Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Atividade Física e Esporte para Cadeirantes

Aspectos, causas e consequências da lesão medular e atividade física e esporte para cadeirantes
by

Diego Samuel Fonseca Soares

on 6 November 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Atividade Física e Esporte para Cadeirantes

ATIVIDADE FÍSICA E ESPORTE
PARA CADEIRANTES Atividade Física e Esporte para Cadeirantes Denison Sucerda Aires
Diego Samuel Fonseca Soares
Graziano Souza
Henrique Mena Barreto Nunes
Marcos Vinicios Jacobs Atividade Física Adapatda - atividades rítmicas e expressivas cuja organização está baseada em interesses, capacidades e limitações de indivíduos com deficiência. Profissional de Educação Física na Atividade Física Adaptada Tetraplegia - dano à medula espinhal cervical, causando a paralisia parcial ou completa que envolve todos os quatro membros e o tronco, incluindo músculos respiratórios. LESÃO MEDULAR Regulação térmica - realizar a prática esportiva em horários e ambientes cujas temperaturas sejam amenas; usar roupas leves e de fibras adequadas, compressas de gelo, toalhas úmidas; dosar esforços segundo a temperatura do dia; ingerir preventiva e periodicamente líquidos; Atividade Física para Cadeirantes INTRODUÇÃO Inclusão social ganha cada vez mais importância.

Diversas áreas fazem parte da inclusão, em destaque aqui a Educação Física.

Será relacionado neste estudo o cadeirante a atividade física e esporte. Objetivo Apresentar causas, consequências e características da lesão medular, aspectos da atividade física e prática esportiva para cadeirantes; e relatos práticos da modalidade esportiva Basquetebol em Cadeira de Rodas, realizado em Santa Cruz do Sul – RS. Os profissionais dessa área devem saber:
escutar,
observar,
argumentar,
discutir,
registrar,
Para estarem aptos a adaptar seus estilos de comunicação para indivíduos de diferentes idades, níveis educacionais, níveis socioeconômicos, gêneros, grupos étnicos, culturas e idiomas. Serviços prestados pelo Profissional de Educação Física
serviços de planejamento,
identificação,
prescrição,
encaminhamento,
ensino,
aconselhamento,
reabilitação,
treinamento em esportes,
avaliação e coordenação de serviços oferecidos. Paraplegia - dano à medula espinhal torácica ou lombar, ou das raízes sacrais, é a paralisia parcial ou completa de ambos os membros inferiores, e todo ou parte do tronco. Há três tipos de lesão medular

Congênita - ocorre no útero e esta presente no nascimento;

Lesões traumáticas são constituídas por fraturas e luxações (causadas por acidentes de trânsito, acidentes de trabalho, quedas e esportes) e ferimentos (causadas por armas de fogo ou armas brancas);

Lesões não traumáticas são aquelas causadas por doenças (tumorais, infecciosas, vasculares, degenerativas, neurológicas e sistêmicas, malformações congênitas, entre outras). Consequências da lesão medular:
alterações endócrinas;
alterações metabólicas;
alteração da regulação térmica;
alterações respiratórias;
alterações vasomotoras; osteoporose;
deformidades osteoarticulares;
anormalidades articulares degenerativas;
contraturas musculares;
atrofia muscular;
dor;
alteração na coordenação motora. Desordens Ortopédicas

colapso da espinha;
inversão da lordose lombar e da cifose torácica;
hiperlordose da espinha lombar escoliose;
deformidade secundária do gradil costal;
articulação do quadril;
articulação do joelho. CUIDADOS NA REALIZAÇÃO DE ATIVIDADE FÍSICA Treinamento aeróbio promove adaptação funcional e é eficiente na regulação de calor. Pressão artetial - exercícios aeróbicos são recomendados a serem predominantes durante a atividade e os anaeróbios devem ser aplicados com cuidado por terem uma tendência no aumento da pressão arterial devido à necessidade de uma maior demanda de sangue. Limitação da capacidade respiratória - paraplégicos e tetraplégicos não treinados ou fora de forma podem ter uma resposta da função cardiorrespiratória ineficiente ou de risco. Atividade física e esporte

ajuda a prevenir as enfermidades secundárias à deficiência;
ainda promove a integração social;
faz bem para a saúde do corpo e da mente.


O importante é encontrar uma modalidade esportiva ou atividade física que se enquadre as suas condições e limites. Benefícios da atividade física para cadeirantes Físicos:
agilidade;
equilíbrio;
força muscular;
coordenação motora;
resistência física;
melhora das condições das funções orgânicas (aparelhos circulatório, respiratório, digestório, reprodutor e excretor);
velocidade. Psicológicos:
melhora da autoestima;
aumenta à integração social;
redução da agressividade;
estímulo à independência e autonomia. Constata-se que a atividade física tem muita importância para os deficientes físicos, pois a mesma permite que eles tenham uma interação social, sentido-se inclusos na sociedade e ativos fisicamente dentro de suas limitações, pois fica comprovado os benefícios físicos e psicológicos que a atividade física traz a esses indivíduos, confirmando assim que a atividade física faz a diferença na vida deles. CONCLUSÃO Basquetebol em Cadeira de Rodas

Iniciou em 1945 nos Estados Unidos, com ex-soldados feridos durante a 2ª Guerra Mundial;
No Brasil, surgiu na década de 50, introduzida por Sérgio Del Grande, após seu tratamento nos Estados Unidos.

O basquetebol em cadeira de rodas tem suas próprias federações e confederações, sendo:

•IWBF – International Wheelchair Basketball Federation (Federação Internacional de Basquetebol em Cadeira de Rodas);
•CBBC – Confederação Brasileira de Basquetebol em Cadeira de Rodas;
•FGBC – Federação Gaúcha de Basquete em Cadeira de Rodas.

Em Santa Cruz do Sul
Inciou em 1996, ficou inativo entre dezembro de 2010 e julho de 2012, quando foi reativado;
Conta com 8 participantes;
Duas vezes por semana - segundas e quartas-feiras no turno da manhã. Graziano Souza
Licenciatura Plena em Educação Física - UNISC
Formado desde 2002, 15 anos de atuação na área
Trabalhou no projeto nos anos de 2001 e 2002, e atualmente
Full transcript