Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

A Representação do EU na vida cotidiana

No description
by

Claudia Lima

on 26 May 2016

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of A Representação do EU na vida cotidiana

"Definição de situação"
Mas qual a importância de estudar esses detalhes, aparentemento insignificantes, da vida cotidiana?
Erving Goffman
A Representação do EU na vida cotidiana
1974
1975
1975
Interacionismo simbólico
Centra a análise na interação em nível micro
"Comunicação entre os individuos"
Antropologia e psicologia social
O estudo de formas aparentemente insignificante de interação social é de grande importância na sociologia.
1) Repetição de padrões semelhantes
2) Estudar os símbolos na vida cotidiana, lança luz sobre sistemas e instituições mais amplas
Análise de Goffman
A vida em sociedade é constituída por
interações sociais
nas quais as comunicações são estabelecidas pelas expressões
transmitidas e emitidas

pelos atores reciprocamente.
As interações sociais exigem diversas formas de comunicação.
Transmite
Verbal
Emite
Não verbal
Olha que interessante!
Os humanos conseguem comunicar com uma variedade de emoções usando apenas o rosto.
Ekamn - Sistema de codificação da Ação Facial
aborda as interações sociais entre indivíduos, numa “micro-interação”, ou seja, naquela que se caracteriza entre um pequeno grupo num dado momento e num determinado espaço.
Hipótese
Goffman acredita que um indivíduo se apresenta diante dos outros utiliza recursos para controlar a impressão.
"Quando uma pessoa chega à presença de outras, existe em geral alguma razão que a leva a atuar de forma a transmitir a elas a impressão que interessa transmitir"
Exemplos?
O livro trata de algumas técnicas que as pessoas impregam para manter as impressões que desejam passar.
"Ocuparei dos problemas dramaturgicos do participante ao representar a vida perante aos outros."
Utiliza a perspectiva da representação teatral
Teatro
Palco
Ator
Platéia
Vida real
Indivíduo/ ator
Outros/ Platéia
Máscara
Qual forma de expressão será de maior interesse para Goffman?
"Das duas formas de comunicação dadas - esse trabalho leva em conta primordialmente a de tipo mais teatral e contextual, a de natureza não-verbal e presumivelmente não- intensional."
Expressividade do indivíduo
(sua capacidade de dar impressão)
Quais estratégias os indivíduos utilizam para representarem bem os papéis sociais?
Os indivíduos
definem uma situação
e, a partir disso, orientam-se para agir de maneira adequada.
Trata-se do processo a partir do qual se atribui sentido ao contexto vivido, da resposta que cada pessoa dá à seguinte pergunta: 'O que está acontecendo aqui?'
Definição de uma situação é um processo fundamental para a vida de qualquer indivíduo que vive em sociedade, no sentido de entender o que está acontecendo e se alinhar as diversas situações diferentes.
Indivíduo atua
Controlar a definição da situação, tentando conduzir a impressão dos outros de acordo com seus interesses.
Vídeo
O que você acha dessa cena?
Quais conclusões pode chegar a partir do texto de Goffman?
Independente do objetivo particular do indivíduo tenha em mente, será do interesse dele regular a conduta dos outros.
As vezes agirá de maneira totalmente calculada
Pode agir de maneira calculada, mas ter pouca consciência proceder assim.
Pode agir de maneira nada calculada
Mas, todos agem com intensão de mostrar o que é bom e esconder o que é ruim.
O problema é os outros ficarem sabendo que fazemos isso.
Definindo mal a situação podemos nos expor a uma forma de poder .
O poder do vexame
Na interação, o grupo espera que o indivíduo ignore seus sentimentos pessoais e expresse-se de maneira supostamente aceitável a todos.
A comunicação imprópria é controlada!
Assimetria da informação
O ator, em geral, só tem consciência de um fluxo de comunicação e os observadores têm consciência dois fluxos.
Como reestabelecer a simetria de informação? Qual estratégia o ator toma para não ficar em situação de desvantagem?
Modos vivendi interacional
Os participantes contribuem para uma única definição geral da situação
Cada indivíduo estabelece as questões importantes para ele
O outro se mostra neutro ou se abstem das questões importantes para o outro
1)
2)
3)
Verificamos que a definição de uma situação projetada por um participante integra a projeção alimentada e mantida pela cooperação de mais de um participante.
O conteúdo da encenação não é um expressão apenas pessoal do ator.
Equipe
Equipe de encenação
Grupos de indivíduos que cooperam na encenação de uma rotina particular.
-> Características da tarefa que está sendo representada e não específicas do ator.
A representação do indivíduo
Conjunto de participantes e a interação como um todo
Dois níveis de representação
Goffman estava interessado fundamentalmente em compreender os mecanismos que sustentam os processos da interação entre os indivíduos, o que ocorre em microssituações sociais concretas.
Ressalta que a vida social se desenvolve no seu cotidiano a partir de relações face a face que estão submetidas a
determinadas regulações
.
-> um conjunto de prévias experiências culturais vivenciadas pelos indivíduos que as utilizam em seus encontros;
-> um estoque de impressões que voluntária ou involuntariamente transmitem sobre si mesmos;
Quadro de referência
característico a grande parte das interações.
1º) Criação de equipes
Dentro de um estabelecimento social encontramos um equipe de atores que cooperam para apresentar à platéia uma dada definição da situação;

2º) visão -região dos fundos/ região de fachada;





Formas que se estabelecem as interações -
Modus Vivendi operacional
Mas, como são estabelecidas essas determinadas e reguladas formas de interação?
Como ocorre a definição da situação?
Capacidade de expressão dos indivíduos
-->
capacidade comunicativa com base na impressão, visto que não é possível saber todos os dados sociais e consequências das ações das pessoas.
A
impressão -
->
é fonte de informação a respeito dos fatos não aparentes e como meio pelo qual as pessoas que a recebem podem orientar sua resposta ao informante sem esperar todas as consequências das ações dos indivíduos.
Base da impressão:
Acontece algo incompatível com a impressão passada por um dos atores.
Quais as consequências da ruptura da impressão passada?
1º) indivíduo: quando acontece a ruptura, ficam fragilizadas as características em torno da personalidade do próprio indivíduo.

2º) interação social: causa desorganização das ações e do sistema social– causa embaraço e os atores se sentem perturbados.

3º) estrutura social: comprometimento das instituições sociais, pois no momento da ruptura ocorre a falta de legitimidade dessas partes.

Transmissão verbal
Fraude
Emissão não verbal
Dissimulação
Dialética inerente nas interação social!
Para interação o indivíduo necessita de o maior quantidade possível de informações para definir de maneira correta a situação.

Mas, no cotidiano, raramente se consegue uma vasta informação dessa ordem, e portanto, o indivíduo deverá confiar nas aparencias.
"Quanto mais o indivíduo se interessa na realidade inacessível à percepção, tanto mais tem que concentrar a atenção nas aparências".
"Na existência cotidiana não dirigimos nossas vidas, tomamos nossas decisões e ou alcançamos metas, nem de maneira estatística nem de maneira científica. Vivemos de inferências."
"É de interesse das pessoas regular a conduta dos outros, principalmente a maneira como os tratam."
(Goffman, pág. 13)
Goffman
O estudo da vida social organizada dentro dos limites físicos de um prédio ou de uma fábrica – um quadro de referência aplicável a qualquer estabelecimento social concreto.
Análise dos veículos de informação
Full transcript