Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Copy of Aula 91 - Normas da vida Espiritual

No description
by

Hilda Schneider

on 24 October 2012

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Copy of Aula 91 - Normas da vida Espiritual

Aula 91- Normas da vida espiritual Com relação ao plano divino
e a Lei da evolução. Perante as leis do trabalho e da justiça Perante a lei do Amor O plano divino sintetiza leis naturais que são eternas, Perfeitas e imutáveis. Devemos então procurar compreender a razão de ser da vida e as leis que regem a evolução. Não se pode conceber a eternidade da vida sem progresso e sem responsabilidades. studando a evolução do espírito, surge um princípio filosófico, a reencarnação. A reencarnação é básica e imprescindível para se compreender a vida. A vida de hoje é vinculada ao passado e ao futuro. Por tanto, a felicidade do espírito é de se enquadrar no plano divino obedecendo conscientemente as suas leis. Sem a reencarnação a filosofia da vida não estabelece causas no passado que reflitam no presente. Aceitando a reencarnação, percebe-se a nossa responsabilidade, a grandeza e a perfeição do plano divino. Admitida a existência e sobrevivência do espírito, logicamente se conclui sobre a existência da evolução. Dai conclue-se que: Pela lei da evolução O espírito caminha para a perfeição. O P D D N A E A A S P A O esforço é o que move a evolução e assegura o mérito. A evolução depende dos pensamentos e atitudes. A vontade de Deus nos auxilia nessa tarefa. Caminhando dentro das leis naturais a evolução é mais fácil. Nosso trabalho precisa ser: Honesto: Para não prejudicar ninguém Fraterno: Para auxiliar a todos Coletivo:Pois sozinho não teremos resultado algum Util: Objetivando a evolução individual e coletiva Perseverante: Sem ela não chegaremos a perfeição A fé aumenta a vontade do homem na para a luta evolutiva. Aceitar e realizar todo trabalho que a vida nos oferecer. É errado cruzar os braços. É errado fazer mais, além da capacidade de que podemos fazer. Nunca nos é dado carga além daquela que podemos suportar. O A A C N H F C Ú P A A É É N Agir sempre pelo bem realizando o o preceito evangélico: "Amai vos uns aos outros". Não acertamos sempre, a humildade nos dará coragem para voltar e corrigir. Quando o erro é de nosso semelhante, devemos perdoar. Lembamos que: Perdoar não é deixar de reconhecer um erro. Vamos nos purificar, gradativamente e sem interrupções para sempre refletir a vontade de Deus e sermos os executores do Plano Divino da Vida. Mas sim Não guardar ressentimento, não reagir violentamente, esquecer a ofença e abrir os braços ao ofensor se ele nos vier procurar. Ter boa vontade para com o ofensor ajudando-o em sua evolução. Vamos amar: Só o amor: Une, redime e felicita. A nós mesmos aumentando nossa cultura e purificando nossos sentimentos Nossa familia, e não poupar esforços, honestos, justos e razoáveis. Nossa nação, nosso estado, nossa pátria e a pátria dos outros. Tambem devemos: Vamos multiplicar nossos talentos e colocar a disposção dos outros. Escutar a voz de nossa consciência e o seu julgamento. Tenhamos coragem de voltar quando isso for necessário para reencontar o caminho deixado por Jesus. Estudemos o evangelho com o cérebro e sentí-lo com o coração, vivendo-o em nossos vidas, todos os dias. O Evangelho contem as normas divinas que precisamos conhecer, aceitar, sentir e realizar o reino de Deus dentro de nós. Jesus é nosso exemplo e só chegaremos ao pai, seguindo seus ensinamentos. Devemos ser exigentes conosco, analisando o quanto somos egoístas, orgulhosos, vaidosos, etc. Esses são nossos verdadeiros inimigos a serem combatidos. Vamos substituir: O egoísmo pelo altruismo O isolacionismo pelo colaboracionismo O orgulho pela humildade A vaidade pela simplicidade A malidicência pelo silêncio caritativo e sábio A ociosidade pelo esforço. Quando a dor bater em nossa porta, saibamos entendê-la e aproveitá-la, ela é nossa aliada de evolução. Abençoemos sempre a oportunidade de trabalho. Vamos realizar primeiro o pouco para depois realizar o muito. Vamos começar a reforma em nós mesmos para sermos uteis a nossa familia, nossa sociedade e a nossa humanidade Enfim: FIM
Full transcript