Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Estudo de Caso SEMCO

No description
by

Luís Braga

on 28 May 2011

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Estudo de Caso SEMCO

Enquadramento Descrição da
Empresa Estratégia
e Estilo de Gestão Cultura Criativa Processos criativos
e de inovação Vantagem
Competitiva Conclusão 1953 António Curt Semler 1960 70% 1979/80 Estrutura Unidades de Negócio Hierarquia Informal
Colaboração equitativa Cargo Rotação Liberdade Aparência Autoridade Horário Férias Avaliação Ambiente SEMCOPAR Pessoas Informalidade Orgulho Jeito SEMCO de ser Gestão Participativa 1. Ser uma empresa séria e confiável;

2. Oferecer serviços e produtos aos melhores preços de mercado;

3. Proporcionar uma experiência de atendimento ao cliente diferenciado e baseado na responsabilidade antes do lucro;

4. Valorizar a transparência e a honestidade acima dos interesses momentâneos;

5. Procurar o equilíbrio entre lucros a curto e a longo prazo;

6. Atentar na segurança no trabalho e no controlo dos processos industriais, protegendo as pessoas e o meio ambiente;

7. Estimular a criatividade, valorizando pessoas que ousam;

8. Preservar ambiente informal e agradável, com profissionalismo e sem preconceitos;

9. Incentivar a participação de todos e o questionamento de decisões impostas de cima para baixo;

10. Ter humildade para reconhecer os erros, sabendo que sempre haverá o que melhorar. Estratégia Parcerias
Joint-Ventures Três Pilares Participação das pessoas 1. Distribuição dos lucros da
empresa 2. Fluxo da Informação 3. Pioneira Mudanças radicais Geração de Ideias Técnicas de Grupo

Individuais

Chefias Directas

Representantes dos Colaboradores no comité Cê Tá Loko! Criação de espaços para relaxar e quebrar a rotina

Envolvente que propicie a criatividade - "Ideias inovadoras e criativas não surgem quando estamos sentados na cadeira do posto de trabalho..." Eleição de comité de representantes dos colaboradores (2 em 2 anos)
Comité de representantes reúne todos os inputs e apresenta nas reuniões de gestão. Liberdade Total

Agir como start-up

Não ser uma "ama-seca"

Flexibilidade das tarefas

Inexistência de standards Metodologias Adoptadas "É possível ter uma organização eficiente sem regras e comandos. Pode-se ser criativo sem sacrificar o lucro. Pode-se liderar sem dominar as pessoas." - Ricardo Semler 5 % de lucros distribuidos aos
colaboradores todos os anos
Transparência das contas e do
estado da empresa
Percebem como devem inverter
tendências negativas Objectivo: Criar entusiasmo e processos inovadores Disponibilização de todos os dados da
empresa a todos os colaboradores Com informação podem estar munidos
para opinar nas reuniões Eliminação
Sede Perda Tempo Trânsito Criar 14 mini-Sedes Cada um escolhe onde trabalha Ausência controlo Visual Escritório
pelo
Cinema Flexibilidade de horário Ajustar horário às
necessidades pessoais Definição clara e
Objectiva de Objectivos Ausência
Controlo
Despesas Não tem política de controlo Ninguem precisa de autorizações Cada Equipa tem o seu orçamento Todas as despesas são publicadas
e vísiveis por todos os membros Prémios e avaliação dependem do Lucro Transparência Escolher
o
Chefe São os colaboradores que fazem
as entrevistas às suas chefias A SEMCO confia no julgamento
dos seus colaboradores e da sua experiência Podem ser entrevistados 5 a 6 vezes num
processo de selecção Podemos não gostar da escolha
mas temos que respeitar a decisão
do grupo. Comitê

Tá Loko! Aposente-se
um
Pouco Caixa de Ideias Revolucionária Ideias malucas ou revolucionárias Valores Liberdade Respeito pelo Outro Gestão Participativa Direito ao ócio No final
se ninguém gritar é porque a ideia não serve para a SEMCO Qualquer colaborador pode
gozar a reforma desde já Um dia por semana a
compensar na altura oficial da reforma Quando chegamos à reforma
não temos a saúde para a gozar em pleno Ter tempo para as coisas que
queremos ou que precisamos (filhos) Salário desce 10% e volume trabalho 20% Cochilo
no Trabalho Incentivo ao descanso dos seus colaboradores
mesmo quando estão no posto de trabalho Combate ao deficit de sono e descansado da sociedade
actual devido ao ritmo e pressão com que as coisas acontecem Falta de Disponibilidade para a Inovação
dos processos internos e criatividade As ideias inovadoras e criativas não surgem quando estamos sentados na cadeira do posto de trabalho o dia todo a suportar a pressão do dia-a-dia. Cultura Criativa (ADN da empresa);

Incitamento à opinião, à rotatividade e à informalidade do processo de criação de ideias;

Aceitação da inevitabilidade da mudança, incitamento à tomada de riscos, e tolerância ao erro Ricardo Semler Cecília Santos (meg10013)
Luís Braga (xt-100500453)
Nuno Sá Couto (meg10020)
Pedro Alves (meg10006)
Ricardo Gonçalves (ei06048) Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto
Mestrado em Engenharia de Serviços e Gestão
28 de Maio de 2011 Estudo de Caso: SEMCO Criatividade Investimento em parcerias 10 anos : 600% lucros
Full transcript