Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Globalização, Meio Ambiente e Desenvolvimento.

No description
by

Pedro Luis Gonçalves Soares

on 9 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Globalização, Meio Ambiente e Desenvolvimento.

photo credit Nasa / Goddard Space Flight Center / Reto Stöckli Globalização, Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável Globalização: A globalização existe desde os tempos das navegações, e foi se desenvolvendo com o passar dos séculos e com o crescimento da humanidade. Mas devido ao consumo exagerado dos recursos naturais, fez com que medidas severas fossem tomadas nos últimos anos, visando coibir os abusos e criar uma nova consciencia ambientalista. Com as revoluções e as guerras houve os acordos internacionais, ocasionando assim a expansão das industrias.
Esse crescimento desenfreado das industrias gerou, e ainda gera, grandes impactos ambientais. Essa expansão industrial ocasiona uma grande concorrencia por um lugar no mercado comercial. Com toda essa competição o consumidor ganha na qualidade dos produtos e serviços, mas sai perdendo na qualidade de vida, pois as industrias não se importam com leis ou normas a elas aplicadas, acarretando assim, impactos no meio ambiente e destruição da camada de ozônio. A crise ambiental que ameaça o futuro do planeta tem sua origem justamente na expansão capitalista promovida pela globalização. Para a economia globalizada continuar crescendo são necessários cada vez mais consumidores, ainda que não consumam sequer o mínimo necessário a uma vida digna. O aumento do consumo por aqueles que ja dispõem do necessário para viver é uma necessidade constante, que é estimulada por campanhas publicitárias, mensagens subliminares e por um sistema que valoriza as pessoas pelo seu poder de compra e não pela essência de cada ser. Principais danos causados no Meio Ambiente pela Globalização: Poluição na Água:
Fundamental para a vida em nosso planeta, a água tem se tornado uma preocupação em todas as partes do mundo. O uso irracional e a poluição de rios, oceanos, mares e lagos, podem ocasionar, em breve, a falta de água doce, caso não ocorra uma mudança drástica na maneira com que o ser humano usa e trata este bem natural. Poluição no Solo:
O lixo depositado em aterros é responsável pela liberação de uma substância poluente que mesmo estando sob o solo, em buracos “preparados” pra este fim, vaza promovendo a contaminação do solo.Um outro problema grave que ocorre nestes aterros é a mistura do lixo tóxico com o lixo comum. Poluição no Ar:
Esta poluição tem gerado diversos problemas nos grandes centros urbanos. A saúde do ser humano, por exemplo, é a mais afetada com a poluição. Doenças respiratórias como a bronquite, rinite alérgica, alergias e asma levam milhares de pessoas aos hospitais todos os anos. Lixo urbano:
O lixo produzido em nossas casas precisa ter um destino certo, pois quando isso não ocorre a cidade toda fica exposta a doenças e contaminação. Lixo Industrial:
É o lixo que resulta dos processos de produção das industrias, ele varia de acordo com o material produzido. Assim, industrias metalúrgicas, alimentícias, químicas tem um lixo bem diferente, requerendo assim um tratamento especial. Desmatamento:
O desmatamento é um processo que ocorre no mundo todo, resultado do crescimento das atividades produtivas e econômicas e, principalmente, pelo aumento da densidade demográfica em escala mundial, pois isso coloca em risco as regiões compostas por florestas. Queimadas:
As queimadas têm sido provocadas diariamente. Vemos todos os dias nas televisões, rádios ou revistas, grandes incêndios provocados pelo homem ou por alguma ocorrência inesperada. Essas queimadas são um dos responsáveis pelo o que estamos sofrendo, o aquecimento global e a poluição alta do ar. Desenvolvimento sustentável:
É o desenvolvimento capaz de suprir as necessidades da geração atual, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações. É o desenvolvimento que não esgota os recursos para o futuro. Incluindo como alguns desses recursos podemos citar as energias renováveis: Hoje tem de se pensar com seriedade numa nova forma de convivência do ser humano com o desenvolvimento industrial pelo qual: Se polua cada vez menos;
Se recicle cada vez mais;
Se recupere o que foi danificado na natureza através da atividade humana;
Se aumentem os reflorestamento;
Se desenvolvam formas de energias renováveis
Se conservem solos agrícolas; Consumo consciente:
Consumo consciente é tentar aumentar os impactos positivos e minimizar os negativos. É uma contribuição voluntária, cotidiana e solidária de quem quer garantir a sustentabilidade do planeta, ou seja, o equilíbrio entre a natureza e nossas ações. Energia Eólica: É aquela gerada pelo vento. Desde a antiguidade este tipo de energia é utilizada pelo homem, principalmente nas embarcações e moinhos. Atualmente, a energia eólica, embora pouco utilizada, é considerada uma importante fonte de energia por se tratar de uma fonte limpa Energia Solar: É aquela proveniente do Sol (energia térmica e luminosa). Esta energia é captada por painéis solares, formados por células fotovoltáicas, e transformada em energia elétrica ou mecânica. A energia solar também é utilizada, principalmente em residências, para o aquecimento da água. Energia Maremotriz: É o modo de geração de energia através da utilização da movimentação da água dos oceanos, provocada pelas marés. Dois tipos de energia maremotriz podem ser obtidas: energia cinética das correntes devido às marés e energia potencial pela diferença de altura entre as marés alta e baixa. Pequenas Usinas Hidrelétricas: Esse tipo de hidrelétrica é utilizada principalmente em rios de pequeno e médio porte. Em alguns casos dispensam reservatório, chamada “a Fio D’água”, quando a força da água é suficiente para movimentar as turbinas. Energia Geotérmica: É aquela gerada através do calor proveniente do interior da Terra. Esse calor é transformado, na usina geotérmica, em eletricidade. Energia Biomassa: Esta energia é resultado da decomposição de materiais orgânicos como, por exemplo, esterco, madeira, resíduos agrícolas, restos de alimentos entre outros. A biomassa pode ser uma boa opção energética, pois é renovável e gera baixas quantidades de poluentes. Energia Hidrogênio: É a energia que se obtém da combinação do hidrogênio com o oxigênio produzindo vapor de água e libertando energia que é convertida em eletricidade. Existem alguns veículos que são movidos a hidrogênio. Grupo:
Ana Caroline Santos
Grasiela Castelan
Karen Chaves
Janaina Zeferino
Pedro Luis Soares
Full transcript