Arte Moderna do Rio de Janeiro

Um grupo de empresários e membros da alta burguesia do Rio de janeiro alguns com cargos politicos liderados por Raymundo Ottoni e Castro Maya.
Os artistas não tiveram participação significativa na criação do MAM.
1953 Max Bill juri da II bienal

- projeto do MAM
- incentivo a montar a escola com os parametros de Ulm


...ter encontrado no Brasil um carater particular, uma simbiose perfeita de ideologias que favoreciam a identificação da escola de Ulm com o Rio de Janeiro: positivismo (JK, ordem e progresso ) e o mistico cultural bem enrraizado e a presença da arte concreta questionando os valores acadêmicos em particular da tradicional Escola de Belas Artes. Recife O Gráfico Amador (1954 / 1961)
- Aloísio Magalhães- Gastão de Holanda - José Laurênio de Melo - Orlando Costa Ferreira - Lamartine Oberg / IBA
- Flexa Ribeiro Secretário de Educação e Cultura
- Mauricio Roberto assumiu o lugar de Oberg na
direção da escola e na sua missão CORPO DOCENTE
- Flávio d'Aquino (arquiteto, critico de arte, professor assistente de história da arte na Faculdade Nacional de Arquitetura)
- Aloísio Magalhães (pintor, gráfico, designer gráfico, professor visitante no Philadelphia College of Art)
- Alexandre Wollner (designer gráfico, ex- aluno da escola de Ulm)
- Eurryalo Cannabrava (professor catedrático do Coléio Pedro II, professor visitante na Universidade de Columbia)
- Antonio Gomes Penna (psicólogo, livre-docente de psicologia da Guanabara, assistente da cadeira de psicologia da Faculdade Nacional de Filosofia)
- Zuenir Carlos Ventura (técnico em redação, assistente da cadeira de literatura e língua portuguesa do curso de jornalismo da Faculdade Nacional de Filosofia)
- Karl Heinz Bergmiller (designer industrial, formado pela escola de Ulm, ex-membro do escritório de Max Bill, na Alemanha)
- Orlando Luiz de Souza Costa (design industrial, diplomado em Industrial Design pela Parson School of Design, de Nova York) - defendia que design é projeto - capa de disco e livro não é design as vezes é ilustração- distinção o que é ou não design / complicado- implicito que o design se relaciona com a linguagem e tecnologia - influencia do renascimento com as proporções áureas com regras de 3 partes- passou por uma seleção de 300 caditados no MAM- em 1951 estava fazendo o curso IAC
- ganhou bolsa para estudar em Ulm 1954 / 1958
- foi sócio e fundador do 1 escritório de desing brasileiro Forminform
- Professor e fundador da Esdi
- bastante metodico Aloísio Magalhães - Fundador da Esdi e professor
- Influenciado por Wollner metodologicamente
- Artista Plástico
- Secretário do MEC
- Diretor do IPHAN
- 1960 fundou o o escritório M+N+P
- Gráfico Amador
Geraldo de Barros - Artista Plástico
- Fotografo
- Designer
- vinculos com a arte experimental
- pioneiros na fotografia abstrata
- movimento concretista brasileiro
- desconstrução
- questões sociais e urbanas
- Fundador e Membro:
- Grupo 15
- Galeria Rex
- grupo Ruptura
- FormInform
- Unilabor
- Hobjeto Bibliografia:

- Alexandre Wollner e a Formação do Design Moderno no Brasil

- Na casca do ovo, o princípio do desenho industrial - Fernando Lemos

- Uma Introdução à História do Design - Rafael Cardoso

- Design Gráfico uma História Concisa - Richard Hollis

- Design no Brasil: Origens e Isntalações - Lucy Niemeyer

- Nota para uma História do Design - Pedro Luiz

- Design Gráfico Brasileiro - Anos 60 - Chico Homem de Melo

Estudaram no IAC (maioria era bolsista)
- Alexandre Wollner,- Antônio Maluf- Aparício Basílio da Silva- Carlos Galvão Krebs- Emilie Chamie- Estella T. Aronis- Glória Nogueira Lima- Irene Ivanovsky Rucchi- Isolde Brams- Lauro Pressa Hardt- Lígia Fleck- Ludovico Martino- Luiz Hossaka - Marion Koch- Mauricio Nogueira Lima- Virgínia Bergamasco - Yone Maria de Oliveira Pioneiro
(francês pionnier, sapador, colono de terras desabitadas)
adj. s. m. adj. s. m.1
Que ou quem primeiro desbrava regiões incultas.
= desbravador 2.
Que ou quem vai à frente.
= dianteiro, precursor 3. Fig.
Que ou quem prepara os resultados futuros.
Full transcript