Loading presentation...

Present Remotely

Send the link below via email or IM

Copy

Present to your audience

Start remote presentation

  • Invited audience members will follow you as you navigate and present
  • People invited to a presentation do not need a Prezi account
  • This link expires 10 minutes after you close the presentation
  • A maximum of 30 users can follow your presentation
  • Learn more about this feature in our knowledge base article

Do you really want to delete this prezi?

Neither you, nor the coeditors you shared it with will be able to recover it again.

DeleteCancel

Make your likes visible on Facebook?

Connect your Facebook account to Prezi and let your likes appear on your timeline.
You can change this under Settings & Account at any time.

No, thanks

Bruna Oliveira

No description
by

Bruna Oliveira

on 24 November 2013

Comments (0)

Please log in to add your comment.

Report abuse

Transcript of Bruna Oliveira

Phyllomedusa ayeaye
Introdução
O Brasil é o líder mundial em diversidade de anfíbios, com 765 espécies.

26 espécies estão ameaçadas.

Novas espécies são descobertas a cada ano.

DIVERSIDADE DE ESPÉCIES
Desde a década de 1960 até hoje, foram descritas 313 espécies de anfíbios, dobrando o número descrito nos 200 anos anteriores.

Só nos últimos dez anos foram descritas 97 novas espécies.

765 espécies distribuídas em 3 ordens, 13 famílias e 98 gêneros

ESPÉCIES AMEAÇADAS DE EXTINÇÃO
Espécies listadas como insuficientemente conhecidas e presumivelmente ameaçadas de extinção
Phrynomedusa fimbriata,
Paratelmatobius gaigae
Hyla izecksohni
A primeira lista de espécies da fauna brasileira ameaçada de extinção que incluiu os anfíbios foi publicada em 1989
Grupo:
Bruna Oliveira
Mariana Assunção
Priscila Almeida
Hyla cymbalum
Espécies que foram consideradas como criticamente em perigo
Hyla izecksohni
Scynax alcatraz
Holoade bradei
Paratelmatobius lutzi
Odontophrynus moratoi
Melanophryniscus macrogranulosus
espécies incluídas na categoria em perigo
Adelophryne maranguapensis
Physalaemus soaresi
Hylomantis granulosa
Thoropa petropolitana
espécies incluídas
NA categoria vulnerável
Adelophryne baturitensis
Melanophryniscus dorsalis
Thoropa lutzi
PRINCIPAIS AMEAÇAS
A principal causa desses declínios é, seguramente, a destruição dos habitats, mais as doenças infecciosas

A maior parte dos relatos de declínio provém da Mata Atlântica, um dos hotspots mundiais de biodiversidade (Myers et al., 2000)

INICIATIVAS DE CONSERVAÇÃO E PESQUISA
Declínios e extinções de espécies na América do Sul ocorrem pelo simples fato de muitos países não possuírem uma política de conservação efetiva e adequa- da (Juncá, 2001)

A lista de espécies ameaçadas está tendo um impacto considerável no Brasil

Com base nos resultados da GAA sugerem diversas medidas para a conservação dos anfíbios na América do Sul.

Os autores sugerem, também, novas abordagens de pesquisa para a identificação de problemas chave, espécie a espécie, que são a causa do declínio dos anfíbios.



O Cerrado é também considerado um dos hotspots mundiais de biodiversidade.
Azevedo-Ramos, C. & U. Galatti. 2002. Patterns of amphibian diversity in Brazilian Amazonia: conservation implications. Biological Conservation 103: 103-111.
Bergallo, H.G., C.F.D. Rocha, M.A.S. Alves & M. Sluys (eds.). 2000a. A fauna ameaçada de extinção do Estado do Rio de Janeiro. EdUERJ, Rio de Janeiro.
Bergallo, H.G., C.F.D. Rocha, M. Van Sluys & M.A.S. Alves. 2000b. As listas de fauna ameaçada: as discrepâncias regionais e a importância e significado de listas. In: H.G Bergallo, C.F.D. Rocha, M.A.S. Alves & M. Van Sluys (eds). A fauna ameaçada de extinção do Estado do Rio de Janeiro. pp. 11-15. EdUERJ, Rio de Janeiro.
Berger, L., R. Speare, P. Daszak, D.E. Green, A.A. Cunningham, C.L. Goggin, R. Slocombe, M.A. Ragan, A.D. Hyatt, K.R. McDonald, H.Y.B. Hines, K.R. Lips, G. Marantelli & H. Parkes. 1998. Chytridiomycosis causes amphibian mortality associated with population declines in the rain forests of Australia and Central America. Proceedings of the National Academy of Sciences 95: 9031-9036.
Bernardes, A.T., A.B.M. Machado & A.B. Rylands. 1990. Fauna brasileira ameaçada de extinção. Fundação Biodiversitas, Belo Horizonte, Brasil.
Bertoluci, J. & W.R. Heyer. 1995. Boracéia Update. Froglog 14: 3.
Bonaccorso, E., J.M. Guayasamin, D. Méndez & R. Speare. 2003. Chytridiomycosis in a Venezuelan anuran (Bufonidae: Atelopus cruciger). Herpetological Review 34: 331–334.
Borges-Martins, M., M. Di-Bernardo, G. Vinciprova & J. Measey. 2002. Geographic distribution. Rana catesbeiana. Herpetological Review 33(4): 319.
Colli, G.R., R.P. Bastos & A.F.B. Araujo. 2002. The character and dynamics of the Cerrado herpetofauna. In: P.S. Oliveira & R.J. Marquis (eds). The Cerrados of Brazil: ecology and natu- ral history of a neotropical savanna. pp. 223-239. Columbia University Press, Nova York.
Diniz-Filho, J.A.F., L.M. Bini, C.M. Vieira, M.C. Souza, R.P. Bastos, D. Brandão & L.G. Oliveira. 2004. Spatial patterns in species richness and priority areas for conservation of anurans in the Cerrado region, Central Brazil. Amphibia-Reptilia 25: 63-75.
Fearnside, P.M. 2005. Deforestation in Brazilian Amazonia: history, rates and consequences. Conservation Biology 19: 680-688.
Fundação SOS Mata Atlântica. 2002. Atlas da Mata Atlântica. Disponível em http://www.sosmataatlantica.org.br/ ?secao=atlas
Eterovick, P.C., A.C.O.Q. Carnaval, D.M. Borges-Nojosa; D.L. Silvano, M.V. Segalla & I. Sazima. 2005. An overview of amphibian declines in Brazil with new records from Serra do Cipó, State of Minas Gerais. Biotropica 37(2): 166-179.
Garcia, P.C. de A. & G. Vinciprova. 2003. Anfíbios. In: C.S. Fontana, G.A. Bencke & R.E. Reis (eds.). Livro vermelho da fauna ameaçada de extinção no Rio Grande do Sul. pp. 147– 164. Edipucrs, Porto Alegre, Brasil.
Groombridge, B. (org.). 1992. Global diversity: status of the Earth’s living resources: a report compiled by the World Conservation Monitoring Centre. Chapman & Hall, Londres.
Guix, J.C. 1990. Introdução e colonização de Rana catesbeiana Shaw, 1802 em um pequeno vale no municipio de Suzano (SP), sudeste do Brasil. Grupo de Estudos Ecológicos Série Documentos 2: 32-34.
Guix, J.C., A. Montori, G.A. Llorente, M.A. Carretero & X. San- tos. 1998. Natural history and conservation of bufonids in four atlantic rainforest areas of Southerastern Brazil. Herpetological Natural History 6: 1-12. Haddad, C.F.B. 1998. Biodiversidade dos anfíbios no estado de São Paulo. In: R.M.C. Castro (ed). Biodiversidade do Estado de São Paulo, Brasil. Série Vertebrados. pp. 16-26. FAPESP, São Paulo.
Referências bibliográficas
Full transcript